Nacional

Quarta-Feira, 13 de Novembro de 2019, 17h:45 | Atualizado: 13/11/2019, 17h:54

Príncipe sobre não ser vice na chapa de Bolsonaro: Bebianno falou de suruba gay

Reprodução

Luiz Philippe de Orleans e Bragan�a e Jair Bolsonaro

O príncipe Luiz Philippe de Orleans e Bragança, durante live do presidente Jair Bolsonaro

Fotos de uma suruba gay: esse teria sido o principal motivo pelo qual o príncipe Luiz Philippe de Orleans e Bragança não foi convidado pelo então candidato Jair Bolsonaro (PSL) para a chapa que concorreu nas eleições presidenciais, na vaga de vice. As informações foram publicadas pela revista Crusoé.

O dossiê com as fotos estaria com o então braço direito de Bolsonaro, o advogado Gustavo Bebianno, segundo informou o próprio príncipe. De acordo com ele, Bebianno também falou a Bolsonaro que seu preferido para a chapa teria envolvimento em agressões a moradores de rua. Orleans e Bragança garante que as fotos e as insinuações eram falsas.

“Bebianno armou e não queria que eu fosse o vice. Ele disse ao presidente que haveria um dossiê que tinha fotos minhas, segundo um amigo me contou na ocasião. O dossiê foi usado porque era domingo de manhã e era o último dia para protocolar quem seria o vice. Ele não queria colocar um militar, inicialmente”, contou o deputado. O general Hamilton Mourão acabou sendo o escolhido.

Nesta terça (12), o presidente Bolsonaro, de saída do PSL, afirmou que preferia o príncipe como seu vice, e não o general Mourão. Ele externou seu arrependimento em frente a todos os deputados presentes na reunião que chancelou sua vontade de criar um novo partido – o Aliança pelo Brasil – e deixar o PSL, segundo disse a coluna Mônica Bergamo, da Folha de S.Paulo.

“Casei errado”

“Príncipe, estou te devendo eternamente”, disse Bolsonaro. Orleans e Bragança, deputado federal por São Paulo, respondeu: “O que é isso. Deve nada, presidente”.

“Devo sim. Você deveria ter sido meu vice, e não esse Mourão aí. Eu casei, casei errado. E agora não tem mais como voltar atrás”, insistiu o presidente.

Segundo o príncipe, Bolsonaro lhe pediu desculpas nessa terça. “Sei que esse tipo de armação ocorre a todo momento. Sei que circulam informações falsas. O dossiê era de fotos que eu fazia uma suruba gay e que eu batia em mendigo”, contou o deputado.

O deputado federal Alexandre Frota (PSDB-SP) também confirmou à colunista da Folha de S.Paulo que Bolsonaro lhe perguntou sobre o príncipe. “Me perguntou se eu sabia se o príncipe era gay ou não. Eu disse que não sabia”, disse.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Matéria(s) relacionada(s):

Denúncia, psiquiatria e agora atestado

elizabeth 400 curtinha   Lotada como técnico-administrativo do RH do Hospital Metropolitano da Capital, Elizabete Maria de Almeida (foto), recorreu a um psiquiatra uma semana depois de registrar um BO e, sem apresentar provas, acusar o prefeito Emanuel de negociata, inclusive com dinheiro vivo para vereadores, com vistas a...

Título de Cidadã para senadora goiana

janaina riva 400 curtinha   A Assembleia fará sessão solene nestes últimos dias de 2019 para prestar homenagem a várias personalidades de diferentes segmentos e profissões. Uma das que serão condecoradas com o Título de Cidadã Mato-Grossense é a goiana Kátia Regina de Abreu,...

Francis sem os vereadores do partido

cesare 400 curtinha vereador caceres   A administração Francis Maris em Cáceres se tornou tão emblemática que perdeu apoio dos dois únicos vereadores do seu partido, o PSDB, na Câmara Municipal. Os tucanos Valdeniria Dutra e Claudio Henrique integram hoje o bloco de oposição ao prefeito,...

Gilberto prestigia sobrinho na Câmara

marcelo oliveira 400 curtinha   Depois de 11 meses sem pisar os pés na Câmara Municipal de Cuiabá, o vereador licenciado Gilberto Figueiredo, secretário estadual de Saúde e um dos pré-candidatos a prefeito do grupo do governador Mauro, apareceu neste sábado na sede do Legislativo, no ato que marcou a...

Suplente que terá 2 anos de mandato

adilton da levante 400 curtinha   Derrotado à reeleição em 2016, Adilson da Levante (foto) reassumiu cadeira de vereador pela Capital desde janeiro deste ano e deve prosseguir no cargo até o final do mandato, em dezembro de 2020. É que o titular Gilberto Figueiredo, que se elegeu pelo PSB e vai migrar para o DEM,...

PSDB veta Taques e vai priorizar Leitão

paulo borges 400 curtinha   O comando regional do PSDB não vai dar chance para Pedro Taques, caso este ensaie concorrer ao Senado com a provável suplementar, já no início de 2020 com a iminente cassação do mandato de Selma. Embora tenha dito que hoje se dedica à advocacia e à vida de professor...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Como você avalia a decisão do Supremo de suspender prisão imediata após julgamento em segunda instância?

Concordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.