Legislativo

Quinta-Feira, 03 de Fevereiro de 2011, 19h:10 | Atualizado: 03/02/2011, 21h:05

Senado

Taques contrapõe Suplicy e pede a extradição de Cesare Battisti

Senado Pedro Taques    O ex-procurador da República, senador Pedro Taques (PDT), defendeu nesta quinta (3), da tribuna, a extradição do ex-ativista Cesare Battisti, preso no Brasil desde março de 2007, que é protagonista de um dos mais polêmicos processos de extradição.

   O pedido foi feito pelo governo da Itália, onde Battisti é condenado por assassinato. “Este criminoso deve ser enviado para a Itália sob pena de transformarmos a República Federativa do Brasil num esconderijo de criminosos”, afirmou Taques, durante a sessão que foi presidida pela 1ª vice-presidente da Casa, Marta Suplicy (PT-SP).

   Taques resolveu se pronunciar sobre o assunto depois que o senador Eduardo Suplicy (PT-SP) defendeu a permanência do italiano e de “quebra” leu uma carta de Battisti, que era endereçada aos parlamentares. O petista quer agendar uma reunião com a Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) para ouvir a versão do italiano. “Cesare Battisti cometeu crimes. Ele foi condenado pela Justiça italiana e teve a condenação mantida. Diante disso, estamos a tratar, não de um debate ideológico, mas de um debate de fato”, argumentou Taques, que atua como professor de direito Constitucional.

   O ex-procurador também contrapôs a afirmação de Suplicy de que a condenação de Battisti na Itália, por quatro homicídios, foi "baseada fundamentalmente em delação premiada e produzida em ambiente político conturbado". Taques pontuou que o próprio Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu que não trata-se de um crime. Firou também que o STF seja respeitado o tratado internacional.

Postar um novo comentário

Comentários (31)

  • lico | Quarta-Feira, 08 de Junho de 2011, 23h51
    0
    0

    O povo tem que se mobilizar para a Dilma nomear o Cesare Battisti ministro da Justiça. Vamos fazer uma corrente gente!

  • donevir | Sexta-Feira, 04 de Fevereiro de 2011, 15h19
    0
    0

    o problema do battisti é com a justiça italiana,eles que se resolvam por la, senador parabens, manda ele de volta. O Brasil ja tem os seus problemas para resolver ( e muitos).

  • Cândido | Sexta-Feira, 04 de Fevereiro de 2011, 10h56
    0
    0

    Me parece que o nobre senador está tentando se projetar (ganhar notoriedade) frente aos demais colegas face problema de tamanha envergadura. A estratégia está certa, mas lhe conviria conhecer melhor as "condições históricas" e os meandros da condenação do ativista em questão. Política pressupõe negociações, acordos, composições, recuos, avanços, pelos menos na democracia. Vai aceitar as regras do jogo ou vai para o isolamento ou, pelo menos, aparente isolamento!

  • joao do povo | Sexta-Feira, 04 de Fevereiro de 2011, 10h55
    0
    0

    penso que o nobre SENADOR deveria se posicionar a respeito do CASO COOORPELUCAS ( OTAVIANO PIVETA ) RSRSRRSRSRSRSRSR........

  • neomar fernando | Sexta-Feira, 04 de Fevereiro de 2011, 10h17
    0
    0

    Não seria melhor defender o direito do povo de mato grosso invés de ficar discutindo assunto que nada nos importa,pois o que o nosso estado tem haver com este tal de batitsti....acorda senado o povo confia em voçê.

  • Carlos | Sexta-Feira, 04 de Fevereiro de 2011, 09h58
    0
    0

    Parabens Senador pelo teu perfil. Isto mostra que ainda tem políticos sérios neste País. Votei em ti e continuarei votando (Se não se deixar contaminar pelos políticos de carreira). Tu és a confirmação que o parlamento brasileiro precisa de renovação urgente. Pois ainda há pessoas que merecem crédito neste País.

