Polícia

Sexta-Feira, 23 de Agosto de 2019, 22h:14 | Atualizado: 24/08/2019, 15h:24

Converge

Gaeco prende sargento por suposto "elo" com fraudes para acobertar homicídios

Gaeco pris�es

Gaeco investiga "rede de proteção"

O Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado (Gaeco) cumpriu na noite desta sexta (23) o mandado de prisão preventiva contra o sargento Berison Costa e Silva, que teria participado de fraudes de documentos e sistemas de informações, para acobertar participantes de homicídios em suposto grupo de extermínio investigado na Operação Mercenários. A prisão ocorreu por volta das 19h07.

O cumprimento da ordem judicial faz parte da Operação Converge - terceira fase da Mercenários-, deflagrada na quarta (21). Berison, conforme as investigações, teria atuado para adulterar a numeração de armas na Superintendência de Apoio Logístico e Patrimônio (Salp) do Comando da PM, com objetivo de obstruir as investigações contra um grupo de militares suspeitos de cometer sete crimes de homicídios, sendo quatro tentados e três consumados.

 Também são suspeitos de participar desta rede de proteção o tenente-coronel Marcos Eduardo Paccola, ex-Bope, que conseguiu habeas corpus após vazamento da operação; os tenentes Thiago Satiro Albino e Sada Ribeiro Parreira, que também teriam participado do esquema de adulteração das armas na Salp; além de Cleber Ferreira. 

O caso

Conforme as investigações, com a finalidade de obstruir as investigações relacionadas aos referidos crimes, os militares articularam a alteração do registro da arma de fogo, mediante falsificação documental e inserção de dados falsos em sistema da Polícia Militar. A atuação visava supostamente maquiar o uso de uma pistola, que estava em poder do tenente Cleber, em crimes.

24/08, às 15h22 - Corregedoria apura conduta de sargento

Em nota, a Polícia Militar informa que a Corregedoria acompanhou a prisão do sargento e que apura a conduta do militar.

  • A Polícia Militar informa que equipes da Corregedoria acompanharam o cumprimento do mandado de prisão e estão contribuindo com todas as ações necessárias ao esclarecimento das denúncias.
    No âmbito militar, a Corregedoria já está apurando, reunindo dados e informações para instaurar procedimentos para investigar a conduta do policial.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Galvan vai deixar PDT e ir pra o PRTB

antonio galvan 400 curtinha   Embora não tenha perdido de vistas o Aliança pelo Brasil, partido que está sendo criado por Bolsonaro, Antonio Galvan (foto), presidente da Aprosoja e que acabou levado à frigideira dentro do PDT em meio ao embate por tentativa de candidatura ao Senado, se mostra disposto a ingressar no...

"Pátio igual gato, comendo e miando"

jose medeiros 400 curtinha   O deputado José Medeiros (Podemos), vice-líder do Governo Bolsonaro na Câmara, disse que o prefeito Zé do Pátio, de Rondonópolis, está parecendo gato, comendo e miando, pois recebe recursos federais, inclusive de programas habitacionais e, mesmo assim, ainda alardeia nos...

Adair lançará ex-vice em Alto Paraguai

adair 400 curtinha   O ex-prefeito de Alto Paraguai, advogado emedebista Adair José Alves Moreira (foto), não vai disputar novamente, apesar da insistência do seu grupo. A tendência é de apoiar o seu ex-vice Luiz Figueiredo, com quem administrou a cidade de 2013 a 2016. Luiz também é do MDB e...

Deputado bolsonarista critica prefeito

claudinei deputado curtinha 400   O deputado Claudinei Lopes (foto), morador em Rondonópolis, ficou na bronca com o discurso populista do prefeito Zé do Pátio, para quem o povo nordestino votou em massa no PT e que não tem conseguido construir mais casas populares porque, diferente dos governos petistas, o presidente...

Sem Senado e tudo pela Mesa da AL

max russi curtinha 400   Presidente regional do PSB-MT, o deputado Max Russi (foto) tem participado das discussões para definição de candidaturas ao Senado, na suplementar de abril, mas não mais como pré-candidato. Seu desafio é outro. A prioridade é a busca da reeleição como...

Lúdio desiste e PT perde com Barranco

ludio cabral 400 curtinha   O deputado Lúdio Cabral (foto) estava se movimentando para tentar convencer o PT a lançá-lo ao Senado, por aclamação, e ainda instigar o diretório estadual a buscar recursos junto à Nacional para a campanha. Mas o tiro saiu pela culatra. O guru do partido no Estado,...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Na sua opinião, como está indo o Governo Bolsonaro...

excelente

bom

razoável

ruim

péssimo

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.