Nacional

Segunda-Feira, 02 de Dezembro de 2019, 11h:08 | Atualizado: 02/12/2019, 11h:42

Para proteger indústria norte-americanda, Trump retoma tarifas sobre aço e alumínio

Isac Nóbrega/PR

Trump

Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump anuncia medida que afeta Brasil e Argentina

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, anunciou na manhã desta segunda (2), no Twitter, que vai retomar as tarifas sobre aço e alumínio vindos de Brasil e Argentina. O republicano afirmou que a medida será tomada por causa da desvalorização das moedas dos dois países sul-americanos em relação ao dólar.

“Brasil e Argentina estão promovendo uma desvalorização maciça de suas moedas, o que é ruim para os nossos agricultores. Portanto, tendo efeito imediato, eu vou restaurar as tarifas sobre aço e alumínio que são importados aos Estados Unidos desses países”, escreveu Trump na rede social. Os EUA são os maiores compradores de aço brasileiro.

O real desvalorizado favorece as exportações, já que fica “mais barato” para países com uma moeda forte – como os Estados Unidos – comprar produtos brasileiros. Como VEJA mostrou em sua última edição, a desvalorização é parte da estratégia do ministro da Economia de Jair Bolsonaro, Paulo Guedes, para estimular a volta dos investimentos internacionais e o crescimento do PIB.

Brasil e Argentina estão promovendo uma desvalorização maciça de suas moedas, o que é ruim para os nossos agricultores

O presidente americano ainda cobrou que o Federal Reserve, o banco central do país, tome medidas semelhantes para que, nas palavras dele, “países não tirem vantagem do nosso dólar forte para desvalorizar ainda mais suas moedas”. “Isso torna muito difícil para os nossos produtores e agricultores exportar as suas mercadorias de forma justa.”

Trump não deu mais detalhes da medida. Em março de 2018, o republicano anunciou sobretaxas de 25% sobre aço e 10% sobre alumínio de diversos países – incluindo o Brasil – para proteger a indústria americana do que ele considerava “comércio injusto” com outras nações. Em agosto do mesmo ano, o Brasil foi beneficiado por uma decisão que flexibilizou a medida, liberando da tarifa as empresas que comprovassem falta de matéria-prima no mercado interno.

Bolsonaro rebate

O presidenter Jair Bolsonaro disse que fará uso do “canal aberto” que tem com o presidente norte-americano, Donald Trump, para conversar sobre a decisão de retomar as tarifas cobradas para importação de aço e alumínio brasileiros.

Bolsonaro afirmou que o assunto será tratado ainda hoje com o ministro da Economia, Paulo Guedes. “Vou conversar com o [Paulo] Guedes agora, e se for o caso, ligo para o Trump, porque tenho canal aberto com ele”, disse o presidente antes de seguir para o Nação Caixa – Banco de Inclusão, evento onde foram apresentadas as ações já realizadas pelo banco em benefício das pessoas com deficiência, incluindo clientes e empregados.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Matéria(s) relacionada(s):

Denúncia, psiquiatria e agora atestado

elizabeth 400 curtinha   Lotada como técnico-administrativo do RH do Hospital Metropolitano da Capital, Elizabete Maria de Almeida (foto), recorreu a um psiquiatra uma semana depois de registrar um BO e, sem apresentar provas, acusar o prefeito Emanuel de negociata, inclusive com dinheiro vivo para vereadores, com vistas a...

Título de Cidadã para senadora goiana

janaina riva 400 curtinha   A Assembleia fará sessão solene nestes últimos dias de 2019 para prestar homenagem a várias personalidades de diferentes segmentos e profissões. Uma das que serão condecoradas com o Título de Cidadã Mato-Grossense é a goiana Kátia Regina de Abreu,...

Francis sem os vereadores do partido

cesare 400 curtinha vereador caceres   A administração Francis Maris em Cáceres se tornou tão emblemática que perdeu apoio dos dois únicos vereadores do seu partido, o PSDB, na Câmara Municipal. Os tucanos Valdeniria Dutra e Claudio Henrique integram hoje o bloco de oposição ao prefeito,...

Gilberto prestigia sobrinho na Câmara

marcelo oliveira 400 curtinha   Depois de 11 meses sem pisar os pés na Câmara Municipal de Cuiabá, o vereador licenciado Gilberto Figueiredo, secretário estadual de Saúde e um dos pré-candidatos a prefeito do grupo do governador Mauro, apareceu neste sábado na sede do Legislativo, no ato que marcou a...

Suplente que terá 2 anos de mandato

adilton da levante 400 curtinha   Derrotado à reeleição em 2016, Adilson da Levante (foto) reassumiu cadeira de vereador pela Capital desde janeiro deste ano e deve prosseguir no cargo até o final do mandato, em dezembro de 2020. É que o titular Gilberto Figueiredo, que se elegeu pelo PSB e vai migrar para o DEM,...

PSDB veta Taques e vai priorizar Leitão

paulo borges 400 curtinha   O comando regional do PSDB não vai dar chance para Pedro Taques, caso este ensaie concorrer ao Senado com a provável suplementar, já no início de 2020 com a iminente cassação do mandato de Selma. Embora tenha dito que hoje se dedica à advocacia e à vida de professor...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Como você avalia a decisão do Supremo de suspender prisão imediata após julgamento em segunda instância?

Concordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.