PARTIDO

Terça-Feira, 04 de Fevereiro de 2020, 17h:22 | Atualizado: 04/02/2020, 17h:29

SOB SUSPEITA

Após suposta fraude, direção do PT de Terra Nova do Norte não será empossada

Ronaldo Mazza

Valdir Barranco

Deputado Valdir Barranco, presidente estadual do PT, durante discurso na tribuna da AL

A direção do PT de Terra Nova do Norte (a 643 KM de Cuiabá), eleita no Processo de Eleição Direta (PED) realizado no ano passado sob denúncias de fraudes, não será empossada. Para evitar contestações, será nomeada uma comissão provisória.

A informação foi confirmada pelo presidente do PT em Mato Grosso, deputado estadual Valdir Barranco. Segundo ele, a decisão busca preservar a transparência partidária.

“Como houve denúncias e os recursos ainda não foram julgados pelo Nacional, optamos por não empossar a direção eleita no PED. Pela transparência, uma comissão provisória vai dirigir o PT de Terra Nova do Norte”, explicou Barranco.

Em outubro do ano passado, um grupo de filiados, liderados pelo advogado Paulo Lemos, exigiu que a Executiva Estadual acionasse  a Comissão de Ética para punir os responsáveis pela fraude no PED. Os denunciados são Lairton José Ferst, Gilson Damasceno Santos e Claudemir Mendes Barranco, irmão do deputado Barranco. Os três eram membros da Comissão Eleitoral em Terra Nova do Norte.

Na representação, os denunciantes acusam os três correligionários de elaborar e assinar ata de votação e seus anexos, comunicando de maneira oficial para a instância superior do partido, resultados forjados da eleição, fruto de fraude eleitoral; fazer a retenção da lista de votação, que tinham a obrigação de encaminhar para a instância superior juntamente com o resultado das eleições, com a finalidade de produzir as assinaturas que dariam lastro ao comparecimento de filiados, informados na ata e, visando impossibilitar o acesso a ela dentro dos prazos de recursos;  elaborar e assinar um documento, encaminhado para a instância superior do partido, mentindo que a comissão fez todo o trabalho do PED de forma transparente, seguindo o estatuto do partido e o regulamento; e falsificar  assinaturas de inúmeros filiados, na lista de votação.  

Como prova da falsificação de assinaturas, citam caso de um serventuário do Poder Judiciário que, não é mais filiado ao PT, e registrou BO quando seu nome foi envolvido na fraude. Além disso, provaram que três filiadas que constam na lista de votação estavam de férias na Itália no dia do PED.

Nas redes sociais, Paulo Lemos comemorou a decisão partidária. "Recebi a informação de que a diretoria 'eleita' no Processo Eleitoral do Diretório de Terra Nova do Norte, do partido em que estou filiado, com muito orgulho (PT), não mais tomará posse, provavelmente por conta das inúmeras irregularidades apontadas, provadas e comprovadas por nós. Aparentemente, foi instituída uma Comissão Provisória no município, que deve ter a incumbência de convocar um PED Extraordinário, para novas eleições. Vitória da verdade sobre a fraude! Parabéns aos que lutaram pela lisura do pleito e não se acovardaram diante das pressões. O PT é maior do que seus dirigentes, é milhões de trabalhadores brasileiros!", postou.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Janio carlos | Quarta-Feira, 05 de Fevereiro de 2020, 06h20
    0
    0

    O PT acostumou a roubar que eles roubam entre eles mesmos.

Vereador fora da prisão e sem sessão

janio calistro 400   Desde quando deixou a prisão, no último dia 20, o vereador de Várzea Grande, Jânio Calistro (foto), não participa de sessão ordinária. Foram realizadas duas, uma em 30 de março, com presença física dos parlamentares, e outra na última terça, 7 de...

Ex-vereador por 5 vezes tenta retornar

wilson kishi 400   Após uma década sem encarar uma disputa eleitoral, Wilson Kishi (foto), que já exerceu cinco mandatos de vereador por Cáceres, somando quase 20 anos ininterruptos de assento no legislativo, decidiu se submeter ao teste das urnas de outubro. Vai tentar cadeira de vereador. Se filiou ao PSB, que tem a...

SD e chapa competitiva pra vereador

aluizio lima 400   Comandado no Estado por Zé do Pátio, prefeito de Rondonópolis, o Solidariedade ganhou novos filiados em Cuiabá e já tem uma lista de 32 pré-candidatos a vereador, numa expectativa de conquistar até quatro cadeiras. Além dos recém-filiados, vereadores Vinicius Hugueney...

MDB diz apostar em Thiago em Roo

thiago silva 400 curtinha   Dirigentes do MDB contestam o registro em nota no Curtinhas, assegurando que a oposição está forte em Rondonópolis e que deve unificar os grupos políticos e derrotar o projeto de reeleição do prefeito Zé do Pátio. Pesquisas internas estão deixando...

Pátio, adversários fracos e reeleição

ze do patio 400 curtinha   O prefeito de Rondonópolis Zé do Pátio (foto), por mais populista, demagogo e com uma gestão avaliada pela maioria como desastrosa, caminha a passos largos para conquista de mais um mandato. Tende a vencer pela lógica do menos pior. Seus virtuais adversários são...

Pode recebe 2 já derrotados em BG

sandro saggin curtinha 400   O Podemos conseguiu juntar em Barra do Garças o grupo de dois já derrotados à prefeitura, Daltinho, que também foi deputado e em 2018 teve votação pífia na tentativa de reeleição, e Sandro Saggin (foto), um "eterno" candidato. Entregue ao ostracismo,...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você concorda com a decisão de prefeitos, que começam a decretar estado de emergência, fechando comércio, serviços públicos e o transporte coletivo?

sim

não

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.