Órgãos

Sexta-Feira, 29 de Janeiro de 2010, 09h:49 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:25

FISCALIZAÇÃO

Governo reforça segurança para evitar novo "fiasco" em concurso

   Pelo menos 260 policiais vão trabalhar em Cuiabá e Várzea Grande neste domingo (31) na segurança dos candidatos que farão as provas da primeira etapa do concurso público do governo. Ao todo, 190 militares vão trabalhar em Cuiabá e 70 em Várzea Grande. Foi montado um grande circuito de segurança porque há orientação expressa do governador Blairo Maggi (PR) para que nada dê errado. Tanta preocupação se deve ao fato da primeira tentativa, em 22 de novembro do ano passado, ter sido um verdadeiro fiasco. Uma sucessão de falhas e até vazamento do conteúdo das provas obrigou o governo a cancelar o certame.

   A expectativa é ter dois policiais por estabelecimento de ensino. Nas escolas que ultrapassam o número de 500 candidatos, haverá reforço de acordo com a solicitação do coordenador de pólo. Na região central de Cuiabá são 16 escolas para um total de 54 policiais. Estabelecimentos como as escolas São Gonçalo, Nilo Póvoas, Cesário Neto, Afirmativo, ICE e João Briene de Camargo receberão mais de dois policiais.

   Na região da Morada da Serra e do Planalto são 24 escolas num total de 48 policiais. No Coxipó, 18 instituições de ensino contarão com 36 militares, além do reforço nas escolas Malik Didier, Pascoal Ramos e Salesiano Santo Antônio. Já na região do Santa Izabel e Verdão, são 14 locais de prova com 28 policiais. Também haverá reforço no Presidente Médici, Cefet e Icec. Na primeira tentativa de aplicação das provas, diversas escolas contavam com apenas um policial.

   Além de fazer a segurança dos candidatos nas escolas, policiais militares vão orientar os condutores de veículos para evitar transtornos. Eles vão ficar nas rotatórias, mas haverá uma equipe reserva caso aconteça algum acidente de trânsito e outros militares em motos para facilitar o deslocamento ao local. Quanto ao interior, poucas cidades precisaram de reforço.

   Ambulâncias

   Além dos policiais, equipes de ambulância com médicos e enfermeiros do quadro de saúde da PM, assim como membros do Corpo de Bombeiros, também estarão de plantão para o atendimento emergencial aos candidatos durante o horário da prova. Segundo o coordenador da Comissão de Vistoria e Segurança do Concurso, Cleucimar Rabelo, esses números foram estudados detalhadamente para evitar ao máximo qualquer transtorno.

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • João | Sábado, 30 de Janeiro de 2010, 19h40
    0
    0

    Será que a presença de dois ou mais policiais fardados nos locais de provas irá prevenir a venda de gabarito ou dar mais lisura ao processo. Acabei de fazer o concurso do TRE, que por sinal muito mais concorrido que este e não tinha toda esta segurança, a não ser os da propria instituição que estava aplicando a prova, que por sinal são muito competentes. toda esta procupação é somente politica, são pessoas incompetentes querendo aparecer e puxar o "s" do governador. Acorda Blairo o povo não é bobo. Voces precisão ver o corre corre que os oficiais da PM estão fazendo, um tremendo puxa-saquismo, hahahaha.

  • JUCA | Sábado, 30 de Janeiro de 2010, 19h32
    0
    0

    Bom dia, e mais uma vez quem paga a conta pela incompetencia dos outros e a PM, pois os policiais vão trabalhar durante 12horas, durante a sua folga e não vão ganhar nada. So ira receber os Sargentos e Oficiais, enquanto de cabos e soldados, irão sofrer durante o dia todo pois estão escalados desde as 7:30 da manhã, mesmo aqueles que estão de folga, na chamada escala extra. Chega disso, quando que vão parar de escravizar os menos favorecidos da PM.

