PARTIDO

Segunda-Feira, 09 de Dezembro de 2019, 15h:30 | Atualizado: 09/12/2019, 15h:59

rastros tucanos

Saad espera recursos do PSDB Nacional para pagar dívidas de Wilson em 2016

Rodinei Crescêncio

Ricardo Saad

O vereador Ricardo Saad em entrevista à imprensa; tucano demonstra preocupação com situação financeira da sigla

O diretório municipal do PSDB na Capital espera receber recursos do Diretório Nacional do partido para pagar dívidas da campanha relacionadas às eleições 2016, na qual o deputado Wilson Santos foi candidato a prefeito. O valor inclui os R$ 2,2 milhões que foram executados contra o partido e retirados da responsabilidade do parlamentar em decisão deferida pelo juiz Yale Sabo Mendes, da 7ª Vara Cívil de Cuiabá. A dívida é cobrada pela Monkey Filmes.

A execução da dívida se deu mediante um contrato assinado pela conta de campanha de Wilson e pelo diretório municipal do PSDB da Capital. O magistrado considerou que como já foi extinta a personalidade jurídica da campanha do então candidato à prefeito, não caberia execução sobre seus bens privados. Entre os imóveis empenhorados para quitar as dívidas do deputado está uma chácara em Chapada dos Guimarães.

O vereador Ricardo Saad, presidente do diretório municipal da sigla, afirma que houve um acordo entre Wilson e o diretório nacional do PSDB para ser realizado o pagamento da dívida. Saad explicou ao , que o partido já soma cerca de R$ 4 milhões em dívida da campanha de 2016, sem contar os R$ 2,2 milhões que estavam sendo cobrados de Wilson.

Ao , Saad confessou que a sigla segue sem perspectivas concretas para 2020. “Como querer uma candidatura própria sem viabilidade financeira. Assumi o diretório municipal, mas não vou deixar rastros para trás. Não vou fazer dívidas. Se existir um pretenso candidato para concorrer as eleições, que tenha condições financeiras para isso”.

Na noite de hoje, o PSDB realizará uma reunião para tomar decisões em torno das eleições do próximo ano. “Vou pedir aos dois deputados (Wilson Santos e Carlos Avallone) para apresentarem em 15 dias pelo menos cinco nomes, cada um, para concorrer às eleições em 2020. Porque com essa debandada de gente do PSDB, só restou eu como pretenso candidato à reeleição pelo partido na Capital”, desabafa.

Até duas semanas atrás, Saad ainda era entusiasta de uma candidatura própria encabeçada pelo empresário Carlos Nigro, que é ex-secretário-adjunto de Turismo da Gestão Taques. Apesar de apoiar a ideia, o vereador prefere manter o “pé no chão”. “Não temos como bancar uma campanha. Mas agora é momento de diálogo e eu não tenho dificuldade nenhuma nisso, mas não dá para estimular ninguém a andar nos bairros a buscar viabilidade, sem recursos”.

Saad disse que até hoje não recebeu nenhum real dos diretórios nacional e estadual do PSDB. O vereador justificou que parte da indisponibilidade financeira se deu porque a conta do diretório municipal estava bloqueada por uma questão burocrática. A expectativa é que após receber os valores do PSDB Nacional para quitar as contas de 2016, o partido consiga vislumbrar viabilidade financeira para disputar as eleições municipais, pelo menos com uma forte chapa para vereador.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Matéria(s) relacionada(s):

Acerto pra Pivetta se filiar ao Podemos

alvaro dias curtinha   Mais uma demonstração de que o senador Álvaro Dias (foto), líder do Podemos no Congresso, está ignorando a pré-candidatura ao Senado do seu próprio colega de partido, deputado José Medeiros. Álvaro já acertou com Pivetta apoio na disputa à...

Critério para definir candidatura em VG

fabio tardin 400 curtinha   O presidente da Câmara de Várzea Grande e filiado ao DEM, Fabinho Tardin (foto), sonha com a cadeira de prefeito, mas não tem apoio dos Campos para concorrer à sucessão municipal. Como Lucimar Campos não pode buscar o terceiro mandato seguidamente, o grupo liderado pelo senador...

Prefeito de Lacerda, projeto e derrota

alcino curtinha 400 pontes e lacerda   O prefeito de Pontes e Lacerda, Alcino Pereira Barcelos (foto), resolveu dar de ombro para a Câmara Municipal sobre um projeto de grande alcance social e perdeu feio na queda-de-braço. Contrariando a vontade do prefeito, os vereadores aprovaram a proposta, apresentada pelos colegas Pedro Vieira e...

MPE antes e depois de Maluf no TCE

jose antonio borges 400 curtinha   Antes, membros do MPE fizeram esforço para impedir a nomeação de Guilherme Maluf como conselheiro do TCE, sob argumento de que não detinha notório saber jurídico, contábil, econômico e financeiro e ainda carrega vários processos judiciais nos ombros....

Fatura por média e multa à Energisa

thiago 400 ager curtinha   Após fiscalização no 2º semestre do ano passado, a Ager-MT multou em R$ 14,4 milhões a Energisa. Descobriu-se irregularidades na área comercial da concessionária de energia. Thiago Bernardes (foto), coordenador Regulador de Energia da Agência, explica que, no trabalho...

PS-VG e revolta por falta de médicos

marcondes curtinha 400   Principal calcanhar de Aquiles do 2º maior município do Estado, que registra hoje cerca de 200 mil habitantes, o Pronto Socorro de Várzea Grande não está recebendo pacientes ortopédicos e nem ginecológicos em sua porta de entrada. É que a unidade não tem...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Sobre a senadora Selma Arruda, que teve mandato cassado por caixa 2 e abuso de poder econômico, você acha que ela foi...

ingênua

corrupta

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.