Legislativo

Quinta-Feira, 13 de Março de 2014, 10h:44 | Atualizado: 13/03/2014, 11h:03

TJ manda Câmara retomar trabalhos; João Emanuel apela à salvação divina

Jonathan Dourado

Allan Kardek, Toninho e Ricardo Saad

Membros da Comissão de Ética Allan Kardec, Toninho de Souza e Ricardo Saad

A desembargadora Maria Aparecida Ribeiro determinou que a Comissão de Ética da Câmara de Cuiabá prossiga imediatamente com as investigações contra o ex-presidente, vereador João Emanuel (PSD), acusado de quebra de decoro parlamentar e desvio de recursos públicos por meio de fraudes em licitações. João Emanuel, por sua vez, apostou no discurso religioso. Ele disse estar absolutamente tranquilo e confiante que não perderá o mandato. “Digo isso com base na fé, porque a fé é a crença naquilo que não se vê”, afirmou.

Segundo o presidente da Comissão de Ética, vereador Toninho de Souza (PSD), assim que for comunicado oficialmente pela Justiça, João Emanuel terá prazo de apenas 1 sessão para apresentar sua defesa. Sendo assim, se ele for notificado pelo oficial de Justiça até segunda (17), terá que apresentar a defesa na sessão de quinta (20). Caso contrário, será julgado à revelia.

João Emanuel voltou a questionar a legalidade das investigações, por isso, vai continuar buscando brechas jurídicas para invalidar os trabalhos da Comissão de Ética e impedir o julgamento político. “Vou sentar com meu advogado (Eduardo Mahon) e analisar o inteiro teor dessa decisão da desembargadora para ver se ainda cabe recurso ou se só me resta esperar o julgamento do mérito”, afirmou.

Na decisão da desembargadora, ela reforma decisão liminar do juiz Luis Fernando Voto Kirche. O juiz determinou a paralisação dos trabalhos da Comissão de Ética até o julgamento do mérito da causa porque entendeu que João Emanuel não teria recebido cópia de toda a documentação necessária da Comissão e, por isso, teria direito a mais prazos para apresentar a defesa. João Emanuel reclamou que não teve acesso a um CD-ROM que está de posse dos vereadores.

Já a desembargadora observou que o CD nada mais continha do que uma cópia da ação que tramita contra João Emanuel no Ministério Público, papéis dos quais o vereador já teve acesso.

Por isso, ela entendeu que a Comissão de Ética não feriu o princípio do contraditório e da ampla defesa e que pode e deve continuar os trabalhos investigativos. "Os fatos narrados nos autos revestem-se de extrema gravidade e necessitam ser averiguados com celeridade, a fim de dar uma resposta adequada à sociedade e manter-se a higidez do Parlamento cuiabano (...)”, enfatiza a magistrada.

Maria Aparecida viu, inclusive, periculum in mora de se manter a liminar de 1º grau, ou seja, ela observou que a Comissão não pode ficar parada para não perder o prazo de conclusão que é de 60 dias para apurar crimes em que as penalidades sejam apenas censura verbal ou escrita e suspensão temporária do exercício do mandato e de 90 dias para as situações em que cabe a perda do mandato. 

A ação principal, que tramita na Justiça, é de autoria de João Emanuel tentando invalidar as provas colhidas na Operação Aprendiz, principalmente o vídeo em que sem saber que estava sendo filmado o vereador aparece ensinando detalhes de como fraudar licitações na Câmara.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • juca | Sábado, 15 de Março de 2014, 09h15
    0
    0

    do céu só cai Chuva pede para o santo JOAQUIM BARBOSA quem sabe sua prece é atendida aquele faz milagre na terra é só conversar com Pedro Henri não sei devia verba do povo que não tem saúde educação remédio merece credito do povo.

  • Kiko Cuiabano | Quinta-Feira, 13 de Março de 2014, 12h39
    0
    0

    Com essa valorosa comissão de ética já podemos prever que essa novela não vai dar em absolutamente nada. Mais uma pizza.

Matéria(s) relacionada(s):

Acerto pra Pivetta se filiar ao Podemos

alvaro dias curtinha   Mais uma demonstração de que o senador Álvaro Dias (foto), líder do Podemos no Congresso, está ignorando a pré-candidatura ao Senado do seu próprio colega de partido, deputado José Medeiros. Álvaro já acertou com Pivetta apoio na disputa à...

Critério para definir candidatura em VG

fabio tardin 400 curtinha   O presidente da Câmara de Várzea Grande e filiado ao DEM, Fabinho Tardin (foto), sonha com a cadeira de prefeito, mas não tem apoio dos Campos para concorrer à sucessão municipal. Como Lucimar Campos não pode buscar o terceiro mandato seguidamente, o grupo liderado pelo senador...

Prefeito de Lacerda, projeto e derrota

alcino curtinha 400 pontes e lacerda   O prefeito de Pontes e Lacerda, Alcino Pereira Barcelos (foto), resolveu dar de ombro para a Câmara Municipal sobre um projeto de grande alcance social e perdeu feio na queda-de-braço. Contrariando a vontade do prefeito, os vereadores aprovaram a proposta, apresentada pelos colegas Pedro Vieira e...

MPE antes e depois de Maluf no TCE

jose antonio borges 400 curtinha   Antes, membros do MPE fizeram esforço para impedir a nomeação de Guilherme Maluf como conselheiro do TCE, sob argumento de que não detinha notório saber jurídico, contábil, econômico e financeiro e ainda carrega vários processos judiciais nos ombros....

Fatura por média e multa à Energisa

thiago 400 ager curtinha   Após fiscalização no 2º semestre do ano passado, a Ager-MT multou em R$ 14,4 milhões a Energisa. Descobriu-se irregularidades na área comercial da concessionária de energia. Thiago Bernardes (foto), coordenador Regulador de Energia da Agência, explica que, no trabalho...

PS-VG e revolta por falta de médicos

marcondes curtinha 400   Principal calcanhar de Aquiles do 2º maior município do Estado, que registra hoje cerca de 200 mil habitantes, o Pronto Socorro de Várzea Grande não está recebendo pacientes ortopédicos e nem ginecológicos em sua porta de entrada. É que a unidade não tem...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Sobre a senadora Selma Arruda, que teve mandato cassado por caixa 2 e abuso de poder econômico, você acha que ela foi...

ingênua

corrupta

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.