PARTIDO

Sábado, 14 de Dezembro de 2019, 11h:50 | Atualizado: 14/12/2019, 19h:22

ELEIÇÕES 2020

Mauro fala em respeitar siglas aliadas, mas diz que o DEM não vai se esquivar

Durante a confraternização do DEM estadual, na noite desta sexta (13), o governador Mauro Mendes disse aquilo que seus correligionários esperavam há algum tempo, prometeu apoio e presença na campanha de 2020, e deixou recado claro aos adversários de que os democratas vão fazer “um bom debate". Esta foi a primeira vez que o governador Mauro Mendes fala das eleições municipais do próximo ano com entusiasmo. Até então, ele evitou falar em público do assunto de forma mais pontual. 

"Nas eleições 2020, vamos trabalhar e nos esforçar para ser sim, o maior partido de Mato Grosso. Com qualidade em seus candidatos e depois qualidade em seus prefeitos e vereadores”.

Vamos respeitar os correligionários de outras siglas que estão ao nosso lado, mas vamos fazer um bom debate

Mesmo com o DEM já ter adotado internamente o critério de boa relação com os partidos que compõem seu arco de aliança, principalmente o MDB, PDT e PSD, Mauro aposta que o DEM não vai se esquivar do enfrentamento.

"Vamos respeitar os correligionários de outras siglas que estão ao nosso lado, mas vamos fazer um bom debate. Onde nós tivermos bons candidatos, pode ter certeza, que esta executiva aqui, que tem homens de palavra, todos nós vamos dar apoio àqueles candidatos que tiver chance, que tiver viabilidade, e não só de enfrentar o processo eleitoral, mas acima de tudo de dar as respostas como prefeitos e vereadores em todos os 141 municípios de Mato Grosso”.

Sem entrar em detalhes sobre em quais cidades o DEM vai concorrer, Mauro também se absteve de falar em nomes. Em reunião anterior da executiva estadual do partido, a definição do governador foi de que haverá disputa pela prefeitura da Capital, em Várzea Grande e Cáceres. A intenção é lançar candidatos a prefeito em 40 municípios. 

Em Cuiabá, os nomes que se destacam como preferidos para ser candidato são Fábio Garcia, que é o diretor regional do partido, o secretário Gilberto Figueiredo, que espera a janela eleitoral para migrar do PSB para o DEM, e o secretário da Casa Civil, Mauro Carvalho. Em Várzea Grande o DEM ainda não definiu quem deve ser o candidato que disputará a prefeitura hoje comandada por Lucimar Campos. Em Cáceres, o professor Adriano tem sido o principal cotado para disputar as eleições.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Deputado bolsonarista critica prefeito

claudinei deputado curtinha 400   O deputado Claudinei Lopes (foto), morador em Rondonópolis, ficou na bronca com o discurso populista do prefeito Zé do Pátio, para quem o povo nordestino votou em massa no PT e que não tem conseguido construir mais casas populares porque, diferente dos governos petistas, o presidente...

Sem Senado e tudo pela Mesa da AL

max russi curtinha 400   Presidente regional do PSB-MT, o deputado Max Russi (foto) tem participado das discussões para definição de candidaturas ao Senado, na suplementar de abril, mas não mais como pré-candidato. Seu desafio é outro. A prioridade é a busca da reeleição como...

Lúdio desiste e PT perde com Barranco

ludio cabral 400 curtinha   O deputado Lúdio Cabral (foto) estava se movimentando para tentar convencer o PT a lançá-lo ao Senado, por aclamação, e ainda instigar o diretório estadual a buscar recursos junto à Nacional para a campanha. Mas o tiro saiu pela culatra. O guru do partido no Estado,...

Carta de Abicalil cita traição de Lúdio

carlos abicalil 400 curtinha   Carlos Abicalil (foto), ex-federal e hoje assessor do deputado Valdir Barranco, demonstra até hoje estar "atravessado" com Lúdio Cabral por causa da traição política de 2010. Na época, mesmo o PT o tendo lançado ao Senado, Lúdio, ex-vereador por Cuiabá e...

Júlio apoiou Bolsonaro pra varrer o PT

julio campos 400 curtinha   Júlio Campos (foto), pré-candidato a senador pelo DEM, diz que em 2018 não só votou em Bolsonaro, como participou de carreata e vestiu camisa com as cores verde e amarela em apoio à candidatura do capitão. Lembra que estava convicto naquele momento de que era preciso varrer o PT...

Já com apoio de mais de 50 prefeitos

otaviano pivetta 400 curtinha   Otaviano Pivetta (foto) não para nas articulações políticas. E, se apoio elevado de prefeitos vier a ser decisivo, ele será eleito senador na suplementar de 26 de abril. Dos 141 gestores municipais do Estado, mais de 50 já anunciaram que estarão no palanque do...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Na sua opinião, como está indo o Governo Bolsonaro...

excelente

bom

razoável

ruim

péssimo

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.