Legislativo

Quinta-Feira, 06 de Fevereiro de 2014, 11h:15 | Atualizado: 07/02/2014, 15h:15

Várzea Grande

Vereadora quer proibir Funk em lugares públicos de Várzea Grande

Miriam acredita que letras induzem à prática de delitos, sexo e ofensa à mulher

divulgação

miriam de fatima vereadora de varzea grande.jpg

Vereadora Miriam Fátima quer proibição de Funk em Várzea Grande

A vereadora por Várzea Grande Miriam de Fátima Pinheiro (PHS) irá apresentar na próxima sessão da Câmara projeto de lei que proíbe tocar Funk em lugares públicos. Pelo projeto, a prefeitura deixaria de expedir alvarás para os estabelecimentos que "desobedecerem" a lei. Os ritmos proibidos se limitariam a duas modalidade de Funk: Ostentação e Proibidão. "O projeto visa melhorar a diversidade sem que se precise denegrir a imagem de ninguém", argumenta a parlamentar.

A vereadora justifica que as letras do gênero musical são impróprias, fazem apologia ao crime, ao sexo e às drogas. Além disso, é tocado em ambientes frequentados por menores de idade. "Esse tipo de funk induz à prática de delitos, relações sexuais com menores de idade e ofensa à mulher", diz a parlamentar. A ideia é vetar em estabelecimentos como festas, bares, restaurantes, conveniências e outros. 

O PL estaria embasado no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), artigo 74. "O poder público, através do órgão competente, regulará as diversões e espetáculos públicos, informando sobre a natureza deles, as faixas etárias a que não se recomendem, locais e horários em que sua apresentação se mostre inadequada", diz o artigo.

Postar um novo comentário

Comentários (20)

  • deusdete gonçalves de souza andrade | Sexta-Feira, 07 de Julho de 2017, 21h35
    0
    0

    Há cada 2 horas morrem duas mulheres no Brasil por facada ou a tiros pelo seu parceiro isso não é culpa do funk , se preocupem em mudar essas estatísticas e não em proibir uma musica.

  • Madalena Santos | Quinta-Feira, 06 de Fevereiro de 2014, 18h37
    0
    0

    este tal de funk proibidão só fala em mata policia, em sexo, e apologia as drogas quem curti este`` lixo`` tem que curti em casa`, e outra vereadora minoria sem noção nenhuma que curti esta porcaria, fará um bem maior as pessoas

  • Mgalhaes | Quinta-Feira, 06 de Fevereiro de 2014, 18h25
    0
    0

    E U DUVIDO QUE ALGUNS DESTES QUE SÃO HÁ FAVOR DO FUNK JÁ FORAM NA CÂMARA DE VÁRZEA GRANDE, QUANDO FOI VOTADO 5 MIL REAIS HÁ MAIS PARA OS SECRETÁRIOS , SÃO DESOCUPADOS DO MESMO GEITO QUE ESTES FUNKEIROS

  • Maristela | Quinta-Feira, 06 de Fevereiro de 2014, 18h07
    0
    0

    Ta certa Miriam Pinheiro, Eu tava passando em uma rua no centro de várzea grande, parei pra comer uma pizza em uma lanchonete quando um carro de som, parou com estas musicas horríveis tem que acabar mesmo,

  • Marcos Antonio De Oliveira | Quinta-Feira, 06 de Fevereiro de 2014, 18h00
    0
    0

    Tem todo nosso apoio vereadora , nossa várzea grande precisa de respeito quem curte estas porcarias, vai ouvir na sua casa ou em um clube legalizado menos na rua tem nosso apoio tem meu voto.

  • Junior | Quinta-Feira, 06 de Fevereiro de 2014, 17h17
    0
    0

    O CEL. TABORELLI FAZ DIFERENTE VAI LÁ E RESOLVE ISSO RAPIDINHO...