  • Eliza | Sexta-Feira, 04 de Fevereiro de 2011, 09h57
    0
    0

    Claudinei voce quer dizer que só porque a Dilma é presidente os fatos que aconteceram??? podem ser esquecidos??(podem estar muito escondidos) porque aqui no Brasil é diferente, mas vamos respeitar um país democrático, manda logo este pulha embora

  • ANTONIO | Sexta-Feira, 04 de Fevereiro de 2011, 08h57
    0
    0

    HA VOCES QUE ESTAO DEFENDENDO,ESSE ITALIANO......PARA E PENSAM....E SE FOSSEM ASSASSINADOS UM MEMBRO DE SUA FAMILIA,POR ESSE TAL ITALIANO.......PENSARIAM DA MESMA FORMA.........VAMOS PARAR COM ESSA HIPOCLESIA........OS FAMILIARES,DOS NOSSOS,IRMAOS,AGUARDAM POR JUSTICA......CHEGA DE IMPUNIDADE.....ESTA VALENDO A PENA,,,MINHA FAMILIA,TODA VOTOU EM VC PEDRO......QUE DEUS TE PROTEJA......

  • Paulo Salem | Sexta-Feira, 04 de Fevereiro de 2011, 08h54
    0
    0

    Começou muito bem senador. Que este cidadão vá resolver seus problemas lá na terra dele. Lula errou feio ao permitir - já na sua saida - que este cidadão ficasse no Brasil. Lula foi precipitado, até pq deveria deixar o caso para Dilma. Agora Taques se posiciona muito bem, mande ele ir embora.

  • Emerson | Sexta-Feira, 04 de Fevereiro de 2011, 08h52
    0
    0

    Parabéns Pedro Taques pela posição, agora vejo que não perdi meu voto em você!!! Temos que acabar com esse negócio de tudo que é tranqueira vir parar no Brasil, aqui nesse país aceita tudo, principalmente na época do "sapo barbudo".

Um novo embate entre Diane x Adair

diane alves 400 curtinha   Adair José Alves Moreira, que vinha atuando na assessoria do vice-governador Otaviano Pivetta, decidiu mesmo concorrer de novo à Prefeitura de Alto Paraguai. Ele já foi prefeito por duas vezes. Adair será o principal nome da oposição à prefeita democrata Diane Alves (foto),...

Taques ofuscado e sob mira do MPE

pedro taques 400 curtinha   Pedro Taques (foto) achou que o recall dos tempos de senador e governador, ajudando-o a se posicionar de forma razoável nas pesquisas, bem antes do início da campanha, o manteria como favorito na corrida ao Senado. Ledo engano. Não levou em consideração o alto índice de...

2 caciques não disputam Alto Garças

roland trentini 400 curtinha   Após décadas de rixas, de campanhas ostentadoras, rachas e brigas eleitorais intermináveis em Alto Garças, os ex-prefeitos Rolando Trentini (foto) e Júnior Pitucha resolveram não mais concorrer ao Executivo. Mas, um deles segue se movimentando nos bastidores. Pela...

Um ex-prefeito inelegível em Poconé

clovis martins 400   Dificilmente o ex-prefeito petebista Clovis Damião Martins (foto) terá registro de candidatura a prefeito de Poconé deferido pela Justiça Eleitoral. O promotor de Justiça, Mário Anthero, já pediu impugnação do registro do petebista por inelegibilidades. Clovis, que...

Briga em Sinop entre Juarez e Dorner

juarez costa 400 curtinha   Em Sinop, a briga eleitoral caminha para tensão e acirramento entre o emedebista Juarez Costa (foto) e Roberto Dorner (Republicanos). Hoje, o ex-prefeito seria eleito, mas Dorner vem crescendo nas adesões, com ajuda do vice de sua chapa, ex-vereador Dalton Martini (Patriota). O apoio da prefeita Rosana...

França elegível; CNJ desatualizado

roberto franca 400 curtinha   O advogado Rodrigo Cirineu, que assumiu a assessoria jurídica da campanha a prefeito de Cuiabá de Roberto França (foto), assegura que o ex-prefeito está elegível. Explica que o cadastro de inelegibilidades do Conselho Nacional de Justiça, constantando ainda o nome de...