Polícia

Segunda-Feira, 26 de Outubro de 2020, 07h:50 | Atualizado: 26/10/2020, 08h:58

Ex-mister é preso por atirar em PM e na própria esposa após confusão em boate

Uma confusão, que começou dentro da boate Nuun Garden, terminou com duas pessoas baleadas no estacionamento do local, na noite deste domingo (25). O empresário e ex-mister Cuiabá Michel Bruno Silva Batista, de 29 anos, foi preso. Durante a confusão ele teria acertado um tiro no braço da própria esposa e outro em um policial militar. Bastante alterado, segundo o boletim de ocorrência, ele gravou um vídeo em que diz que foi preso por "policiais filhos da puta" e que estavam deixando ele "morrer dentro da viatura".

Reprodução

Michel Bruno Silva Batista, empresário e ex-mister

Michel Bruno Silva Batista foi preso após atirar em duas pessoas

A arma utilizada para atirar nas duas vítimas pertencia ao policial militar, que foi atingido por um dos tiros. Michel teria tomado a arma do militar durante uma briga em frente à casa noturna.

De acordo com informações do BO, o suspeito estava com uma pistola em punho apontada para o militar quando um oficial do Corpo de Bombeiros viu a situação. Diante do que viu, o bombeiro pediu para que Michel baixasse a arma e gritou "polícia, polícia, polícia". Ao invés de baixar a pistola, o empresário teria jogado a arma e partido para cima do bombeiro. Para se defender, o oficial deu um soco no nariz do suspeito. Contudo, neste momento uma viatura da Rotam passava em rondas pelo local, viu a confusão e abordou o empresário. 

Uma testemunha relatou aos policiais que a discussão começou dentro da boate. Já no estacionamento, houve uma discussão e Michel teria partido cima da vítima. O militar teria dado tiros para cima. Em seguida, o ex-mister teria tomado a pistola da mão dele e apontado de volta para o PM. Em seguida, atirou na mão do homem. Depois, também teria atirado na esposa. Diante da situação, as vítimas foram encaminhadas para o hospital, e o empresário também.

Michel Bruno foi levado para a Central de Flagrantes. Durante o trajeto ele ficou gritando que os policiais eram corruptos e que tinham pego a corrente e a pulseira de ouro dele. O ex-mister Cuiabá foi autuado em flagrante por homicídio tentado, desacato e ameaça, pois gritava que iria matar o bombeiro que o prendeu. O suspeito passa por audência de custódia nesta segunda (26). 

Confusão

No início deste mês a Nuun foi multada e fechada por não cumprir medidas sanitárias contra à Covid-19  e não ter autorização para funcionar como casa noturna. A secretaria municipal de Ordem Pública multou o local em R$ 7 mil  e supendeu o alvará de funcionamento por ser reincidente. A boate recorreu e voltou a funcionar. 

Segundo a pasta, o estabelecimento foi autuado pela equipe de fiscalização da Prefeitura de Cuiabá por estar funcionando como “casa noturna” ao invés de “bar e restaurante”, como estava previsto no alvará.

Além da quantidade excessiva de pessoas no local, a boate também estava descumprindo o horário limite de funcionamento, que era até as 23 horas naquela ocasião. No domingo (25), dia da confusão com tiros, a boate estava assim:

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • Fernando | Segunda-Feira, 26 de Outubro de 2020, 16h41
    1
    1

