Órgãos

Sábado, 08 de Janeiro de 2011, 07h:20 | Atualizado: 08/01/2011, 09h:39

Articulação

Abicalil assumirá cargo no MEC; Serys quer dar aulas em Brasília

Abicalil assumirá cargo no MEC; Serys quer dar aulas

Serys Marly e Carlos Abicalil   O quase ex-deputado federal Carlos Abicalil (PT), que disputou, sem êxito ao Senado, vai mesmo assumir um cargo no Ministério da Educação (MEC). Uma fonte do RDNews informou que esta semana o parlamentar já manteve contatos com setores no MEC para se inteirar sobre a função que irá ocupar. Ainda não está confirmado qual cargo exatamente. O mais cotado, no entanto, é a presidência do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).

   Carlos Abicalil ficou em Brasília esta semana somente até quarta (06). Sua assessoria não soube informar corretamente, mas sabe-se que vai aproveitar o recesso parlamentar e as últimas semanas que tem de mandato para descansar. Dia 31 de janeiro finda a atual legislatura e, em 1º de fevereiro, assumem os novos deputados e senadores.

   O petista disputou a eleição para senador no ano passado, depois de uma ferrenha disputa interna com a senadora Serys Marly, que queria a vaga do partido para ir à reeleição. A rivalidade agravou de vez a frágil relação política e pessoal entre os dois e seus respectivos grupos políticos dentro do PT.

   Enquanto é praticamente certa a ida de Abicalil para o Ministério da Educação, o futuro político de Serys ainda é incerto. A senadora esperava assumir uma vaga na Câmara Federal, para a qual é suplente de uma das coligações proporcionais que ajudaram a eleger o governador Silval Barbosa (PMDB). Essa possibilidade quase se concretizou com quase ida do deputado Wellington Fagundes (PR) para o staff de Silval, mas na última hora, o republicano decidiu continuar como parlamentar.

   De todo modo, a senadora já havia adiantado ao RDNews que estudava propostas para lecionar em duas universidades particulares do Distrito Federal. Pelo que consta, Serys quer mesmo ficar em Brasília. A possibilidade da parlamentar ocupar um cargo na esfera federal também não está descartada.

   O problema tanto de Serys quanto de Abicalil é que a definição de todos os cargos de segundo escalão no governo Dilma Rousseff (PT) está congelada. Por conta de intensa disputada entre o PMDB e o PT, pelos cargos abaixo de primeiro escalão, a presidente decidiu adiar as escolhas, que estão sendo coordenadas pela secretaria de Relações Institucionais.

   Somente os cargos de secretário-executivo, chefe de gabinete e assessoria de comunicação é que estão sendo nomeados. Mesmo assim a conta-gotas, já que mesmo essas funções estão sendo objetos de fortes disputas. Algumas delas ocorrem dentro dos próprios partidos, como é o caso da secretaria-executiva do Ministério das Cidades, que era ocupada pelo mato-grossense Rodrigo Figueiredo, mas o PP ainda não definiu a situação, tendo em vista que outras vertentes da legenda também pleiteiam a vaga.

Postar um novo comentário

Comentários (15)

  • Elton Moraes | Sexta-Feira, 28 de Janeiro de 2011, 22h24
    0
    0

    Realmente Abicalil foi muito injustiçado. Primeiro por Valdebran Padilha, amigo que Abicalil disse nunca ter visto na vida ( em carta aberta à imprensa ) quando do escandalo dos aloprados. Tão amigo que teve sua esposa como secretaria parlamentar de Abicalil. O Gerenciador da aplicação das emendas parlamentares do diretor e professor rondonopolitano. Abicalil foi traído por ele próprio. E agora articula ajudar Valtenir com cargos no staff petista em troca de algumas apunhaladas nas costas do Senador Julier. Um está mostrando o tamanho de seu caráter e o outro a completa ausencia dele.

  • kassia | Terça-Feira, 11 de Janeiro de 2011, 11h05
    0
    0

    conheceu dentussa vai para onde voce nao deveria ter saido abcalil voce deve ajudar em obras assistenciais, apesar de ser tarde mais ainda e tempo de aprender, pois voce não sabe nem cuidar de sua vida imagina de educação na politica o cargo são dos incompetentes mesmo hein...............

  • MARILIA | Domingo, 09 de Janeiro de 2011, 08h20
    0
    0

    NESSA DONA DILMA DEU UM TIRO NO PÉ, ONDE ESTA O QUE CANTAVAM QUANDO O POVO QUER NINGUEM DOMINA.... E LEMBRO ISSO A ,SILVAL E SE DONA DILMA LER A VOZ DO POVO É A VOZ DE DEUS .. DEIXA ESSES DOIS APRENDEREM A LIÇAO DA HUMILDADE, DO RESPESPEITO AOS ELEITORES , MANDA FAZEREM A LIÇAO DE CASA, NADA DE PODER PELO PODER....

  • Mirtes solano gonçalves | Domingo, 09 de Janeiro de 2011, 00h16
    0
    0

    O Araguaia se alegra com a indicação de Abicalil. Fica meu recado para ele. Tranquilo amigo, quem te conhece te aprova , sabemos do que vc já fez e fará pela educação. Muito orgulho aqui em Canarana de ter você como parceiro.

