Polícia

Segunda-Feira, 10 de Fevereiro de 2020, 10h:20 | Atualizado: 10/02/2020, 11h:35

RONDONÓPOLIS

Enteada esfaqueada morre; mãe resiste

Michelle Quintana de Mello

Michelle Quintana de Mello não resiste às facadas e morre

Padrasto, de 38 anos, que não teve a identidade divulgada, esfaqueou a enteada Michelle Quintana de Mello, 27, e a esposa dele, Marilene Gonçalves Quintana, 50, na noite de sábado (8), no bairro Vila Boa Esperança, em Rondonópolis (a 218 km de Cuiabá). Michelle não resistiu aos ferimentos e morreu após dar entrada no Hospital Regional da cidade.

De acordo com informações da Polícia Militar, foi acionada para atender uma tentativa de duplo homicídio. Ao chegar ao local, os policiais encontraram as vítimas cheias de perfurações pelo corpo.

O Samu prestou os primeiros socorros e encaminhou as vítimas para a unidade de saúde, onde Michelle morreu. Mãe e filha apresentavam ferimentos na região do abdômen e nas mãos.

Após cometer o crime, o padrasto fugiu, entretanto a PM realizou rondas pela região e conseguiu prendê-lo em flagrante. A motivação do crime não foi informada.

O estado de saúde de Marilene não foi divulgado. Ela segue internada.

A Polícia Civil investiga o caso.

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • jose | Terça-Feira, 11 de Fevereiro de 2020, 11h07
    1
    1

    não sou defensor de bolsonaro mas essa lei infeliz não tem nada haver com o governo bolsonoro

  • alberto silva | Segunda-Feira, 10 de Fevereiro de 2020, 11h06
    13
    0

    João de Rondonopolis,vc está equivocado,essa lei foi aprovado pelos ilustres deputados federal,que acharam uma brecha na lei para preservar o nome deles em caso de uma eventual prisão,mas o tiro saiu pela culatra porque abriu precedente,e como diz a constituição federal,todos somos iguais perante a lei,então isso se aplica a todos os criminosos.

  • joaoderondonopolis | Segunda-Feira, 10 de Fevereiro de 2020, 10h39
    5
    14

    Que coisa não pode falar o nome do criminoso e mostrar a foto dele. Parabéns bolsonaro.

Vereadores de ROO e trocas de siglas

fabio cardozo 400 curtinha   Em Rondonópolis, praticamente a metade dos vereadores está aproveitando a janela, que se encerra neste sábado, para mudar de partido, e já com as atenções voltadas à reeleição. E, com a dança das cadeiras, o Solidariedade do prefeito Zé do...

Podemos absorve a turma do barulho

O Podemos conseguiu juntar no seu diretório em Cuiabá a turma do barulho. Dela fazem parte dois com mandatos cassados, Abílio Júnior, que perdeu a cadeira de vereador por quebra de decoro, e a senadora Selma Arruda, cassada por caixa 2 e abuso de poder econômico, mas que ainda continua no cargo. Selma impôs condições para seguir no partido. Chegou a negociar ida para o PSC. E ganhou a presidência municipal do Pode, forçando o...

Secretário, furtos e a incompetência

rodrigo metello 400 curtinha   O secretário de Transporte e Trânsito de Rondonópolis, Rodrigo Metello (foto), filiado ao MDB e pré-candidato a vereador, corre risco de ser acionado na Justiça por centenas de pessoas que tiveram motocicletas apreendidas e que depois acabaram furtadas do Pátio Rondon. O local...

Vereador na base e críticas a Leonardo

leonardo 400 curtinha   Chico 2000, vereador pela Capital, assegura que não procede a informação de que o seu Partido Liberal irá romper com o prefeito Emanuel, não o apoiando à reeleição. Segundo ele, foi Leonardo Oliveira (foto), que participou na quarta de uma reunião do...

Embates sobre a cadeira da discórdia

selma arruda curtinha 400   A cadeira da senadora Selma Arruda (foto), que está cassada há um ano mas, mesmo assim, continua no cargo, vem dividindo opinião de vários líderes políticos, uns torcendo logo para a Mesa do Senado decretar a vacância para Carlos Fávaro assumir a vaga, outros...

PL avisa Chico que não apoiará EP

chico 2000 curtinha   O vereador Chico 2000 (foto), único do PL na Câmara de Cuiabá e governista de carteirinha, se mostrou  desconfortável politicamente quando foi informado nesta quinta que a legenda liberal não vai apoiar a reeleição do prefeito Emanuel, do MDB. O partido é comandado no...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você concorda com a decisão de prefeitos, que começam a decretar estado de emergência, fechando comércio, serviços públicos e o transporte coletivo?

sim

não

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.