Nacional

Segunda-Feira, 17 de Junho de 2019, 11h:50 | Atualizado: 17/06/2019, 12h:06

Morte do marido de deputada do RJ pode ter sido cometida por alguém próximo

Reprodução

Floderlis e Anderson do Carmo

A deputada federal Flordelis e o marido Anderson do Carmo, morto neste domingo, no RJ

A Delegacia de Homicídios de Niterói colheu material dos cães da casa da deputada federal Flordelis, cujo marido, Anderson do Carmo, foi assassinado a tiros na madrugada deste domingo (16). O material foi enviado para exame toxicológico.

O objetivo do exame - cujo resultado deve ser concluído nesta terça (18) - é determinar se os cães foram dopados, uma vez que os animais não reagiram à presença do responsável ou responsáveis pelo homicídio.

O corpo do pastor foi enterrado no fim da manhã desta segunda.

Diante da ausência de reação dos animais, a polícia não descarta a possibilidade de que o crime também possa ter sido cometido por alguém conhecido ou próximo à família.

Os policiais já analisam imagens das câmeras de segurança da vizinhança para saber quantas pessoas participaram do crime. Sabe-se, porém, que o assassinato foi cometido com pistola nove milímetros - todos os disparos feitos contra Anderson eram desse calibre.

O pastor trocava de roupa em um closet que fica ao lado da garagem da casa no momento do crime.

Diante da quantidade de tiros - a vítima foi atingida por pelo menos 15 disparos -, a hipótese de latrocínio já é quase que totalmente descartada.

Ao longo desta segunda (17), policiais deverão tomar o depoimento de integrantes da família e outras possíveis testemunhas.

O crime

O pastor foi assassinado na madrugada deste domingo (16) depois de voltar para casa com a deputada, em Pendotiba, Niterói. Anderson Carmo foi executado por volta das 4h, pouco tempo após chegar.

A principal hipótese investigada pela polícia é a de execução. O corpo de Anderson tinha mais de 30 perfurações - entre as provocadas por entradas e saídas de projéteis.

"Apesar de ainda não estar 100% descartado, latrocínio vai se afastando", disse um investigador na tarde deste domingo (16). Uma desavença familiar também é investigada como uma das hipóteses para motivação do crime, segundo fontes da delegacia.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Matéria(s) relacionada(s):

DEM consulta sobre regras ao Senado

julio campos 400 curtinha   Atendendo orientação da Nacional do DEM, na luta para ampliar bancada no Congresso, o diretório regional do partido vai apostar todas as fichas na disputa suplementar ao Senado. E, antes de avançar na definição de nome, o partido decidiu encaminhar consulta ao TSE para saber se...

Expediente suspenso e posse no TCE

guilherme maluf 400 curtinha   O expediente no TCE-MT será suspenso na segunda, a partir das 12 horas. É que às 15 horas acontece a sessão especial na Escola Superior de Contas, marcando a posse de Guilherme Maluf (foto) na presidência do órgão fiscalizador. O hoje presidente Domingos Neto passa ao...

Túlio, desgaste e disputa em Cáceres

tulio 400 caceres   Derrotado a deputado estadual duas vezes, a última em 2018, Túlio Fontes (foto) não sustenta mais o que declarou há três meses, quando anunciou que ficaria de fora da corrida à Prefeitura de Cáceres. Mesmo tendo abandonado o município por um bom tempo, desde quando concluiu...

Disputa em Sinop e vaga na Câmara

juarez costa 400 curtinha   O deputado federal Juarez Costa (foto) tem espalhado que será candidato a prefeito de Sinop, posto já ocupado por ele por dois mandatos. No fundo, o emedebista espera que Rosana Martinelli (PL), que foi sua vice e depois se elegeu prefeita nas urnas de 2016, desista do projeto de reeleição...

Francis forçando a barra ao Senado

francis maris 400 curtinha   Francis Maris (foto), empresário e prefeito de Cáceres, é mesmo corajoso. Ele anunciou que vai reunir colegas prefeitos da região Oeste para discutir a ideia de entrar na disputa ao Senado, na eleição suplementar para a vaga de Selma, cassada esta semana. Francis se acha "o...

Sindal repudia postura de "indicado"

O presidente do Sindal Jovanildo da Silva se diz traído por Osmar Capilé, representante dos segurados da AL e que exerce cargo de diretor dos Aposentados, que votou favorável a nova alíquota de 14% no Conselho da Previdência. O apoio ao aumento da cobrança gerou revolta entre os servidores do Legislativo, que partiram para cima de Jovanildo cobrando explicações. Em nota de repúdio, o sindicato, que o indicou como representante no...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Como você avalia a decisão do Supremo de suspender prisão imediata após julgamento em segunda instância?

Concordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.