Nacional

Terça-Feira, 12 de Fevereiro de 2019, 13h:33 | Atualizado: 12/02/2019, 13h:41

Após ir à festa, Suzane Richthofen perde direito às saídas temporárias da cadeia

Arquivo Pessoal

Suzane Richthofen

Suzane Richthofen foi detida pela PM em dezembro de 2018 ao ser flagrada em festa de casamento em Taubaté

Após flagrante em festa durante a saída temporária de Natal, a Vara de Execuções Criminais (VEC) de Taubaté suspendeu o direito ao benefício para a detenta Suzane von Richthofen. A punição tem validade para as três próximas 'saidinhas' - Páscoa, Dia das Mães e Dia dos Pais. Condenada a 39 anos de prisão pela morte dos pais, Suzane cumpre pena na penitenciária de Tremembé (SP).

A medida sobrepõe a decisão anterior, da juíza plantonista, Sueli Zeraik. Na ocasião da infração, em dezembro de 2018, ela entendeu que não havia irregularidade e manteve autorizada a saída de fim de ano da presa. A detenção havia sido feita pela PM.

A nova decisão, da juíza do caso, Wania Regina da Cunha, foi assinada na última semana e foi baseada em um pedido do Ministério Público.

Para a magistrada, houve descumprimento da regra na saída de Natal. Isso porque Suzane estava na festa de casamento, em Taubaté, ao invés de seguir para o endereço indicado à Justiça - que é a casa da família do namorado, em Angatuba (SP).

Também foi considerado como agravante, o fato de Suzane já ter informado endereço falso na saída de Dia das Mães em 2016. Na época, como punição, ela ficou na cela solitária por 10 dias e respondeu a processo administrativo.

Condição

Com a perda das três próximas saídas temporárias, Suzane só deve voltar a sair da prisão no Dia das Crianças. A retomada do benefício é condicionada ao bom comportamento dela no sistema prisional.

Por nota, a Defensoria Pública, responsável pela defesa de Suzane, informou que o processo tramita em segredo de justiça e não tem autorização para passar informações.

A Secretaria de Administração Prisional (SAP) informou que o processo está em segredo de Justiça e que cumpre a custódia na medida das normas impostas pelo Judiciário. O Ministério Público, autor do pedido que resultou na perda do benefício, foi procurado e disse que não vai se manifestar porque o processo de Suzane tramita em segredo de Justiça.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Matéria(s) relacionada(s):

DEM foca projeto pra eleger vereador

beto 2 a 1 400 curtinha   O secretário de Governo do Estado, Alberto Machado, o Beto 2 a 1 (foto), fez uma leitura racional sobre o que representa o DEM na Capital. Novo presidente do diretório municipal, ele está ser articulando para formar uma chapa forte de candidatos a vereador, inclusive tenta atrair lideranças de...

Morre o diretor do SAAE de Chapada

arison albernaz 400 curtinha chapada   Morreu nesta segunda, em acidente automobilístico, o diretor-geral do Sistema de Água e Esgosto de Chapada dos Guimarães (SAAE), Aryson Augusto Adriano Albernaz (foto), de 27 anos. Ele dirigia o veículo Golf, de cor prata, pela recém-asfaltada MT-020, que liga o...

Fabio diz vencer "homem do paletó"

fabio garcia 400 curtinha   Na reunião do DEM na 5ª, no gabinete do presidente da AL, Eduardo Botelho, com presença de oito integrantes da cúpula (Jayme, Júlio, Botelho, Fabinho, João Celestino, Beto, Cesar Miranda e Domingos Sávio), Fábio Garcia (foto), que provocou a maior crise ao mudar...

Morre presidente do Grupo Barralcool

petroni barralcool curtinha 400   Morreu neste sábado, em Cuiabá, aos 88 anos, o diretor-presidente do Grupo Barralcool, João Nicolau Petroni (foto). Ele foi um dos pioneiros no setor sucroenergético do Estado e o primeiro presidente do Sindicado das Indústrias Sucroalcooleiras de MT (Sindalcool). Era...

Abracrim cita arbitrariedade na SESP

michelle marrie abracrim curtinha 400   Michelle Marrie (foto), presidente da Associação Brasileira dos Advogados Criminalistas do Estado, contesta a nota em Curtinhas entitulada "Secretário, Abracrim e saia-justa", sobre o fato de uma advogada ter se infiltrado na coletiva à imprensa concedida pelo...

Governo monitora crise na segurança

mauro mendes 400 curtinha   O governador Mauro monitora de perto a crise instaurada no setor de segurança devido à operação desencadeada na Penitenciária Central do Estado, em Cuiabá, para acabar com regalias de presos "da pesada", que comandam o crime organizado de dentro das celas. Houve...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Na sua opinião, como está indo o Governo Mauro Mendes?

excelente

bom

regular

ruim

péssimo

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.