Legislativo

Segunda-Feira, 21 de Janeiro de 2019, 12h:55 | Atualizado: 21/01/2019, 21h:09

DEPUTADO DO MBL

Ulysses entra na Justiça para garantir voto aberto para Mesa Diretora da Assembleia

Reprodução

Ulysses voto aberto

Ulysses Moraes ingressa com representação junto ao Tribunal

O deputado estadual diplomado Ulysses Moraes (DC) ingressou com mandado de segurança no Tribunal de Justiça (TJ) para assegurar voto aberto nas eleições para Mesa Diretora da Assembleia, marcadas para o próximo dia 1º de fevereiro. A ação está sob relatoria da desembargadora Helena Maria Bezerra Ramos, que deve decidir nos próximos dias.

Coordenador do Movimento Brasil Livre (MBL) em Mato Grosso, Ulysses segue o exemplo do dirigente nacional do movimento Kim Kataguiri. O rapaz é deputado federal diplomado pelo DEM de São Paulo.

Pretenso candidato à presidência da Câmara dos Deputados, Kim Kitaguiri ingressou no Supremo Tribunal Federal (STF) com representação pelo voto aberto. Entretanto, o pleito foi negado pelo presidente da Corte, ministro Dias Toffoli, alegando que o Regimento Interno prevê votação secreta.

O senador Lasier Martins (PSD-RS) também pleiteou junto ao Supremo voto aberto para Mesa Diretora do Senado. A representação foi acatada pelo ministro Marco Aurélio Mello, mas a decisão acabou sendo revogado por Dias Toffoli.

No mandado de segurança, Ulysses  sustenta que  Constituição Federal e a Constituição Estadual  não fazem qualquer menção no sentido de que a votação para Mesa Diretora deva se submeter ao escrutínio secreto. Alega ainda que o artigo 11 do Regimento Interno da Assembleia  prevê escrutínio secreto, ferindo gravemente o princípio da publicidade previsto no artigo 37 da Constituição Federal.

 “É nítida a contradição do Regimento Interno da ALMT com as Constituições Estadual e Federal, e a necessidade dos cidadãos mato-grossenses em ter conhecimento de como os seus representantes estão desempenhando o mandato que lhes foram outorgados, garantindo, assim, o princípio da publicidade e da simetria constitucional’, diz trecho do mandado de segurança que pontua a renovação de quase 50% na composição do Legislativo Estadual.

“Escuto o clamor das ruas, ouço os gritos da mudança e ainda que eu tenha que nadar em águas turbulentas, pautarei sempre pelas razões que me trouxeram até aqui. Diante desta máxima, ingresso com a presente ação e desafio os colegas a declararem seus votos e mostrarem que este parlamento não será somente novo de pessoas e sim de atitudes”, completa Ulysses na representação.

Candidatos

O presidente da Assembleia Eduardo Botelho (DEM) deve concorrer à reeleição e hoje conta com a maioria dos votos para garantir novo mandato. Já o deputado estadual diplomado Sílvio Fávero (PSL), que assumirá o primeiro mandato, se articula para enfrentá-lo na eleição interna.

Postar um novo comentário

Comentários (11)

  • Paulo | Terça-Feira, 22 de Janeiro de 2019, 11h25
    2
    0

    Demonstra total desconhecimento das leis. Só serve mesmo pra aparecer politicamente perante aqueles tapados que vão no barulho igual marimbondos.

  • MOSSUETO | Terça-Feira, 22 de Janeiro de 2019, 10h06
    0
    0

    Os atuais edis de primeiro mandato, tem a obrigação de eleger o presidente da AL e em consequência, mudar o RI da casa para que toda eleição na casa seja por voto aberto, pois são nossos representantes, tem a obrigação de mostrar para a sociedade que representam, o que estão fazendo na casa.

  • Raul | Terça-Feira, 22 de Janeiro de 2019, 09h53
    3
    0

    Esse ai chove no molhado!

