PARTIDO

Sábado, 17 de Agosto de 2019, 19h:21 | Atualizado: 18/08/2019, 09h:46

PARTIDO DE BOLSONARO

Com protesto de filiado, PSL recebe três prefeitos e milhares de membros assista

Assessoria

PSL1

Deputados Delegado Claudineu e Sílvio Fávero ouvem o discurso da senadora Selma Arruda durante o evento do PSL

O ato de filiação promovido pelo PSL do presidente da República Jair Bolsonaro em Mato Grosso contou com adesão de pelo menos 3 mil novos membros. O evento realizado no Hotel Fazenda Mato Grosso, na tarde deste sábado (17) teve a presença da cúpula do partido no Estado, e também foi marcada pela manifestação de um de seus membros.

O servidor da Empaer, Natan de Queiroz, foi ao ato levando uma melancia. A fruta era uma forma de protesto para chamar atenção para agricultura familiar. Em determinado momento, a Polícia Militar foi acionada para retirar o manifestante. Mas ele revidou. “É ditadura? Vão me tirar daqui. Sou filiado. Estou aqui há mais de 10 anos”, disse.

Natan fez o protesto no momento em que o vereador por Cuiabá Wilson Kero Kero, que é presidente municipal do partido, discursava. “Já pendurou a melancia no pescoço agora senta aí”, rebateu o vereador.

Apesar do pequeno contratempo, o presidente regional do PSL, o deputado federal Nelson Barbudo avalia que o evento foi uma oportunidade para agregar as pessoas que queriam se filiar ao partido do presidente Jair Bolsonaro.

 “Hoje nós concretizamos o sonho de muitas pessoas, inclusive nós calculamos que chegou a casa dos 3 mil filiados de todo o Estado. É muito satisfatório ver a casa cheia, um dia muito importante para o PSL de Mato Grosso. O resultado é muito positivo na minha opinião”, pontuou.

O deputado estadual Sílvio Fávero avaliou que o evento serve para que o PSL ganhe musculatura e se prepare para as eleições 2020. “Não foi só nas eleições que o povo apoiou Bolsonaro. O povo está aqui. O PSL precisa de novas lideranças, pessoas que defendem a família, deus e acima de tudo o combate à corrupção. A ideia é lançar candidatos nos 141 municípios. O PSL precisa de musculatura, precisamos ajudar o presidente. Isso é importante para nós”.

Entre os que que se filiaram ao PSL neste sábado estão os prefeitos Leocir Hanel (Nobres) e Antônio Domingos Rufatto (Paranaíta) que eram do PSDB. Outro que aderiu foi  Jonas Canarinho (Aripuanã) que já estava sem partido.

O pedetista Adriano Pivetta, cuja filiação também era esperada, acabou optando por não mudar de partido.  O irmão do vice-governador Otaviano Pivetta (PDT) exerce o quarto mandato de prefeito em Nova Mutum, eleito como candidato único em 2016. O que impediu sua  filiação foram divergências com o assentado da reforma agrária Gilberto Cattani, que é suplente de deputado estadual pelo PSL, que reside no mesmo município. Dirigentes partidários não conseguiram contornar a situação.

o PSL já contava com três prefeitos em Mato Grosso. Além de Rafael Machado (Campo Novo do Parecis), o partido de Bolsonaro agregava Valcir Casagrande (Sapezal) e Iraldo Ebertz (Tapurah).

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Luis | Segunda-Feira, 19 de Agosto de 2019, 11h01
    1
    0

    Será que o cara não sabia que no PSL só pode laranja. Melancia não!

  • Thales Marino | Segunda-Feira, 19 de Agosto de 2019, 08h00
    3
    1

    O PSL( vai ser o partido que terá, seu encolhimento, mais rápido da história. Só aguardar. Primeiro vai ser uma debandada geral para o PSDB, que aliás, já começou.

Matéria(s) relacionada(s):

Cotado à cadeira de desembargador

francisco faiad 400 curtinha   É forte o movimento nos bastidores entre os juristas, dentro e fora da OAB/MT, pela indicação do nome de Francisco Faiad (foto) pela classe Quinto Constitucional à cadeira de desembargador. Bem articulado e com bom conceito no meio jurídico, Faiad foi presidente da OAB/MT por dois...

Pivetta promete permanecer no PDT

allan kardec 400 curtinha   O empresário Otaviano Pivetta, que se tornou o mais badalado nesta fase de pré-campanha ao Senado por causa da grande logística em torno do seu nome, se encontra numa saia-justa. Para líderes do Podemos com os quais passou a ter afinidade política, como os senadores Álvaro Dias e...

Ao Senado, 2 partidos e apoio para EP

elizeu nascimento 400 curtinha   Elizeu Nascimento (foto), terceiro-sargento PM licenciado, não é nada bobo. Ex-vereador pela Capital e no mandato de deputado estadual, Elizeu hoje controla o DC-MT e ainda levou aliados de confiança para o PSL-MT, partido que ainda está ligado ao presidente Bolsonaro e que só de...

Digital de Selma no apoio para Pivetta

olga lustosa curtinha 400   Mesmo com laços antigos de amizade com Otaviano Pivetta, Olga Lustosa, que está se desligando do cargo de assessora do gabinete da senadora cassada Selma Arruda em Brasília, causou aquele climão dentro do Podemos quando apareceu no encontro do PDT, neste sábado. O ato marcou o...

Fritado ao Senado, Galvan deixará PDT

antonio galvan 400 curtinha   Como já esperado, o presidente da Aprosoja, Antonio Galvan (foto), foi mesmo patrolado dentro do PDT estadual na tentativa de concorrer ao Senado na suplementar de abril. Com a decisão oficial do partido de lançar o vice-governador Otaviano Pivetta à disputa, Galvan agora pensa em sair da...

Contratos suspensos de 7 prefeituras

domingos neto 400 curtinha   O conselheiro do TCE-MT, Domingos Neto, determinou, até julgamento do mérito, a suspensão de pagamento por sete prefeituras à Oscip Tupã. Ele é relator de uma representação feita pelo Ministério Público de Contas contra as prefeituras de Vera,...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Na sua opinião, como está indo o Governo Bolsonaro...

excelente

bom

razoável

ruim

péssimo

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.