Nacional

Quarta-Feira, 13 de Novembro de 2019, 17h:45 | Atualizado: 13/11/2019, 17h:54

Príncipe sobre não ser vice na chapa de Bolsonaro: Bebianno falou de suruba gay

Reprodução

Luiz Philippe de Orleans e Bragan�a e Jair Bolsonaro

O príncipe Luiz Philippe de Orleans e Bragança, durante live do presidente Jair Bolsonaro

Fotos de uma suruba gay: esse teria sido o principal motivo pelo qual o príncipe Luiz Philippe de Orleans e Bragança não foi convidado pelo então candidato Jair Bolsonaro (PSL) para a chapa que concorreu nas eleições presidenciais, na vaga de vice. As informações foram publicadas pela revista Crusoé.

O dossiê com as fotos estaria com o então braço direito de Bolsonaro, o advogado Gustavo Bebianno, segundo informou o próprio príncipe. De acordo com ele, Bebianno também falou a Bolsonaro que seu preferido para a chapa teria envolvimento em agressões a moradores de rua. Orleans e Bragança garante que as fotos e as insinuações eram falsas.

“Bebianno armou e não queria que eu fosse o vice. Ele disse ao presidente que haveria um dossiê que tinha fotos minhas, segundo um amigo me contou na ocasião. O dossiê foi usado porque era domingo de manhã e era o último dia para protocolar quem seria o vice. Ele não queria colocar um militar, inicialmente”, contou o deputado. O general Hamilton Mourão acabou sendo o escolhido.

Nesta terça (12), o presidente Bolsonaro, de saída do PSL, afirmou que preferia o príncipe como seu vice, e não o general Mourão. Ele externou seu arrependimento em frente a todos os deputados presentes na reunião que chancelou sua vontade de criar um novo partido – o Aliança pelo Brasil – e deixar o PSL, segundo disse a coluna Mônica Bergamo, da Folha de S.Paulo.

“Casei errado”

“Príncipe, estou te devendo eternamente”, disse Bolsonaro. Orleans e Bragança, deputado federal por São Paulo, respondeu: “O que é isso. Deve nada, presidente”.

“Devo sim. Você deveria ter sido meu vice, e não esse Mourão aí. Eu casei, casei errado. E agora não tem mais como voltar atrás”, insistiu o presidente.

Segundo o príncipe, Bolsonaro lhe pediu desculpas nessa terça. “Sei que esse tipo de armação ocorre a todo momento. Sei que circulam informações falsas. O dossiê era de fotos que eu fazia uma suruba gay e que eu batia em mendigo”, contou o deputado.

O deputado federal Alexandre Frota (PSDB-SP) também confirmou à colunista da Folha de S.Paulo que Bolsonaro lhe perguntou sobre o príncipe. “Me perguntou se eu sabia se o príncipe era gay ou não. Eu disse que não sabia”, disse.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Prejuízos para Acorizal de R$ 753 mil

clodoaldo monteiro 400 curtinha acorizal   O conselheiro interino Moisés Maciel concedeu medida cautelar proposta pela secretaria de Controle Externo de Contratações Públicas do TCE, suspendendo de imediato um termo de parceria, em vigor desde 2017, entre a prefeitura de Acorizal e a Oscip Iso Brasil. Foi descoberto...

"Eu não devo um centavo para Júlio"

sergio rezende 680   O empresário e ex-vereador de Chapada dos Guimarães, Sergio Rezende (foto), que foi "enquadrado" pelo cacique político do DEM, Júlio Campos, reagiu, mas sem as críticas duas de antes contra o ex-governador. Irritado pelos ataques feitos por Rezende em um grupo de WhatsApp, Julio gravou um...

Ex-vereador do DEM recua da disputa

ivan evangelista 400 curtinha   O pecuarista e ex-vereador Ivan Evangelista (foto) vai mesmo jogar a tolha. Apontado como uma das apostas do DEM na briga por vaga no Legislativo cuiabano, Ivan não se empolgou, notou dificuldades para se obter êxito nas urnas e vai comunicar a direção do partido de sua desistência da...

Gestão Tatá sob várias irregularidades

tata amaral 400 curtinha   A gestão Tatá Amaral (foto), em Poconé, está sendo marcada por uma série de irregularidades. Uma denúncia feita junto ao TCE pelo auditor público interno municipal, Ademar Vivan Júnior, foi confirmada. Descobriu-se, por exemplo, contratação...

Ucamb é multada por irregularidades

edio 400 curtinha   Numa sessão realizada por videoconferência, o TCE puniu o líder comunitário Édio Martins de Souza (foto) por irregularidades num convênio de 2009 com o Estado. Na época, Édio presidia a União Cuiabana de Associações de Moradores de Bairro (Ucamb)....

PSD reforça nome de Flávio em VG

selleman mathias 400 curtinha psd vg   Chamou a atenção a presença do presidente do diretório do PSD, em Várzea Grande, Selleman Mathias (foto), no lançamento da candidatura do empresário Flávio Vargas (PSB) à sucessão da prefeita Lucimar Campos, nesta quarta. Ao que tudo...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT estuda retomada das atividades escolares presenciais possivelmente em agosto ou setembro. O que você acha?

Estou de acordo

Não - aulas não podem voltar por agora

tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.