Nacional

Terça-Feira, 16 de Dezembro de 2014, 13h:51 | Atualizado: 16/12/2014, 14h:11

Saúde

Profissionais simulam atendimento a pessoas com ebola no Metropolitano

Anderson Acendino/ SES-MT

macabolha.jpg

Paciente com suspeita de ebola será transportado em maca bolha; equipamento foi adquirido pelo Governo no Estado, por meio da SES, pelo valor de R$ 456 mil

Equipes do Hospital Metropolitano de Várzea Grande, região metropolitana de Cuiabá, e de outras instituições, entre elas do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e do Corpo de Bombeiros, estão sendo treinadas, nesta terça (16), sobre como proceder em caso de paciente com suspeita de ebola. Uma maca bolha, equipamento utilizado para o transporte de pacientes suspeito da doença dentro da ambulância, foi adquirido pelo governo de Mato Grosso, por meio da Secretaria Estadual de Saúde (SES), pelo valor de R$ 456 mil.

De acordo com a Secretaria de Saúde, o estado está definindo estratégias de prevenção para atender eventuais casos de ebola para a criação de um plano de contingência. E esse treinamento dado nesta semana visa ensinar médicos, enfermeiros, profissionais do Samu, da Vigilância em Saúde do estado, da Defesa Civil, e bombeiros a manusearem a maca bolha e outros equipamentos de proteção, como máscaras, avental, luvas e macacão.

Em caso de suspeita de ebola, as secretarias municipal e estadual devem ser informadas e, em seguida, o transporte é feito por uma equipe do Samu, na maca bolha. Desde o início, o paciente deve ser mantido em isolamento. O paciente deverá ser encaminhado para o Hospital Metropolitano de Várzea Grande, mas depois transferido para um hospital de referência nacional. O paciente fica em  quarto privativo com banheiro, em isolamento, com equipamentos de UTI.

Mato Grosso é o segundo estado a adquirir essa maca bolha. O primeiro foi São Paulo. A intenção é preparar o estado para, se houver alguma suspeita, os profissionais da região tenham condições de atender o paciente.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Zé Poxoréo | Quarta-Feira, 17 de Dezembro de 2014, 13h08
    0
    0

    Pra um estado onde pessoas morrem na fila do Pronto Socorro até com uma fratura exposta. É de se admirar a agilidade na compra de uma maca nesse preço. Será que o Estado agora passou a sofrer da sindrome da compra compulsiva, ou comprou pra não perder o preço da promoção?

Governo monitora crise na segurança

mauro mendes 400 curtinha   O governador Mauro monitora de perto a crise instaurada no setor de segurança devido à operação desencadeada na Penitenciária Central do Estado, em Cuiabá, para acabar com regalias de presos "da pesada", que comandam o crime organizado de dentro das celas. Houve...

Faissal se licencia e Oscar assume vaga

oscar_curtinha_400   O deputado estadual de primeiro mandato Faissal Calil (PV), a partir de quarta (21), vai se licenciar por 4 meses. Assim, dará lugar para o retorno do ex-deputado Oscar Bezerra (foto), que disputou à reeleição no ano passado, sem sucesso. Oscar, que tem base eleitoral em Juara, teve 11.827 votos e...

Fora do Podemos e dando pitacos

marcelo_curtinha   O presidente do Podemos-MT, José Medeiros, se diz surpreso com as declarações do adjunto de Turismo da Capital Marcelo Pires, que se posiciona contra a filiação de Niuan no partido. O absurdo disso é que Marcelo sequer é filiado e muito menos militante. Só participou de uma...

Melhorias refletem no Mutirão Fiscal

emanuel pinheiro curtinha   O prefeito Emanuel Pinheiro (foto) está empolgado com a intensa procura dos contribuintes para negociação de dívidas municipais e ficou mais animado quando tomou conhecimento dos comentários de muitos, inclusive daqueles menos favorecidos, que estão indo à Arena Pantanal,...

Inclusão ilegal de Júlio no DEM-Cuiabá

fabio garcia 400 curtinha   A conspiração de Fabio Garcia (foto) na hora de definir novos membros do DEM-Cuiabá, armada às pressas e na base do atropelo, sem consultar os irmãos Júlio e Jayme Campos, principais referências do partido na Baixada Cuiabana, acabou por escancarar uma prova de ilegalidade....

Tragédia, Sachetti, 2020 e reflexos

adiltonsachetti_curtinha400   O apelo emocional provocado pelo acidente envolvendo Lidiane, esposa de Sachetti (foto), e que resultou na morte de uma criança de 3 anos, aliado à suspeita de fuga e omissão de socorro, seguramente terá reflexos nas eleições de 2020. Caso o ex-federal e ex-prefeito seja...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Na sua opinião, como está indo o Governo Mauro Mendes?

excelente

bom

regular

ruim

péssimo

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.