  • Maria Helena | Quinta-Feira, 06 de Fevereiro de 2014, 17h12
    1
    0

    Funk corrompe menores claramente em suas letras e tem sim uma grande parcela de culpa no que vem ocorrendo com esses jovens, só não vê quem é exilado do mundo da comunicação. E se a população que gosta de funk não consegue apenas ouvir e curtir a musica, precisa ter essa necessidade de adquirir status fazendo o que as letras sugerem, o que algo errado, algo CONTRA A LEI DO NOSSO PAÍS, tem que ser proibido ou fiscalizado e regulamentado.

  • Carlos Roberto Nascimento | Quinta-Feira, 06 de Fevereiro de 2014, 17h08
    1
    0

    Antigamente os bailes eram mais voltados para a dança, descontração, confraternização etc. Mas hoje, com essa juventude moderna pan-sexualizada aonde tudo gira em torno de sexo, os bailes se transformaram em locais de bebedeiras, orgias, consumo de drogas e até crimes, quantas vezes não vemos nos noticiários e até mesmo ouvimos falar em nossa comunidade em assassinatos, estupros, sequestros que acontecem em certas baladas, sem generalizar todas é claro. Tá apoiada

  • Marcelo | Quinta-Feira, 06 de Fevereiro de 2014, 16h59
    0
    5

    Isso depois que uma vereadora e seu comportado marido que tem pouco crime mas costa levaram uma surra de madrugada num posto de gasolina justamente quando estavam curtindo um baile funk ... Agora querem prejudicar os eventos por causa da surra que tomaram do frentista .. E pra acabar vg... O cidade sem sorte pra vereador voooootiii

  • Pastor Marcio | Quinta-Feira, 06 de Fevereiro de 2014, 16h23
    4
    0

    A vereadora Miriam sempre em prol da pupulacacao parabens Miriam

Queda-de-braço em Alto Araguaia

gustavo melo 400 curtinha   O prefeito de Alto Araguaia, Gustavo de Melo (foto), enfrenta uma queda-de-braço com os vereadores. Recentemente, oito dos 11 parlamentares encaminharam ofício ao chefe do Executivo, inclusive com cópia para o MPE, considerando inoportuna, descabida e suspeita, neste momento de pandemia, fazer obra...

Estado amplia leitos de UTI no Sul

gilberto figueiredo 400 curtinha   O secretário estadual de Saúde Gilberto Figueiredo (foto) reclama, sem citar nome, da forma como a prefeitura rondonopolitana está encarando a pandemia da Covid-19. Mesmo o governo federal já tendo pago diárias antecipadamente e, inclusive por três meses, de 10 leitos de...

Briga inconsequente com Santa Casa

z� do patio 400 curtinha   Acuado pela consequência da falta de planejamento e de gestão, o prefeito Zé do Pátio (foto), de Rondonópolis, está numa luta descabida de tentar encontrar culpados pelo avanço da Covid-19 no município. A prefeitura não construiu, sequer,...

2 secretários acionados sobre compras

ozenira 400 curtinha   Os secretários municipais de Cuiabá, Luiz Antonio Possas de Carvalho (Saúde) e Ozenira Félix Soares (foto), de Gestão, têm 48 horas para prestar esclarecimentos sobre compras, sem licitação, de óculos de proteção e macacões destinados a...

Valdir, conta rejeitada e pedido negado

valdirzinho 400 curtinha   Valdir Pereira de Castro, o Valdirzinho (foto), prefeito de Santo Antonio de Leverger, ingressou com pedido de revisão no TCE sobre o parecer contra aprovação das contas de 2018. O Tribunal apontou uma série de irregularidades, entre elas registros contábeis incorretos, abertura de...

Stopa vira trunfo do prefeito Emanuel

jos� roberto stopa 400   Filiado histórico do PV, José Roberto Stopa (foto) se tornou espécie de trunfo do prefeito Emanuel Pinheiro. Se o emedebista resolver buscar a reeleição, o que seria o caminho natural, Stopa pode entrar na chapa como candidato a vice ou simplesmente ficar de fora do...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você conhece alguém próximo que foi infectado pelo coronavírus?

sim

não

em dúvida

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.