Legislativo

Quinta-Feira, 09 de Setembro de 2010, 12h:15 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:27

CÂMARA DE CUIABÁ

Vereadores pressionam Deucimar e querem DVDs

   Sob efeito da eleição da Mesa Diretora da Câmara de Cuiabá, os vereadores utilizaram toda a sessão ordinária desta quinta (9) para trocar acusações, fazer insinuações e cobrar a divulgação dos 5 vídeos que comprometeriam pelo menos 5 parlamentares. A existência das gravações caiu como uma bomba na Casa e os parlamentares, irritados com a arapongagem, resolveram apresentar um requerimento assinado por 10 dos 19 vereadores, em que exigem que o presidente da Casa encaminhe cópias das denúncias e vídeos que estariam sob sua tutela. Edivá Alves (PSDB) e Júlio Pinheiro (PTB), novo presidente, foram os mais enfáticos na tribuna e insinuaram que Maria Drummond, que supostamente entregou o primeiro vídeo comprometedor a Deucimar, não existe.

  Cobram que o progressista torne público o endereço dela para que possa ser convocada e, assim, explique como conseguiu o famoso DVD e revele quem fez a gravação dentro da Câmara. Assinaram o requerimento Antônio Fernandes, Néviton Fagundes (PRTB), Edivá, Toninho de Souza (PDT), Lueci Ramos (PSDB), Washington Barbosa (PRB), Clovito Hugueney (PTB), Juca do Guaraná (PP) e Pinheiro. "Só queremos que as coisas sejam esclarecidas. Se esses vídeos realmente existem, eles precisam aparecer", ponderou Edivá.

  Em meio a falas, que mais pareciam "recados"  dirigidos a determinados parlamentares, Deucimar acabou complicando a situação de um aliado. Ele insinuou que o vereador Antônio Fernandes (PSDB) não teria cumprido um "acordo" firmado com Adevair Cabral (PDT). Neste momento, vereadores perguntaram se ele estaria dizendo que Adevair havia comprado votos. O pedetista é do grupo de Deucimar, por isso, rapidamente ele pontuou que não estava se referindo a isso. "Tudo isso me parece muito subjetivo. Parece coisa do passado quando se dava uma botina antes da eleição e, se fosse vitorioso, dava o outro pé", contrapôs Edivá. Logo em seguida, o parlamentar pontuou que os vereadores estão desacreditados e que é necessário esclarecer tudo isso o mais rápido possível. Em meio ao clima tenso, praticamente todos os vereadores, com excessão de Fernandes, Lueci e Lúdio Cabral, se reuniram na ante-sala da Câmara para  discutir o assunto e tentar aparar as arestras.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Joel Pereira Santos | Sexta-Feira, 10 de Setembro de 2010, 05h47
    0
    0

    Este Deucimar exagerou de vez, faz politica tipo galinha, xiscando para fora. Vereadores se encoraja mais um pouco e cassem este destemperado, pois cuiabá e MT não merecem um homem desse na Assembléia.

  • Maria Dimpila Araujo | Sexta-Feira, 10 de Setembro de 2010, 05h44
    0
    0

    Os dias deste Vereador Deucimar estão contado, vai passar pela mesma janela que empurrou o Lutero. Homem prepotente Deus costuma endereitar aqui mesmo na terra. Quem viver verá.

Taisir coordena campanha de Eliene

taisir karim 400 curtinha   O ex-reitor da Unemat e uma das lideranças do PSD na região Oeste, Taisir Karim (foto), que chegou a se lançar de última hora como pré-candidato a prefeito de Cáceres, mas logo em seguida recuou, será o coordenador-geral da campanha de Eliene Liberato (PSB), atual...

Inaugurados 67 km de asfalto da 020

mauro mendes 400 curtinha   O governador Mauro Mendes (foto) inaugurou nesta 5ª a pavimentação de 67,5 km da MT-020, entre Paranatinga e Canarana. Essa estrada faz parte do pacote de obras que foi retomado e já concluído nesta gestão. Foram investidos R$ 45 milhões do governo estadual. O...

Saggin critica "ditadura" e apoia Raye

paulo raye 400 curtinha   O empresário e advogado Sandro Saggin, que desistiu da candidatura a prefeito de Barra do Garças e agora apoia Paulo Raye (foto), do Pros, explica que em nenhum momento os diretórios estadual e nacional do Podemos, de cujo partido é filiado, encaminharam qualquer orientação aos...

Pode abandona Raye e pune Saggin

sandro saggin curtinha 400   Sandro Saggin (foto) amargou outra derrota em Barra do Garças. Inicialmente, seria candidato a prefeito pelo Podemos. Mas resolveu, por conta própria, levar o partido para uma coligação com partidos de esquerda que lançaram o ex-prefeito Paulo Raye, apoiado pelo PC do B, PT e Pros. A...

Ex-vereador recua para apoiar primo

divino 400 barra do bugres   Ex-vereador, ex-presidente da Câmara e empresário bem sucedido, Chico Guarnieri (PTB) não será candidato a prefeito de Barra do Bugres nas eleições deste ano. Guarnieri, que disputou a prefeitura em 2016, até ensaiou, mas recuou ao ver que o primo, pedetista Doutor Divino...

3 ex-prefeitos viram cabos eleitorais

percival muniz 400 curtinha   Dois candidatos de oposição em Rondonópolis têm ex-prefeitos como principais cabos eleitorais. O empresário Luiz Fernando, o Luizão (Republicanos), conta com apoio de Adilton Sachetti, que já comandou o município e perdeu na tentativa de reeleição, e...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.