Nacional

Terça-Feira, 16 de Dezembro de 2014, 08h:45 | Atualizado: 16/12/2014, 13h:58

Economia

MT Criativo promove fortalecimento econômico e social dos municípios

Assessoria

sirir.jpg

APL da Economia Criativa ajuda a fortalecer e diagnosticar os agentes produtivos para desenvolver atividades culturais que geram renda nos municípios de MT

A Secretaria de Estado de Cultura (SEC) e a Incubadora Mato Grosso Criativo (MT Criativo) apresentam nesta terça (16), às 14h, o Arranjo Produtivo Local da Economia Criativa do Vale do Rio Cuiabá. A iniciativa é fruto de uma parceria entre o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (Mdic) e o Ministério da Cultura (Minc) para desenvolver setores da economia criativa em vários estados brasileiros, entre eles Mato Grosso. 

 O evento acontecerá na Casa Cuiabana, onde será apresentado o Plano de Desenvolvimento do APL, aprovado pelo Mdic. O arranjo produtivo local (APL) é uma metodologia que promove a articulação e o fortalecimento de agentes produtivos de um mesmo território que desenvolvem atividades econômicas correlatas e possuem vínculos de produção, interação, cooperação e aprendizagem. 

Geralmente, o APL reúne empresas produtoras de bens e serviços finais, fornecedoras de insumos, prestadoras de serviços, comercializadoras, clientes, cooperativas, associações, representações, organizações de treinamento de recursos humanos, informação, pesquisa, promoção e financiamento, além de agentes públicos. Em MT, a meta é diagnosticar as potencialidades regionais geradoras de receita que fomentam a economia criativa para, em seguida, traçar um planejamento estratégico com foco no fortalecimento dos envolvidos na cadeia produtiva local. 

O APL do Vale do Rio Cuiabá tem o objetivo de identificar as potencialidades locais e estimulá-las. Prevê o incentivo aos setores de dança, gastronomia e artesanato por meio de otimização de recursos, orientações para o aumento da produção, obtenção de linhas de crédito e sinalização de novos mercados, recebendo verbas do Governo Federal por meio do Ministério da Cultura (MinC) e o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (Mdic). 

O objetivo é a construção de uma rota turística cultural que abrangerá os municípios de Cuiabá, Várzea Grande, Acorizal, Barão de Melgaço, Cáceres, Campo Verde, Chapada dos Guimarães, Jangada, Nobres, Nossa Senhora do Livramento, Nova Brasilândia, Planalto da Serra, Poconé, Rosário Oeste e Santo Antônio do Leverger. 

Com uma população de um milhão de habitantes e PIB aproximado de R$ 20 bilhões, a região é caracterizada por riquezas naturais como as Baias de Chacororé e Siá Mariana, a Chapada dos Guimarães e o Pantanal; e manifestações culturais ímpares, como as festas de São Benedito e do Senhor Divino, o Rasqueado, a Cavalhada e as danças do Cururu e Siriri, entre outras. Em resumo, a ação maior do APL apoiará o fortalecimento econômico e social dos municípios. 

Para o secretário de Estado de Cultura, Fabiano Prates, a iniciativa é um grande presente para os mato-grossenses. “O Arranjo Produtivo vai movimentar a economia local por meio da dança, artesanato e gastronomia de um modo sustentável, valorizando o trabalho dos nossos criativos, que geram produtos para serem consumidos por meio do turismo cultural". 

Esse projeto conta com representantes da Secretaria de Estado e Assistência Social (Setas), Secretaria de Estado de Desenvolvimento Rural e Agricultura Familiar (Sedraf); Secretaria de Estado de Desenvolvimento do Turismo (Sedtur); Secretaria de Indústria e Comércio, Minas e Energia (Sicme); a Agência de Fomento do Estado de Mato Grosso S/A - MT Fomento; e a equipe do MT Criativo.  O evento contará com manifestações culturais do estado como, Cururu, Siriri e a Arpilharia. 

 Informações:

Evento: Apresentação do APL de Economia Criativa do Vale do Rio Cuiabá 

Local: Casa Cuiabana - Av. Gen. Valle, 181 - Bandeirantes, Cuiabá 

Horário: 14h. 

Contato: 99377048 (Noelisa Andreola )/92260922 (Neusa Baptista)

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

DEM consulta sobre regras ao Senado

julio campos 400 curtinha   Atendendo orientação da Nacional do DEM, na luta para ampliar bancada no Congresso, o diretório regional do partido vai apostar todas as fichas na disputa suplementar ao Senado. E, antes de avançar na definição de nome, o partido decidiu encaminhar consulta ao TSE para saber se...

Expediente suspenso e posse no TCE

guilherme maluf 400 curtinha   O expediente no TCE-MT será suspenso na segunda, a partir das 12 horas. É que às 15 horas acontece a sessão especial na Escola Superior de Contas, marcando a posse de Guilherme Maluf (foto) na presidência do órgão fiscalizador. O hoje presidente Domingos Neto passa ao...

Túlio, desgaste e disputa em Cáceres

tulio 400 caceres   Derrotado a deputado estadual duas vezes, a última em 2018, Túlio Fontes (foto) não sustenta mais o que declarou há três meses, quando anunciou que ficaria de fora da corrida à Prefeitura de Cáceres. Mesmo tendo abandonado o município por um bom tempo, desde quando concluiu...

Disputa em Sinop e vaga na Câmara

juarez costa 400 curtinha   O deputado federal Juarez Costa (foto) tem espalhado que será candidato a prefeito de Sinop, posto já ocupado por ele por dois mandatos. No fundo, o emedebista espera que Rosana Martinelli (PL), que foi sua vice e depois se elegeu prefeita nas urnas de 2016, desista do projeto de reeleição...

Francis forçando a barra ao Senado

francis maris 400 curtinha   Francis Maris (foto), empresário e prefeito de Cáceres, é mesmo corajoso. Ele anunciou que vai reunir colegas prefeitos da região Oeste para discutir a ideia de entrar na disputa ao Senado, na eleição suplementar para a vaga de Selma, cassada esta semana. Francis se acha "o...

Sindal repudia postura de "indicado"

O presidente do Sindal Jovanildo da Silva se diz traído por Osmar Capilé, representante dos segurados da AL e que exerce cargo de diretor dos Aposentados, que votou favorável a nova alíquota de 14% no Conselho da Previdência. O apoio ao aumento da cobrança gerou revolta entre os servidores do Legislativo, que partiram para cima de Jovanildo cobrando explicações. Em nota de repúdio, o sindicato, que o indicou como representante no...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Como você avalia a decisão do Supremo de suspender prisão imediata após julgamento em segunda instância?

Concordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.