Polícia

Sexta-Feira, 15 de Janeiro de 2021, 07h:58 | Atualizado: 15/01/2021, 08h:36

Confusão durante abordagem da Polícia Militar termina com advogado preso - veja

Uma confusão envolvendo policiais militares e o advogado Samuel de Oliveira Varanda foi registrada na noite desta quinta (14) no bairro CPA II, em Cuiabá, e terminou com a prisão do advogado.

Ele relata que recebeu uma ligação de seu cliente, identificado como José Benedito O. Júnior, dizendo que os militares estavam atrás dele e queria saber se havia mandado de prisão em aberto contra ele. Ressaltou que, há pouco tempo atrás, militares teriam rompido a tornozeleira dele e, para confirmar essa versão, o caso foi denunciado à Corregedoria da Polícia Militar.

Foto ilustrativa

homem algemado

Alegando que Samuel estava escondendo o suspeito, os policiais “o xingaram” e o algemaram, mesmo ele informando que não sabia de fuga do cliente e que era advogado. O caso será também denunciado à Corregedoria da PM.

Conforme a denúncia, José Benedito, o "Caipira", ligou para o advogado, dizendo que tinha policiais o procurando e queria saber se tinha mandado de prisão contra ele. Como no passado policiais teriam desligado a tornozeleira dele, para apontar que o mesmo a teria desligado, pediu que o advogado checasse se de fato tinha gerado algum mandado. Contudo, devido à situação da pandemia da Covid-19, o advogado não está atendendo no escritório e pediu, então, que o cliente fosse até a casa da mãe dele, no bairro CPA II.

Minutos depois, ele ainda não tinha conseguido checar os processos do cliente, que está no escritório dele há apenas três meses, quando várias viaturas e motos da PM chegaram à rua, e ficaram em frente à casa de vizinhos.

O advogado saiu na rua e um PM perguntou se “se tinha alguém pulando o muro de sua casa, pois estavam atrás de vagabundo que estaria pulando muros nas imediações”. A mesma coisa foi perguntada à vizinha da mãe do advogado.

Diante da situação, Samuel começou a desconfiar que estariam atrás do cliente dele e foi perguntar a José Benedito o que ele tinha feito. Porém ele respondeu que não tinha feito nada. Logo em seguida, os policiais chamaram o advogado na frente da casa da mãe dele e disseram que sabiam que o suspeito estava dentro da casa.

O advogado então disse que quem estava dentro casa era um cliente dele e, para acioná-lo, seria necessário a PM declinar o nome dele e dizer o que ele tinha feito. Então os policiais se aproximaram do portão e o advogado o abriu, pois percebeu que, de uma maneira ou de outra, entrariam na casa.

Os policiais militares o questionaram sobre o motivo dele estar escondendo o homem. O advogado, por sua vez, afirmou que não estava escondendo ninguém, mas que estava atendendo um cliente. Neste momento o José Benedito saiu de dentro da casa e em seguida foi preso.

Com isso os policiais jogaram o advogado na parede e, mesmo ele informando ser advogado, foi xingado, algemado e levado a Central de Flagrantes. Acompanhado dos advogados Carlos Henrique Nascimento Areco, Teldo Henrique Palma Fernandes da Silva e Jorge Henrique Franco Godoy, Samuel foi ouvido pela Polícia Civil e liberado.

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • Zeca | Sexta-Feira, 15 de Janeiro de 2021, 10h58
    3
    5

    Esse advogado foi preso por desacato à autoridade e ocultamento de criminoso. Está certinha a polícia, fez sua parte. Aliás, tem muito advogado que por que tem uma carteira da OAB se acha inimputável, ilibado, intocável. Se estiver errado perante a lei e os direitos de outrem, é uma pessoa comum, nada mais.

  • Cidadão de bem | Sexta-Feira, 15 de Janeiro de 2021, 10h53
    5
    1

    Pronto! Pra que tanta algazarra. É só ir na presença, na mesa do delegado, ser ouvido e ir embora. Não era mais fácil ir na boa, sem escândalo?? Se um policial me falar que eu estou "preso", que terei que ser conduzido até a delegacia, eu vou, na boa. Se eu não devo nada, resolvemos la

  • jose da silva | Sexta-Feira, 15 de Janeiro de 2021, 10h11
    4
    3

    o advogado de defensor virou cumplice pelo que entendi estava escondendo da policia isto esta claro agora vem essa entidade defender o advogado que sempre quer ter razao sao todos santos ,lugar de atender cliente e no escritorio agora atender caso criminal na casa da mae porque nao o chamou pra ir na casa dele,kkkkai ai ai ainda tem gente que acredita em papai noel e coelhinho da pascoa

  • Altair | Sexta-Feira, 15 de Janeiro de 2021, 08h29
    7
    2

    QUE ESTÓRIA CUMPRIDA!!!! PRA QUE TUDO ISSO?????

Deputado defende cultos com até 600

sebastiao rezende 400   Num momento em que a segunda onda de contaminação pelo novo coronavírus avança em MT, levando o governo a retomar medidas restritivas para evitar colapso, já que cerca de 90% das UTIs estão lotadas, o deputado Sebastião Rezende (foto), da Igreja Assembleia de Deus, teve a...

"Batida" em apresentador por engano

ricardo martins 400   Durante a dupla operação deflagrada pela PF nesta terça em alguns municípios de MT, entre eles Cuiabá, agentes federais, por um equívoco no cumprimento de mandados, acabou batendo na porta do apresentador da TV Cidade Verde, Ricardo Martins (foto), que não tem a ver com o caso....

Paccola é cotado para diretor-geral

gianmarco paccola 400   O discreto e atuante delegado Gianmarco Paccola (foto), hoje diretor-geral-adjunto da Civil, já desponta nos bastidores como nome preferencial do Palácio Paiaguás para eventual substituição a Mário Demerval, que deve mesmo deixar o posto de diretor-geral para disputar as...

Luta pra isentar parte dos aposentados

eduardo botelho 400 curtinha   Primeiro-secretário da Assembleia, Eduardo Botelho (foto) disse que foi criada espécie de força-tarefa dos deputados para fechar um acordo com o governo, de modo a ajudar aposentados e pensionistas e portadores de doenças raras para isenção do pagamento da alíquota da...

Investimentos em segurança pública

alexandre bustamante 400   Alexandre Bustamante (foto), secretário estadual de Segurança Pública, é enfático ao afirmar que o Estado tem investido em equipamentos e infraestrutura para combater a criminalidade. Segundo ele, a maior prova disso são os projetos que integram o programa MT Mais. Ao todo, devem...

Folha antecipada em Várzea Grande

kalil baracat 400 curtinha   Com o privilégio de ter assumido a prefeitura em janeiro com superávit de R$ 74 milhões da antecessora Lucimar Campos, o prefeito várzea-grandense Kalil Baracat (foto) quitou a folha de fevereiro na última quinta (25), três dias antes da virada do mês. São cerca de...

MAIS LIDAS