Órgãos

Segunda-Feira, 12 de Agosto de 2019, 10h:48 | Atualizado: 12/08/2019, 11h:02

Efeito-Taques

Presidente da AMM cobra isonomia e quer que TCE seja menos severo com cidades

O parecer do Tribunal de Contas (TCE) pela aprovação das contas de governo do ex-governador Pedro Taques (PSDB), referentes a 2018, provocou reação pouco amistosa do presidente da AMM, associação que representa os municípios, Neurilan Fraga. Para ele, as 26 irregularidades que foram levantadas inicialmente pela própria Corte, sendo algumas graves, deveriam ter sido empecilho para a recomendação positiva - ao final, restaram 21 falhas.

Rodinei Crescêncio

Neurilan Fraga

Neurilan cita como exemplo o fato das contas de Alta Floresta, Juína e Barra do Bugres terem tido parecer negativo

Neurilan especificou que contas de Alta Floresta, Juína e Barra do Bugres tiveram parecer pela reprovação este ano, devido às despesas que ultrapassaram o limite da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), situação similar ao problema enfrentado pelo Executivo.

“Não estou querendo dizer que o TCE deveria ter reprovado as contas do ex-governador Taques e de outros governadores, que tiveram algumas irregularidades, mas o que esperamos é que o tratamento aos municípios seja o mesmo utilizado nas contas do Estado”, disse Neurilan.

Para o representante dos prefeitos, que já comandou Nortelândia, as gestões municipais são as mais afetadas com a crise financeira que o país vive pois, segundo ele, é nos municípios que há uma pressão da população pelos serviços públicos, como educação, saúde, segurança e infraestrutura. “Se a crise financeira serviu como base para justificar as irregularidades cometidas pelo ex-gestor estadual, também servirá no julgamento das contas dos gestores municipais. Achamos que o tribunal deve ter o mesmo entendimento” observou.

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • Pedro | Terça-Feira, 13 de Agosto de 2019, 08h32
    1
    0

    Presidente Neurilan o Senhor tem o dever institucional de cobrar do TCE o mesmo tratamento dado as contas do Ex-Governador Pedro Taques, quando dos julgamentos da contas dos municípios.

  • joao | Segunda-Feira, 12 de Agosto de 2019, 18h57
    1
    0

    Taques abriu a porteira.

  • Ana Paula ALTA FLORESTA | Segunda-Feira, 12 de Agosto de 2019, 16h30
    0
    0

    Ana Paula ALTA FLORESTA, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Marlise marques moraes | Segunda-Feira, 12 de Agosto de 2019, 15h08
    2
    1

    Parabéns presidente Neurilan assim espero tratamentos igualitário, prefeitos e ex- prefeitos também sofreram e sofrem crise financeira e geralmente é por falta de repasses do Estado e do Governo Federal.

  • Paulo | Segunda-Feira, 12 de Agosto de 2019, 12h51
    3
    1

    Agora esse presidente falou uma coisa bem certa. Quando se trata de um município pequeno e sem expressão um micuim vira um boi. As contas são reprovadas o prefeito multado. Quando se trata de município grandes e governo do estado a conversa é outra. Vide julgamentos anteriores e compare.

Matéria(s) relacionada(s):

4 órgãos do Estado no monitoramento

Como parte de um projeto piloto, quatro órgãos públicos do Estado estão sendo monitorados em tempo real, com câmeras analíticas que fazem o videomonitoramento. Nas funcionalidades do sistema estão até simulações de ativação de alarme e botão do pânico. As câmeras estão instaladas na 10ª Ciretran, na Superintendência de Assistência Farmacêutica e em duas...

Governo inaugura posto na fronteira

mauro mendes 400 curtinha   O governador Mauro Mendes (foto) inaugura na quarta o Posto do Limão, do Gefron, na região de Cáceres. Decola para Cáceres logo cedo e pousa na pista da fazenda Santa Helena. Dali segue 14 km de carro até o posto a ser inaugurado. O chefe do Executivo vai aproveitar para fazer um...

Estiagem faz Tangará racionar água

renato_golveia_curtinha400   A estiagem severa que castiga o Estado e provoca milhares de focos de incêndio, começa a afetar o sistema de abastecimento de água. Em Cuiabá, a concessionária pediu uso consciente da água. Já em Tangará, a situação ganha contornos dramáticos. O...

Lucas arrecada R$ 58 mi em impostos

binotticurtinha_400   Lucas do Rio Verde, sob Luiz Binotti (PSD), arrecadou R$ 58,274 milhões em impostos de 1º de janeiro até 13 de setembro deste ano, às 17h. Os dados são do Impostômetro e foram divulgados pela Fecomércio. No mesmo período em 2018, foram R$ 52,493 milhões. Nos 12 meses...

De fora da disputa em Rondonópolis

percival muniz 400   O pecuarista Percival Muniz (foto), hoje "mergulhado" nas duas fazendas na região do Xingu, adianta que não será candidato a prefeito de Rondonópolis, posto já ocupado por ele por três vezes. Mesmo com recall junto à população de bom gestor e popular, ele é...

Conselheira e o faturamento familiar

jaqueline jacobsen curtinha 400   Está repercutindo muito mal para a conselheira substituta do TCE-MT Jaqueline Jacobsen (foto) a notícia publicada pelo site O Livre, nesta sexta, de que a sua irmã, advogada Camila Jacobsen, em sociedade com Eveline Guerra, filha da conselheira, são sócias da "Jacobsen &...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Na sua opinião, como está indo o Governo Mauro Mendes?

excelente

bom

regular

ruim

péssimo

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.