PARTIDO

Terça-Feira, 17 de Setembro de 2019, 14h:48 | Atualizado: 17/09/2019, 21h:18

ATO EM BRASÍLIA

Selma assina filiação no Pode em almoço com lideranças nacionais da legenda

Marcos Oliveira

Selma Arruda

A senadora cassada Selma Arruda no plenário do Senado, durante sessão; ela se prepara para trocar de partido

A filiação da senadora Selma Arruda ao Podemos está marcada para a próxima quarta (18), em Brasília (DF). A assinatura da ficha de filiação será realizada durante almoço com as principais lideranças do partido e em seguida, às 14 horas, o anúncio oficial será feito em uma coletiva de imprensa no Salão Azul do Senado.

A senadora do Mato Grosso está se desligando do PSL por divergências políticas. Apesar de estar deixando o partido do presidente da República Bolsonaro, a senadora deverá se manter na base de sustentação do governo sempre que avaliar ser o melhor para o país.

“Mantenho meus princípios de magistrada e de pessoa que preza pelo combate à corrupção. O fato de ingressar no Podemos não me tira desse enredo, ao contrário, ele me traz apenas para um ambiente onde eu possa ser mais acolhida, onde eu me sinta mais independente para construir um Brasil melhor para todos”.

A senadora cassada declara estar muito feliz e honrada pelo convite do Podemos, além de estar otimista. Aos integrantes do PSL, agradece pelo apoio recebido enquanto esteve na legenda. “Reitero meu compromisso com o povo mato-grossense e com o Brasil, em consonância com a luta contra a corrupção e com o comportamento ético no trato da coisa pública”. A apresentação da parlamentar aos membros do partido em Mato Grosso ainda aguarda agenda dos senadores da sigla.

O ingresso no Podemos acontece em momento conturbado da vida política da senadora. Cassada por unanimidade no Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MT) por caixa 2 e abuso do por econômico na campanha de 2018, Selma aguarda julgamento de recurso no Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Na semana passada, ocorreu o episódio que azedou de vez o relacionamento da senadora com PSL. Em entrevista à Folha de S. Paulo, Selma relatou que o senador Flávio Bolsonaro (PSL-SP), filho do presidente da República, a pressionou aos gritou para que retirasse a assinatura da CPI da Lava Toga, que tem como objetivo investigar atos do Supremo Tribunal Federal (STF) e dos tribunais superiores, o que ele nega.  (Com Assessoria)

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • regis | Terça-Feira, 17 de Setembro de 2019, 15h38
    1
    0

    isso ai levando a BRASA da vida por onde passa!!! sucesso!!

Matéria(s) relacionada(s):

Posse 2 dias antes do possível retorno

maluf 400 curtinha   Guilherme Maluf (foto), que nem esquentou direito a cadeira de conselheiro, vai tomar posse na presidência do TCE-MT dois dias antes do STJ julgar um recurso que tende a suspender as medidas cautelares e definir pelo retorno ao Pleno dos cinco conselheiros afastados há dois anos. A solenidade acontece no...

Alerta sobre hanseníase nos presídios

alexandre bustamante curtinha 400   Duas secretarias do TCE ingressaram com representação contra duas secretarias de Estado. As de Controle Externo de Educação e Segurança Pública e de Saúde e Meio Ambiente acionaram no próprio Tribunal as pastas de Segurança Pública,...

Reunião pra complô desmoraliza Abílio

abilio 400 curtinha   A considerar as imagens de circuito interno de vídeo do hospital privado São Benedito, exibidas nesta quinta, durante sessão na Câmara de Cuiabá, a situação de Abílio Brunini (foto) se complica mais ainda. Investigado pela Comissão de Ética por reincidentes...

Contra mudar multas do Fundecontas

mauro mendes 400 curtinha   O governador Mauro (foto) vetou a inclusão de um dispositivo no artigo 2º da lei de 2005 que criou o Fundo de Reaparelhamento e Modernização do TCE. Essa alteração foi aprovada pela Assembleia na sessão de 29 de outubro e, na prática, iria retirar e dar outro...

Ex-deputado quer comandar Chapada

roberto nunes 400   O ex-deputado Roberto Nunes (foto), que recebe dois vencimentos da Assembleia, um como aposentado e outro como beneficiário do extinto FAP, somando mais de R$ 30 mil mensais, está se articulando para encarar mesmo a disputa pela Prefeitura de Chapada dos Guimarães. Transferiu para lá o...

Contra regular as redes a magistrados

thiago amam 400 curtinha   O presidente da Associação Mato-Grossense de Magistrados, juiz Tiago Abreu (foto), vê com preocupação a proposta de resolução do CNJ que estabelece parâmetros quanto à utilização das redes sociais por magistrados. Enfatiza que a Amam...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Como você avalia a decisão do Supremo de suspender prisão imediata após julgamento em segunda instância?

Concordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.