  • ALEXANDRINO | Sábado, 30 de Janeiro de 2010, 10h19
    0
    0

    BOM DIA ROMILSON. HOJE 30/01/10 OLHANDO OS JORNAIS DE MT PELA INTERNET, LI EM DOIS DELES QUE PARA MAIOR SEGURANÇA NO CONCURSO PÚBLICO DE MT FOI ADOTADO O SISTEMA DE SELO DIGITAL. ÓTIMO. JÁ FIZ ALGUNS CONCURSOS ONDE O GABARITO VINHA COM ESSE SELO DE SEGURANÇA. O QUE ME CHAMOU A ATENÇÃO NAS MATÉRIAS LIDAS É O FATO DE QUE PARA O CONCURSO DE 22/11/09 A UNEMAT CONTRATOU A EMPRESA DE BRASÍLIA, MAIS ESPECIFICAMENTE A DIGISELO PARA CONFECÇÃO DE SELOS DE SEGURANÇA. ENTÃO NÃO HAVIA O SELO ANTERIORMENTE. E O PAGAMENTO FEITO P/ EMPRESA COM ESSA JUSTIFICATIVA CONTÁBIL FOI PARA QUÊ AFINAL?ROMILSON ESPERO QUE O GOVERNO DO ESTADO ESTEJA ACOMPANHANDO OS NOTICIÁRIOS PARA OBSERVAR COISAS COMO ESSAS, ATÉ MESMO PARA NÃO SERVIR DE CHACOTA PARA TODO O BRASIL NOVAMENTE, ISSO SEM FALAR NA EXPOSIÇÃO NEGATIVA DE MATOGROSSO.

  • Rolando | Sexta-Feira, 29 de Janeiro de 2010, 17h26
    0
    0

    brincadeira... prova de incompetencia mesmo a forma que fizeram o concurso em Novembro de 2009, olha só agora, ambulancia, bombeiro, policia militar, swat, força tática, funcionários da sad. hahahahaha, e o gabarito voando de mão em mão faz hora, a lisura não vai ser avalizada por esta estrutura de mobilização de servidores em troca de um dia na semana santa o mesmo por 60 reais. Vivemos o caos instalado pela Unemat em parceira com a SAD do todo poderoso Geraldo De Vitto! E o calote de muitos fiscais da prova de novembro Rd, continua, mais de 3 mil fiscais ainda não receberam! Quem garante que o governo vai cumprir com os fiscais agora! Olha o Tsuname do final de Mandato do Maggico!

Vereadores de ROO e trocas de siglas

fabio cardozo 400 curtinha   Em Rondonópolis, praticamente a metade dos vereadores está aproveitando a janela, que se encerra neste sábado, para mudar de partido, e já com as atenções voltadas à reeleição. E, com a dança das cadeiras, o Solidariedade do prefeito Zé do...

Podemos absorve a turma do barulho

O Podemos conseguiu juntar no seu diretório em Cuiabá a turma do barulho. Dela fazem parte dois com mandatos cassados, Abílio Júnior, que perdeu a cadeira de vereador por quebra de decoro, e a senadora Selma Arruda, cassada por caixa 2 e abuso de poder econômico, mas que ainda continua no cargo. Selma impôs condições para seguir no partido. Chegou a negociar ida para o PSC. E ganhou a presidência municipal do Pode, forçando o...

Secretário, furtos e a incompetência

rodrigo metello 400 curtinha   O secretário de Transporte e Trânsito de Rondonópolis, Rodrigo Metello (foto), filiado ao MDB e pré-candidato a vereador, corre risco de ser acionado na Justiça por centenas de pessoas que tiveram motocicletas apreendidas e que depois acabaram furtadas do Pátio Rondon. O local...

Vereador na base e críticas a Leonardo

leonardo 400 curtinha   Chico 2000, vereador pela Capital, assegura que não procede a informação de que o seu Partido Liberal irá romper com o prefeito Emanuel, não o apoiando à reeleição. Segundo ele, foi Leonardo Oliveira (foto), que participou na quarta de uma reunião do...

Embates sobre a cadeira da discórdia

selma arruda curtinha 400   A cadeira da senadora Selma Arruda (foto), que está cassada há um ano mas, mesmo assim, continua no cargo, vem dividindo opinião de vários líderes políticos, uns torcendo logo para a Mesa do Senado decretar a vacância para Carlos Fávaro assumir a vaga, outros...

PL avisa Chico que não apoiará EP

chico 2000 curtinha   O vereador Chico 2000 (foto), único do PL na Câmara de Cuiabá e governista de carteirinha, se mostrou  desconfortável politicamente quando foi informado nesta quinta que a legenda liberal não vai apoiar a reeleição do prefeito Emanuel, do MDB. O partido é comandado no...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você concorda com a decisão de prefeitos, que começam a decretar estado de emergência, fechando comércio, serviços públicos e o transporte coletivo?

sim

não

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.