  • JOEMIL ARAUJO | Segunda-Feira, 21 de Janeiro de 2019, 17h56
    5
    0

    DiPossivelmente o TJ deverá fazer prevalecer o regimento interno da casa. Poderemos ver a coerência do Deputado Ulysses caso ele proponha no decorrer do seu mandato a mudança no regimento interno da Assembléia permitindo o voto aberto nas futuras eleições da mesa!gite o texto aqui

  • Diogo Nogueira | Segunda-Feira, 21 de Janeiro de 2019, 17h47
    6
    2

    Duvido esse cara abrir mão dos 65.000 R$ de verba indenizatória, livre de descontos, nem no ir precisa declarar. 65.000 de boa, fora salários e outros benefícios. vamos ver. as vezes o cara fala sem conhecer na hora que chega lá até pira na grana.

  • Roberto carlos | Segunda-Feira, 21 de Janeiro de 2019, 16h47
    10
    3

    Fanfarrão

  • Joao neto | Segunda-Feira, 21 de Janeiro de 2019, 16h36
    10
    3

    Queremos ver se vai devolver a Verba Indenizatoria, falar ate papagaio fala.

  • Joao alberto | Segunda-Feira, 21 de Janeiro de 2019, 15h25
    15
    5

    Esse cara gosta de chamar atenção.

  • Eduardo figueroa | Segunda-Feira, 21 de Janeiro de 2019, 13h59
    14
    6

    O Presidente Toffoli entendeu que a votação para comando das Casas do Congresso é questão interna e deve ser definida pelos parlamentares, sendo assim a favor voto secreto só mudando regimento interno, mais uma fafarronagem deste baixo clero querendo tumultuar e aparecer com mídia sem efeitos

  • Pedro João | Segunda-Feira, 21 de Janeiro de 2019, 13h55
    12
    5

    O STF já decidiu que no Senado Federal deverá ser fechada. N acredito q o TJ irá decidir em caminho diverso.

Matéria(s) relacionada(s):

Morre presidente do Grupo Barralcool

petroni barralcool curtinha 400   Morreu neste sábado, em Cuiabá, aos 88 anos, o diretor-presidente do Grupo Barralcool, João Nicolau Petroni (foto). Ele foi um dos pioneiros no setor sucroenergético do Estado e o primeiro presidente do Sindicado das Indústrias Sucroalcooleiras de MT (Sindalcool). Era...

Abracrim cita arbitrariedade na SESP

michelle marrie abracrim curtinha 400   Michelle Marrie (foto), presidente da Associação Brasileira dos Advogados Criminalistas do Estado, contesta a nota em Curtinhas entitulada "Secretário, Abracrim e saia-justa", sobre o fato de uma advogada ter se infiltrado na coletiva à imprensa concedida pelo...

Governo monitora crise na segurança

mauro mendes 400 curtinha   O governador Mauro monitora de perto a crise instaurada no setor de segurança devido à operação desencadeada na Penitenciária Central do Estado, em Cuiabá, para acabar com regalias de presos "da pesada", que comandam o crime organizado de dentro das celas. Houve...

Faissal se licencia e Oscar assume vaga

oscar_curtinha_400   O deputado estadual de primeiro mandato Faissal Calil (PV), a partir de quarta (21), vai se licenciar por 4 meses. Assim, dará lugar para o retorno do ex-deputado Oscar Bezerra (foto), que disputou à reeleição no ano passado, sem sucesso. Oscar, que tem base eleitoral em Juara, teve 11.827 votos e...

Fora do Podemos e dando pitacos

marcelo_curtinha   O presidente do Podemos-MT, José Medeiros, se diz surpreso com as declarações do adjunto de Turismo da Capital Marcelo Pires, que se posiciona contra a filiação de Niuan no partido. O absurdo disso é que Marcelo sequer é filiado e muito menos militante. Só participou de uma...

Melhorias refletem no Mutirão Fiscal

emanuel pinheiro curtinha   O prefeito Emanuel Pinheiro (foto) está empolgado com a intensa procura dos contribuintes para negociação de dívidas municipais e ficou mais animado quando tomou conhecimento dos comentários de muitos, inclusive daqueles menos favorecidos, que estão indo à Arena Pantanal,...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Na sua opinião, como está indo o Governo Mauro Mendes?

excelente

bom

regular

ruim

péssimo

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.