  • Gilberto Pires de albuquerque | Domingo, 09 de Janeiro de 2011, 00h14
    0
    0

    Valeu RD news pela notícia , sabíamos que a presidente Dilma não ia deixar alguém tão competente de fora do staf. Aqui na Barra temos o maior orgulho do professor e diretor Carlos, ele sempre fez a diferença. Valeuuuuu!!!!

  • arlete severo gomes | Domingo, 09 de Janeiro de 2011, 00h11
    0
    0

    Pobre Mato Grosso com algumas pessoas que desconhece práticas de pessoas capazes. Abicalil só não é da turma do toma lá da cá.É alguém que nós da educação respeitamos profundamente , quem duvida devia estar presente em qualquer reunião de educadores desse país com a presença do nosso professor. Em todas as cidades de MT ele é aplaudido de pé. Abicalil fez como deputado pela legislação da educação do Brasil , o que toda a história não fez. É que aqui no estado tem gente que acha que papel de deputado é fazer tramóia com obras em cobrar percentual das empresas, é trnsformar ambulâncias em báus de dinheiro e sair carregando, enfim...de tudo há um pouco.

  • joão de souza lima | Sábado, 08 de Janeiro de 2011, 23h40
    0
    0

    É uma pena que o Abicalil e a Serys não se elegeram. O Abicalil não aceita negociatas, é competente, inteligente, trabalhou como poucos pelas grandes questões da educação no Brasil, e trouxe recursos para todos os municípios do estado do MT; armaram uma arapuca para ele nessa questão do requerimento que pedia mais discussão sobre a liberação do aborto. Inverteram o teor do documento, a mídia comprou a idéia , pois tem muitos interesses obscuros nos bastidores,e enganaram a população desinformada e analfabeta funcional.É um dos poucos deputados honestos de Brasília. Já a Serys se eleita teria um grande espaço junto a presidente Dilma. Existiam conversas de bastidores de que ela, com toda certeza ocuparia a Presidência da Câmara dos Deputados. É uma pena para todos nós, pos no fundo perdeu o Estado de Mato Grosso.

  • paulo cesar | Sábado, 08 de Janeiro de 2011, 21h26
    0
    0

    paulo cesar, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • CEBOLA | Sábado, 08 de Janeiro de 2011, 18h17
    0
    0

    Grande Marcos Piza, tô contigo e num abro

  • Jedae | Sábado, 08 de Janeiro de 2011, 18h03
    0
    0

    Rsrsr! Boa noticia. Está certa. Com certeza, ela sabe que um certo partido domina a educação em Mato Grosso e por isso a educação aqui é pessíma. Por isso ela quer distancia da bugrada e dos caboclos. Ela só volta aqui pelo mato, talves em 2012 ou talves em 2014. Mesma coisa do nosso bica. Errado é quem vota em gente desse calibre!

Acordo com Euclides partiu de Allan

allan kardec 400   Otaviano Pivetta, vice-governador licenciado por 30 dias para cuidar de problemas de saúde, disse que nada tem a ver com o tal acordo "costurado" pelo presidente regional do PDT, deputado Allan Kardec (foto), com Euclides Ribeiro, candidato a senador pelo Avante. Explica que só apresentou Euclides para Allan e...

Família Maia tenta retomar o poder

martha maia 400   O ex-prefeito de Alto Araguaia por quatro vezes, Maia Neto, não entrou na disputa de novo ao Executivo, mas lançou a irmã Martha Maia (foto), cuja filha Sylvia Maia é vereadora. Filiada ao PP, Martha entra como principal candidata da oposição ao prefeito Gustavo Melo, que vai à...

Welinton fará grande ato em Barra

welinton marcos 400 curtinha   Welinton Marcos (foto) lança sua candidatura a prefeito de Barra do Garças, na segunda (28), em um grande ato. Mesmo pelo sistema drive-in, devido à necessidade de adotar medidas sanitárias contra a Covid-19, são esperadas na solenidade cerca de mil pessoas, num espaço amplo,...

Irmão de Riva está na disputa em Juara

priminho riva 400 curtinha   O irmão do ex-deputado José Riva, Priminho Riva (foto), filiado ao PL, será mesmo candidato a prefeito em Juara, posto já ocupado por ele por duas vezes (1997/2004). Priminho pertence a uma famíliade políticos. Além de Riva, que foi prefeito e deputado, é...

PSB deve ficar fora da aliança de EP

max russi curtinha 400   O PSB, presidido pelo deputado Max Russi (foto), pulou mesmo do barco de Emanuel Pinheiro. Deve formalizar apoio à candidatura de Roberto França ao Alencastro. O PSB não consta na lista oficial de siglas que estão com o prefeito, que busca à reeleição. Os 11 que estão...

Taisir coordena campanha de Eliene

taisir karim 400 curtinha   O ex-reitor da Unemat e uma das lideranças do PSD na região Oeste, Taisir Karim (foto), que chegou a se lançar de última hora como pré-candidato a prefeito de Cáceres, mas logo em seguida recuou, será o coordenador-geral da campanha de Eliene Liberato (PSB), atual...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.