Polícia

Segunda-Feira, 20 de Janeiro de 2020, 16h:54 | Atualizado: 20/01/2020, 17h:01

preso na capital

Suspeito de envolvimento em assalto na casa de deputada é transferido do Acre

Ronaldo Mazza/Reprodução

Janaina Riva bandidos

No detalhe, imagem do momento em que dois bandidos abrem portão da casa de Janaina

Um dos suspeitos de envolvimento no assalto à casa da deputada Janaína Riva (MDB), que estava preso temporariamente em Rio Branco (AC), foi transferido para Cuiabá e permanece à disposição da Justiça. O homem, que é morador da Capital, foi detido em 8 de janeiro em Epitaciolândia, no Acre, quando retornava da Bolívia.  

A prisão foi efetuada com apoio da Polícia Civil do Acre, que colaborou para o cumprimento do mandado relativo à Operação Judas Iscariotes, conduzida pela Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Cuiabá. Na véspera de Natal, dois homens invadiram a casa de Janaína durante a madrugada. A deputada e o marido, Diógenes Fagundes, foram mantidos como reféns.

Os suspeitos levaram dinheiro, celulares e outros objetos de valor da residência. No mesmo dia do crime, quatro suspeitos já haviam sido presos e R$ 42 mil roubados da casa recuperados. Os homens não estavam encapuzados, mas portavam armas de fogo. Imagens das câmeras de segurança mostraram que a dupla não teve dificuldade para entrar na casa, já que estavam com controle do portão eletrônico. 

Um dos suspeitos foi identificado como Weslei Tiago de Arruda. Como usava uma tornozeleira eletrônica, o aparelho emitiu sinal de rompimento próximo ao Trevo do Lagarto, em Várzea Grande, na região metropolitana de Cuiabá. 

O suspeito foi reconhecido por foto pelas vítimas como um dos autores do roubo. Um aparelho celular roubado da casa também foi localizado em um terreno baldio no bairro Pascoal Ramos, em Cuiabá. De acordo com a Polícia Militar, imagens encontradas nos celulares que estavam em posse de Leidiane Santana de Arruda, de 27 anos, e Mirian Maíra da Silva, de 20, mostravam as jovens ostentando o dinheiro roubado

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Vereadores de ROO e trocas de siglas

fabio cardozo 400 curtinha   Em Rondonópolis, praticamente a metade dos vereadores está aproveitando a janela, que se encerra neste sábado, para mudar de partido, e já com as atenções voltadas à reeleição. E, com a dança das cadeiras, o Solidariedade do prefeito Zé do...

Podemos absorve a turma do barulho

O Podemos conseguiu juntar no seu diretório em Cuiabá a turma do barulho. Dela fazem parte dois com mandatos cassados, Abílio Júnior, que perdeu a cadeira de vereador por quebra de decoro, e a senadora Selma Arruda, cassada por caixa 2 e abuso de poder econômico, mas que ainda continua no cargo. Selma impôs condições para seguir no partido. Chegou a negociar ida para o PSC. E ganhou a presidência municipal do Pode, forçando o...

Secretário, furtos e a incompetência

rodrigo metello 400 curtinha   O secretário de Transporte e Trânsito de Rondonópolis, Rodrigo Metello (foto), filiado ao MDB e pré-candidato a vereador, corre risco de ser acionado na Justiça por centenas de pessoas que tiveram motocicletas apreendidas e que depois acabaram furtadas do Pátio Rondon. O local...

Vereador na base e críticas a Leonardo

leonardo 400 curtinha   Chico 2000, vereador pela Capital, assegura que não procede a informação de que o seu Partido Liberal irá romper com o prefeito Emanuel, não o apoiando à reeleição. Segundo ele, foi Leonardo Oliveira (foto), que participou na quarta de uma reunião do...

Embates sobre a cadeira da discórdia

selma arruda curtinha 400   A cadeira da senadora Selma Arruda (foto), que está cassada há um ano mas, mesmo assim, continua no cargo, vem dividindo opinião de vários líderes políticos, uns torcendo logo para a Mesa do Senado decretar a vacância para Carlos Fávaro assumir a vaga, outros...

PL avisa Chico que não apoiará EP

chico 2000 curtinha   O vereador Chico 2000 (foto), único do PL na Câmara de Cuiabá e governista de carteirinha, se mostrou  desconfortável politicamente quando foi informado nesta quinta que a legenda liberal não vai apoiar a reeleição do prefeito Emanuel, do MDB. O partido é comandado no...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você concorda com a decisão de prefeitos, que começam a decretar estado de emergência, fechando comércio, serviços públicos e o transporte coletivo?

sim

não

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.