PARTIDO

Segunda-Feira, 17 de Fevereiro de 2020, 09h:40 | Atualizado: 17/02/2020, 10h:43

ALIANÇA PELO BRASIL

Fávero pede que bolsonaristas não usem partidos de MT como "barriga de aluguel"

JLSiqueira

Silvio F�vero

O deputado estadual Silvio Fávero durante discurso na tribuna da AL; deputado nega que esteja fazendo campanha para esvaziar o PSL em MT

O ativista Rafael Yonekubo, líder do movimento Direita MT e um dos coordenadores do Aliança pelo Brasil no Estado, acredita na meta de coletar 2 mil assinaturas para contribuir com a legalização do partido fundado pelo presidente da República Jair Bolsonaro. Entretanto, o número será contabilizado somente após o encerramento da coleta, no final de fevereiro.

Em âmbito nacional, a meta é coletar 491.967 assinaturas para registrar o Aliança pelo Brasil no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). A militância corre contra o tempo para tentar viabilizar a participação do novo partido nas eleições de outubro.

Reprodução

Comunicado Silvio Favero

Comunicado divulgado pelo deputado Silvio Fávero, em que nega estar fazendo campanha para filiação ao Aliança

Já o deputado estadual Sílvio Fávero (PSL), que chegou a ser anunciado como presidente da silga em Mato Grosso, esclarece que está focado no mandato parlamentar e não encabeça coleta de assinaturas nem atua para viabilizar a migração dos correligionários já que considera a adesão ao Aliança pelo Brasil um "decisão individual" de cada militante. Pede ainda que a militância bolsonarista seja sincera quanto a intenção de mudar da partido para não usar o PSL ou outra sigla como “barriga de aluguel”.

“Caso o Aliança não esteja apto para as eleições 2020, se tiver que se filiar a outra sigla, sejam francos e declarem a intenção de apoiar o presidente Bolsonaro e que pretendem, posteriormente, migrar para o Aliança, pós-eleições”, diz comunicado divulgado por Fávero neste final de semana.

“A coleta de assinaturas está sendo feita em todos os municípios do Estado, mas ainda não contabilizados. Isso será feito no final de fevereiro. As pessoas que acreditam no presidente Bolsonaro estão aderindo. Por temos certeza que a meta foi batida. Estamos recebendo adesões no Cartório do 6º Ofício, em Cuiabá”, explicou Rafael Yonekubo.

O Aliança pelo Brasil foi lançado pelo próprio Bolsonaro em novembro do ano passado, após ruptura com o PSL, para ser um partido conversador e de direita. O número será 38 em alusão ao calibre da arma de fogo.

Em Mato Grosso, o partido deve receber o deputado federal Nelson Barbudo e os deputados estaduais  Fávero e Delegado Claudinei. Os parlamentares aguardam a legalização do partido para desembarcarem do PSL. Prefeitos e vereadores também devem aderir.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

O pulo de Elias do PSDB para o DEM

elias santos 400 curtinha   Elias Santos (foto), irmão do deputado Wilson, agiu como estrategista na construção de sua pré-candidatura a vereador por Cuiabá. Concluiu que teria mais dificuldades de obter êxito nas urnas no PSDB porque os dois vereadores tucanos que vão à...

DEM e voz na Câmara após 16 anos

marcelo bussiki 400 curtinha   O DEM (antigo PFL) passa a ter voz na Câmara da Capital 16 anos depois. Aproveitando a janela de março em que a Justiça Eleitoral permite mudança de legenda sem risco de perda do mandato, dois vereadores migraram para o Democratas, sendo eles Marcelo Bussiki (foto) e Gilberto Figueiredo, que...

MDB agora com 2 na Câmara-Cuiabá

juca do guaran� curtinha 400   O MDB do prefeito Emanuel Pinheiro, que não elegeu vereador em 2016 em Cuiabá, agora ganha duas vozes na Câmara. Tratam-se de Juca do Guaraná (foto), militante histórico do nanico Avante que resolveu migrar para a legenda emedebista, e do recém-empossado...

PT segue sem voz na Câmara-Cuiabá

bob pt 400 curtinha   O PT, presidido em Cuiabá por  Elisvaldo Almeida, o Bob (foto), está mesmo "queimado" e sem prestígio. Em meio ao troca-troca de partido entre os vereadores cuiabanos, aproveitando a janela de março, cujo prazo para mudanças para quem deseja se candidatar em outubro encerrou-se neste...

Deputado, única causa e os interesses

xuxu 400 curtinha   Xuxu Dal Molin (foto), deputado pouco atuante e limitado a defender a bandeira do agronegócio, é mais um daqueles que demonstram, na prática, usar a política para beneficiar os seus. De familiares de agricultores, Xuxu bateu duro, se posicionando contra a proposta encaminhada pelo governador Mauro...

Vereadores de ROO e trocas de siglas

fabio cardozo 400 curtinha   Em Rondonópolis, praticamente a metade dos vereadores está aproveitando a janela, que se encerra neste sábado, para mudar de partido, e já com as atenções voltadas à reeleição. E, com a dança das cadeiras, o Solidariedade do prefeito Zé do...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você concorda com a decisão de prefeitos, que começam a decretar estado de emergência, fechando comércio, serviços públicos e o transporte coletivo?

sim

não

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.