Polícia

Segunda-Feira, 06 de Abril de 2020, 20h:17 | Atualizado: 06/04/2020, 20h:41

Deputado acusa PMs de invasão à fazenda e de até obrigar assentados a ficarem nus

Fablicio Rodrigues

Valdir Barranco

“Sem mandando judicial, constrangendo e obrigando os trabalhadores rurais a se despirem publicamente”. A denúncia contra a Polícia Militar foi feita pelo deputado estadual, Valdir Barranco (PT), durante sessão extraordinária na Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT), na manhã desta segunda (6). A atuação de policiais, segundo o parlamentar, ocorreu na Fazenda Araúna, em Novo Mundo (a 791 Km da Capital).

Segundo o legislador, documentos com fotos foram encaminhados na última terça (31), denunciando a ele Policiais Militares que estiveram na área ameaçando os trabalhadores, supostamente a mando de um "grileiro" que se identifica como dono da terra.

A denúncia feita ao petista, indicou que os homens que se identificaram como PMs chegaram à região fazendo buscas nos barracões e revistando os ocupantes sem nenhum mandado judicial. Eles estavam em uma caminhonete SW4, que seria do mandante.

Ainda conforme o deputado, muitos dos assentados que eram revistados, tiveram que retirar as roupas em público, uma mulher inclusive chegou a ficar nua.

Diante do abuso, Barroso pediu publicamente resposta da Segurança Pública para esclarecer os fatos, uma vez que a fazenda pertence à União, por decisão da Justiça Federal.

"Apresentei aqui na AL, uma série de requerimentos para que os órgãos competentes tomem providências e investiguem o que aconteceu na Fazenda Araúna",disse o deputado.

Em nota, a Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp), e a Polícia Militar (PM), disseram que ainda não foram notificada sobre o caso, mas que irão mutuamente acompanhar e compartilhar os trâmites que deverão ser investigados pela Corregedoria da Polícia Militar, para que sejam aplicadas as medidas cabíveis.

Confira as notas:

Sesp alega que não recebeu requerimento:

 Em relação à denúncia do deputado estadual Valdir Barranco, sobre uma possível ação truculenta de policiais militares em um acampamento de sem-terras no município de Novo Mundo, a Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT) informa que ainda não recebeu o requerimento do parlamentar.

No entanto, tomou ciência do ocorrido e aguardará um posicionamento da Corregedoria da Polícia Militar que vai apurar a conduta dos policiais. Cabe destacar que a secretaria tomará todas as providências cabíveis que o caso requer.

Polícia Militar vai apurar conduta:

A Corregedoria da Polícia Militar informa que até o momento não recebeu nenhuma denúncia sobre o caso em questão, mas tão logo seja oficializada tomará providenciais no sentido de apurar e adotar as medidas legais.

Corregedoria da Polícia Militar que vai apurar a conduta dos policiais. Cabe destacar que a secretaria tomará todas as providências cabíveis que o caso requer.

 

 

 

 

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Paulo Silva | Segunda-Feira, 06 de Abril de 2020, 20h59
    0
    0

    Mais um caso sem solução, infelizmente o defensor dos posseiro o deputado Valdir Barranco vem trabalhando pra desarticular estas quadrilhas de detentores de terra em todo estado, até o momento em Comodoro os mandantes do assassinato de um produtor rural não foram presos e os supostos mandantes sao do grupo Itaipava isso vai cair no esquecimento lamentável.

Prefeito e sobrepreço em álcool gel

gustavo melo 400 curtinha   O prefeito de Alto Araguaia, Gustavo de Melo (foto), e sua secretária de Saúde, Manoela Nunes, têm cinco dias para apresentar defesa prévia ao TCE sobre uma denúncia de superfaturamento na compra de materiais de higienização destinados à prevenção do...

Procon decide fazer audiências virtuais

rosamaria 400 curtinha   Por causa da pandemia, que levou à suspensão dos serviços presenciais, a secretária estadual Rosamaria Ferreira (foto), de Assistência Social e Cidadania, e o adjunto de Proteção e Defesa dos Direitos do Consumidor, Edmundo da Silva Taques, decidiram que agora o Procon-MT...

Empolgado e já morando em VG

emanuelzinho 400   O deputado federal Emanuelzinho (foto), do PTB, está tão empolgado com a possibilidade de concorrer a prefeito de Várzea Grande que não só transferiu o domicílio eleitoral de Cuiabá para o município vizinho, ainda no ano passado, como também alugou um apartamento...

Prorrogação de mandatos até 2022

Muitos prefeitos e vereadores já trabalham com a hipótese de ganharem mais dois anos de mandato, "esticando" o atual para 2022. O Senado está prestes a aprovar uma PEC para tornar coincidentes os mandatos eletivos. Nesse caso, mandato dos prefeitos, vice e dos vereadores, eleitos em 2016, teria duração de seis anos. E, a partir das urnas de 2022, as eleições passariam a ser gerais para presidente, governadores, prefeitos, senadores, deputados e...

"Cenário apocalíptico" e respiradores

z� do patio 400 curtinha   Um mês depois do escândalo sobre a compra e pagamento de quase R$ 4 milhões por 22 respiradores falsificados, o prefeito Zé do Pátio (foto), de Rondonópolis, tomou duas decisões, mas nenhuma delas no sentido de investigar eventuais falhas de servidor da...

Binotti, a popularidade e a oposição

luiz binotti 400 curtinha   O grupo político do hoje vice-governador Otaviano Pivetta, que comandou Lucas do Rio Verde por mais de duas décadas, terá dificuldades para reconquistar o comando local no pleito deste ano. O pré-candidato Marino Franz, que foi vice de Pivetta e depois prefeito, será o...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você conhece alguém próximo que foi infectado pelo coronavírus?

sim

não

em dúvida

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.