PARTIDO

Sábado, 31 de Agosto de 2019, 15h:00 | Atualizado: 01/09/2019, 08h:54

CONFLITO no PSL

Assessor de Barbudo quer retomar lotes; suplente vê" traição" e rompe com PSL

Dal bo e barbudo

Rafael Klas Dal Bo é chefe de gabinete do deputado Barbudo e está em conflito com Cattani

O suplente de deputado estadual  Gilberto Cattani, que é assentado da reforma agrária em Nova Mutum (a 242,8 km de Cuiabá), está em processo de ruptura com o PSL. O pequeno pecuarista pode ser expulso da sigla ou entregar a carta de desfiliação nos próximos dias por conta de conflitos com o dirigente Rafael Klas Dal Bo, que é chefe de gabinete do deputado federal Nelson Barbudo.

Ocorre que Cattani foi vítima fake news. Um vídeo apócrifo, ou seja, sem assinatura de autor, começou a circular no WhatsApp o acusando de apoiar “invasões de terras” promovidas por movimentos sociais que atuam no campo. E ao averiguar a origem, conversando com uma liderança dos sem terra que estão acampados em Nova Mutum foi informado que Dal Bo teria feito uma proposta que considerou indecente.

 O líder dos sem terra acampados em Nova Mutum relatou que quando esteve em Brasília buscando auxilio no gabinete de Nelson Barbudo teria sido orientado por Dal Bo a fazer um levantamento dos assentados da Gleba Marape, onde Gilberto Cattani reside com a família, que estão em situação irregular inclusive por compra e venda de terras da reforma agrária. A partir das  informações, o assessor parlamentar teria prometido providenciar a retomada dos lotes para promover novos assentamentos.

Na conversa com Valdecir, Dal Bo teria dado a entender que a proposta teria o aval de Barbudo. Já a retomada de eventuais lotes irregulares em assentamentos depende da ação da Diretoria de Obtenção de Terras do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) e está fora da alçada de qualquer deputado federal.

Por conta do vídeo apócrifo, o presidente do PSL de Nova Mutum, Wilson Suzuki, afirma que Gilberto Cattani será expulso do PSL. Além de classificar o ainda correligionário como “sujeito” afirma que o presidente da República Jair Bolsonaro jamais compactuaria com um “terrorista”.

Quando eram amigos, Barbudo até tentou emplacar Giberto Cattani na superintendência regional do Incra, mas não obteve sucesso. Nas eleições de 2018, o suplente fez 11.629 votos e é o primeiro da fila para substituir os deputados estaduais do PSL Sílvio Fávero e Delegado Claudinei em caso de afastamento.

“Quando homens maus se juntam, eles têm força até mesmo para derrubar homens bons. Muitos homens bons caem. No meu caso, podem ir tentando. Não tem problema nenhum vocês tentarem.  Não estou firmado em coisinhas, não estou firmado em partidinhos. Não estou firmado nisso ou naquilo. Eu tenho valores inegociáveis. Coisa que você Dal Bo, você Suzuki, não sabem nem o que é”, disse Gilberto Cattani  em vídeo direcionado para os correligionários e ao mesmo tempo adversários do PSL.

A  possível baixa de Gilberto Cattani não é a primeira anunciada nesta semana. A senadora Selma Arruda também cogita deixar o PSL embora garanta que permanecerá na base de Bolsonaro.

Ao , Dal Bo disse que não teve acesso ao vídeo gravado por Gilberto Cattani relatando a situação. Por isso, prefere não comentar o assunto. O espaço está aberto para o assessor de Barbudo.

Veja vídeo

Postar um novo comentário

Comentários (14)

  • Alberto Blass | Segunda-Feira, 02 de Setembro de 2019, 12h56
    1
    3

    Esse Catani é aquele que iria dar a volta ao mundo de bicicleta, saiu até na TV de Lucas e até hoje não deu nem a primeira pedalada. Não me inspira confiança.

  • Renan Fravetto | Segunda-Feira, 02 de Setembro de 2019, 11h48
    1
    2

    Interessante é o esse Cattani em hora nenhuma critica a tal ANU, o envolvimento parece serio. Parabens Barbudo triste eu ficaria se seus assessores fizerem a vontade desses movimentos que só tiram a paz no campo. Cattani parece querer criar um conflito social em Nova Mutum

  • EDNOR FERNANDES VIEIRA | Segunda-Feira, 02 de Setembro de 2019, 11h01
    0
    0

    E mas, mas eu concordo que quem comprou terra de Incra dos que foram assentados esta inrregular, quem vendeu não e dono da terra e quem compro de quem não dono jogou seu dinheiro fora. Por que terra de assentado enquanto ele não tem o titulo dessa area ele e um Paciente do INCRA, ENTÃO A TERRA É DO INCRA. QUEM COMPROU TEM QUE SER RETIRADO MESMO. E QUEM VENDEU TEM QUE SER COLOCADO NO CADASTRO DE INADIMPLENTE, E PROCESSADO POR VENDER O QUE NÃO É SEU.

