Órgãos

Segunda-Feira, 16 de Dezembro de 2019, 17h:54 | Atualizado: 17/12/2019, 08h:48

Na presidência do TCE, Maluf agradece antecessores e promete ajustar as contas

Rodinei Crescêncio

Guilherme Maluf posse TCE

Mesa da posse de Guilherme Maluf no TCE, com conselheiros, Mauro Mendes, Eduardo Botelho, Jayme Campos e José Antonio Borges, nesta tarde

Em ascensão meteórica no Tribunal de Contas (TCE-MT), o conselheiro Guilherme Maluf tomou posse como presidente do órgão na tarde desta segunda (16), prometendo eficiência no controle de gastos públicos e corte de despesas. Maluf sucede o conselheiro Domingos Neto e vai conduzir por dois anos um órgão que detém duodécimo de R$ 257 milhões.

Em solenidade repleta de políticos e representantes de Poderes e órgão independentes - como o governador Mauro Mendes (DEM), o presidente da Assembleia Eduardo Botelho (DEM), e o chefe do Ministério Público José Antônio Borges -, Maluf discursou por quase 15 minutos e agradeceu a equipe técnica da Corte de Contas e seus antecessores na presidência, entre eles, os cinco conselheiros afastados há mais de dois anos - Antonio Joaquim, José Carlos Novelli, Sérgio Ricardo, Waldir Teis e Valter Albano -, e que aguardam decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ) para retornar a seus cargos ocupados atualmente por interinos.

De acordo com Maluf, nas últimas décadas, graças ao trabalho do seu corpo técnico, os conselheiros titulares e interinos, e dos presidentes que lhe antecederam, o TCE-MT aprimorou a função de planejamento. “Estabeleceu prioridades para manutenção dos melhores resultados. Graças ao empenho e dedicação dos profissionais deste tribunal, o TCE-MT colocou-se como uma das instituições de referência no país”.

Rodinei Crescêncio

Guilherme Maluf posse TCE

Já empossado presidente, Guilherme Maluf em entrevista coletiva à imprensa que acompanhou solenidade, no TCE

Neste sentido, o presidente ressaltou que sua gestão pretende investir ainda mais na modernização, garantindo condições de trabalho e ferramentas eficazes para a área técnica.

“Os principais eixos da minha gestão serão o desenvolvimento permanente da governança pública, o diálogo institucional aberto e permanente na construção de soluções, racionalização dos processos de trabalho da casa, e aumento da presença no controle dos 141 municípios de Mato Grosso”, declarou.

No campo administrativo, Maluf afirmou que o TCE-MT precisa dar exemplo na questão do controle de gastos e eficiência na prestação de serviços. “Estamos construindo soluções para a reforma administrativa, enxugamento de despesas da casa, para a regulamentação para o uso de recurso do Fundecontas para a capacitação dos gestores municipais e aperfeiçoamento da proposta de regulamentação do controle simultâneo do TCE sobre PPPs e concessões públicas”.

“O TCE não pode fugir de sua responsabilidade de ajustar suas contas, como qualquer outro jurisdicionado. Aprendi, ao longo da minha vida pública, que a dificuldade é a mãe da inovação e aperfeiçoamento. É hora do TCE se reinventar e não fugimos desse desafio”, completou.

Ascensão

Maluf consegue algo inédito na história do TCE-MT, ao assumir a presidência com menos de um ano nomeado no cargo vitalício de conselheiro. No discurso, destacou sua carreira política, como vereador e secretário de Saúde de Cuiabá, quatro vezes deputado estadual, médico e empresário.

Rodinei Crescêncio

Guilherme Maluf posse TCE

Solenidade de posse de Guilherme Maluf é acompanhada por grande públicos, entre políticos, presidentes de órgãos, familiares e servidores do TCE

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Ricardo | Segunda-Feira, 16 de Dezembro de 2019, 20h40
    0
    0

    Ricardo , Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

Ex-vereador por 5 vezes tenta retornar

wilson kishi 400   Após uma década sem encarar uma disputa eleitoral, Wilson Kishi (foto), que já exerceu cinco mandatos de vereador por Cáceres, somando quase 20 anos ininterruptos de assento no legislativo, decidiu se submeter ao teste das urnas de outubro. Vai tentar cadeira de vereador. Se filiou ao PSB, que tem a...

SD e chapa competitiva pra vereador

aluizio lima 400   Comandado no Estado por Zé do Pátio, prefeito de Rondonópolis, o Solidariedade ganhou novos filiados em Cuiabá e já tem uma lista de 32 pré-candidatos a vereador, numa expectativa de conquistar até quatro cadeiras. Além dos recém-filiados, vereadores Vinicius Hugueney...

MDB diz apostar em Thiago em Roo

thiago silva 400 curtinha   Dirigentes do MDB contestam o registro em nota no Curtinhas, assegurando que a oposição está forte em Rondonópolis e que deve unificar os grupos políticos e derrotar o projeto de reeleição do prefeito Zé do Pátio. Pesquisas internas estão deixando...

Pátio, adversários fracos e reeleição

ze do patio 400 curtinha   O prefeito de Rondonópolis Zé do Pátio (foto), por mais populista, demagogo e com uma gestão avaliada pela maioria como desastrosa, caminha a passos largos para conquista de mais um mandato. Tende a vencer pela lógica do menos pior. Seus virtuais adversários são...

Pode recebe 2 já derrotados em BG

sandro saggin curtinha 400   O Podemos conseguiu juntar em Barra do Garças o grupo de dois já derrotados à prefeitura, Daltinho, que também foi deputado e em 2018 teve votação pífia na tentativa de reeleição, e Sandro Saggin (foto), um "eterno" candidato. Entregue ao ostracismo,...

Câmara de Barra devolve R$ 100 mil

joao rodrigues 400 presidente c�mara barra do gar�as   A Câmara Municipal de Barra do Garças devolveu à prefeitura R$ 100 mil para serem investidos em medidas de combate ao novo coronavírus. O presidente do Legislativo, vereador João Rodrigues de Souza, o doutor...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você concorda com a decisão de prefeitos, que começam a decretar estado de emergência, fechando comércio, serviços públicos e o transporte coletivo?

sim

não

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.