    Nota de esclarecimento Considerando os fatos narrados e divulgados amplamente pela imprensa a cerca de uma confusão envolvendo o Sr. Michel Bruno Silva Batista, em frente à boate Nuun Garden. A defesa trás os seguintes esclarecimentos acerca da realidade dos fatos. A confusão se iniciou no estacionamento que fica nas imediações da casa noturna Nuun Garden e não no interior da casa noturna conforme amplamente divulgado pela imprensa. Dos fatos, os dois envolvidos na confusão chegarem ao mesmo tempo para retirar seus veículos, veículos que coincidentemente tem as mesmas características, cor, marca e modelo exatamente iguais. O manobrista responsável pelo estacionamento trouxe o veículo pertencente ao Sr. Michel, no mesmo momento em que o militar Emanuel chegava ao estacionamento para retirar seu veículo, momento em que o militar se confundiu com a situação ao ver um veículo idêntico ao seu sendo recebido pelo o SR. Michel, o interpelou o acusando de estar furtando seu veículo, mesmo sendo informado de que se tratavam de veículos distintos porém com as mesmas característica se iniciou uma discussão ríspida chegando a vias de fato, momento no qual o MILITAR, mesmo fora do horário de expediente, sacou de uma arma de fogo que trazia junto ao seu corpo e efetuou um disparo de arma de fogo colocando em risco todos os presentes, o Sr. Michel assustado temendo por sua vida e pela vida de sua esposa tentou desarmar o militar momento no qual a arma disparou mais duas vezes atingindo a mão do militar e o braço da esposa do Sr. Michel. Primeiramente, importante salientar que em momento algum o Sr. Michel estava portando arma de fogo, os vídeos das câmeras de segurança do estacionamento e da casa noturna já estão sendo requisitados pela defesa para comprovar as informações inverídicas acerca das afirmações prestados no Boletim de Ocorrência, que a arma de fogo pertencia ao militar; Segunda, a defesa irá requisitar a autoridade policial, a consumação/relatório da conta dos envolvidos e as imagens das câmeras de segurança do interior da casa noturna, uma vez que há fortes indícios que os dois militares envolvidos estavam fazendo uso de bebida alcoólica no interior da boate mesmo portando armas de fogo, conduta vedada pela legislação penal e pela legislação militar, inclusive iremos acionar a corregedoria de ambas instituições para verificar a conduta de seus membros, um policial militar e um oficial do corpo de bombeiros militar envolvidos na confusão; Terceiro, a defesa irá requerer exame de resíduos de pólvora nas mãos de todos envolvidos para atestar que quem realmente efetuou disparo de arma de fogo foi o PM Emanoel, e assim ficar esclarecido de uma vez por todas que em momento algum o Sr. Michel não efetuou disparos de arma de fogo conforme relatado de maneira leviana pela “suposta” vítima e por seus amigos, que os disparos foram provenientes da luta corporal. Por fim referente ao vídeo divulgado no qual o Sr. Michel relata ter sido confundindo pelos policias, por acharem que ele que efetuou os disparos de arma de fogo, informamos que o momento em que o vídeo foi gravado ele se encontrava totalmente desorientado e visivelmente abalado, pelo ocorrido, estava algemado e sendo detido injustamente por um crime que não cometeu, uma vez que agiu em legítima defesa para garantir sua integridade física e de sua esposa, contra uma agressão injusta partindo de um militar armado, e que a menção que ele faz em relação a conduta de quem o deteve e o uso de palavras de baixo calão em momento algum se referia aos policias da guarnição da ROTAM que o estavam conduzindo para a unidade de saúde e posteriormente a Plantão da Policia Judiciaria Civil e sim aos dois envolvidos nas vias de fato com ele. A defesa se coloca à disposição para maiores esclarecimentos. Dra. Célia Silva de Queiroz OAB/MT 26.266

  • Juca | Segunda-Feira, 26 de Outubro de 2020, 15h04
    2
    1

    O cara que quer dar uma de valente, se lasca heim?

  • luiz alberto | Segunda-Feira, 26 de Outubro de 2020, 12h33
    8
    0

    Os caras estão pouco se lixando para a prefeitura.... É um deboche pra quem está se cuidando nessa pandemia. Cadê o prefeito?????

  • Beatriz | Segunda-Feira, 26 de Outubro de 2020, 12h28
    6
    1

    Que historinha mal contada

  • Zezim o peche | Segunda-Feira, 26 de Outubro de 2020, 09h24
    13
    6

    Anos tocando eletrônica nunca deu problema, aí colocou Mingou, e os selvagens apareceram, povo do samba e pagode, tudo animal selvagens não sabe se divertir em publico....

Entrando na briga à AMM muito tarde

maurao curtinha 400   Mauro Rosa, o Maurão (foto), que está encerrando o segundo mandato como prefeito de Água Boa, é o único candidato no duelo com Neurilan Fraga, que busca mais um mandato no comando da AMM, entidade que representa as prefeituras mato-grossenses. O problema é que Maurão entrou...

Com Paccola, Câmara terá polêmicas

paccola 400 curtinha   O vereador eleito pela Capital, tenente-coronel PM Marcos Eduardo Ticianel Paccola (foto), do Cidadania, promete levar muitas polêmicas para os embates que pretende travar no Legislativo. Ele é daqueles sem papas na língua. Defende, por exemplo, que a população tenha direito de se armar. Em...

Esposa de deputado na 2ª suplência

maria avalone 400   Não foi só o deputado estadual Wilson Santos que frustrou-se na tentativa de eleger membro da família à cadeira de vereador. O também parlamentar Carlos Avalone, presidente regional do PSDB, apostou todas as fichas na esposa Maria Avalone. Mas ela só chegou à...

Neurilan e apoio de Botelho à AMM

eduardo botelho 400 curtinha   Em busca de apoio de lideranças políticas para permanecer no comando da AMM por mais três anos, Neurilan Fraga foi pedir socorro para o presidente da Assembleia, deputado Eduardo Botelho (foto). Quer que o parlamentar seja o presidente de honra de sua chapa. Neurilan tem se articulado como pode e,...

Candidato irritado chama EP de traste

abilio junior 400 curtinha   Abílio Júnior (foto), candidato do Podemos ao Palácio Alencastro, tem se mostrado mais irritado depois do debate promovido pela Fecomércio, na quarta à noite, quando, em vários momentos, se viu questionado e desqualificado pelo prefeito e candidato à...

Prefeito reeleito sob investigações

ze do patio 400 curtinha   A situação jurídica do prefeito populista e desgastado Zé do Pátio (foto), que acaba de ser reeleito para o terceiro mandato em Rondonópolis, sendo o segundo consecutivo, não é das melhores. Contra sua gestão tem pipocado denúncias sobre...