  • isac | Domingo, 01 de Setembro de 2019, 13h46
    2
    1

    isac, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Ademir | Domingo, 01 de Setembro de 2019, 11h09
    6
    0

    Caro Genésio, o Bardudo não mudou o discurso, a questão é que este é discurso dele o outro era só para campanha

  • Ademir | Domingo, 01 de Setembro de 2019, 11h07
    5
    0

    Kkkkk, nossa que pagodinho, rsrsrsrs só rolo

  • Genesio Luiz | Sábado, 31 de Agosto de 2019, 20h23
    12
    0

    Deputo Barbudo! Pq o Senhor mudou completamente o seu discurso de campanha em?

  • Genesio Luiz | Sábado, 31 de Agosto de 2019, 20h16
    12
    0

    Aquele velho ditado os semelhante se atraem

  • Genesio Luiz | Sábado, 31 de Agosto de 2019, 20h11
    9
    0

    Cuidado Deputado Barbudo! Pq se não pode morrer abraçado com o Dal Bó em? O mais interessante que é muitas pessoas que apostoram em seu projeto para Federal estão desepcionados com a escolhar do seu asessor. Tira as vendas dos olhos Barbudo antes que seja tarde. E o inimigo sempe mora ao lado em?.

  • joaoderondonopolis | Sábado, 31 de Agosto de 2019, 19h17
    17
    0

    Se continuar como muitas desfiliações o PSL vai ser extinto até 2022, ou voltar a ser um partido nanico. A briga interna é muito grande re está mudando o que foi prometido na campanha, está se juntando aos corruptos, e a população ó.

Matéria(s) relacionada(s):

Cotado à cadeira de desembargador

francisco faiad 400 curtinha   É forte o movimento nos bastidores entre os juristas, dentro e fora da OAB/MT, pela indicação do nome de Francisco Faiad (foto) pela classe Quinto Constitucional à cadeira de desembargador. Bem articulado e com bom conceito no meio jurídico, Faiad foi presidente da OAB/MT por dois...

Pivetta promete permanecer no PDT

allan kardec 400 curtinha   O empresário Otaviano Pivetta, que se tornou o mais badalado nesta fase de pré-campanha ao Senado por causa da grande logística em torno do seu nome, se encontra numa saia-justa. Para líderes do Podemos com os quais passou a ter afinidade política, como os senadores Álvaro Dias e...

Ao Senado, 2 partidos e apoio para EP

elizeu nascimento 400 curtinha   Elizeu Nascimento (foto), terceiro-sargento PM licenciado, não é nada bobo. Ex-vereador pela Capital e no mandato de deputado estadual, Elizeu hoje controla o DC-MT e ainda levou aliados de confiança para o PSL-MT, partido que ainda está ligado ao presidente Bolsonaro e que só de...

Digital de Selma no apoio para Pivetta

olga lustosa curtinha 400   Mesmo com laços antigos de amizade com Otaviano Pivetta, Olga Lustosa, que está se desligando do cargo de assessora do gabinete da senadora cassada Selma Arruda em Brasília, causou aquele climão dentro do Podemos quando apareceu no encontro do PDT, neste sábado. O ato marcou o...

Fritado ao Senado, Galvan deixará PDT

antonio galvan 400 curtinha   Como já esperado, o presidente da Aprosoja, Antonio Galvan (foto), foi mesmo patrolado dentro do PDT estadual na tentativa de concorrer ao Senado na suplementar de abril. Com a decisão oficial do partido de lançar o vice-governador Otaviano Pivetta à disputa, Galvan agora pensa em sair da...

Contratos suspensos de 7 prefeituras

domingos neto 400 curtinha   O conselheiro do TCE-MT, Domingos Neto, determinou, até julgamento do mérito, a suspensão de pagamento por sete prefeituras à Oscip Tupã. Ele é relator de uma representação feita pelo Ministério Público de Contas contra as prefeituras de Vera,...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Na sua opinião, como está indo o Governo Bolsonaro...

excelente

bom

razoável

ruim

péssimo

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.