Judiciário

Quinta-Feira, 07 de Dezembro de 2017, 17h:31 | Atualizado: 07/12/2017, 17h:33

Acusada de assassinar marido PM tem prisão preventiva decretada em Peixoto

Reprodução

esposa_policial_morto

 Deise Ribeiro de Oliveira aparece de mãos dadas com o marido Moshe Dayan Simão

Acusada de matar o próprio marido a tiros, Deise Ribeiro de Oliveira, 23 anos, teve mandado de prisão decretada pelo juiz Evandro Juarez Rodrigues, da Segunda Vara Criminal e Cível de Peixoto de Azevedo. A decisão foi proferida nesta quarta (6). O magistrado passou por audiência de custódia hoje.

O marido de Deise era o policial militar Moshe Dayan Simão Kaveski, de 28 anos. O assassinato ocorreu na noite de segunda (4), no Distrito de União do Norte. O policial foi alvejado por disparos de arma de fogo na cabeça e na região do tórax.

Na decisão, o magistrado diz existir prova de materialidade delitiva e indícios suficientes da autoria do crime de homicídio qualificado contra o companheiro. Evandro ainda afirma que a prisão preventiva é necessária para garantir a ordem pública e pela gravidade concreta da conduta praticada pela suspeita.

O caso

A mulher era companheira da vítima e, num primeiro momento, informou que ambos foram abordados por uma pessoa, descrevendo como baixa, gorda, e com roupas escuras. Deise se contradisse e chegou a contar, depois, que eram duas pessoas e que teriam levado os aparelhos celulares, tanto seu quanto de Moshe.

No entanto, o celular do policial foi encontrado próximo ao muro da residência. O delegado Israel Pirangi Santos afirma que houve muita divergência nas versões apresentadas e que não há sinais de luta corporal, apesar de a mulher ter alegado.

Conforme o delegado, um dos disparos foi encostado e teria ocorrido no momento que a vítima estava agachada, soltando o cachorro da casa. Também há informações de discussão do casal horas antes.

Outro ponto que contribuiu para convicção da autuação foi o fato da mulher costumar portar a arma da vítima, em sua bolsa. Outro motivo é devido Deise estar embriagada, trajando bermuda, e não ter notícias de que houve movimentação de motos no local ou latidos de cachorros.

A polícia descarta o envolvimento de Valdeir Santana Francoso, 33 anos, que foi conduzido junto com a mulher até a delegacia, pois não houve elementos para presumir eventual participação dele na morte do policial. O caso continua em investigação até o total esclarecimento das circunstâncias do assassinato.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Fazendeiro deve disputar em Tangará

chico clemente 400 curtinha   Chico Clemente (foto), que está determinado a disputar a Prefeitura de Tangará da Serra pelo PSD, é fazendeiro e não precisa de política praticamente para nada. Mesmo assim, é conhecido por gostar muito dos bastidores, o que o levou a estar na direção de campanhas...

Vander sufocado em Tangará da Serra

vander masson 400 curtinha   Se até há poucos dias tudo indicava para uma possível eleição de Vander Masson (foto) em Tangará da Serra, agora a situação ganha novos rumos e se complica para o tucano. O filho do ex-deputado Saturnino vem perdendo o controle do cenário. Nos últimos...

IFMT e novo laboratório pra testagem

deiver 400 curtinha   Numa iniciativa inédita, o Campus do IFMT Cuiabá - Bela Vista, sob o diretor-geral Deiver Alessandro Teixeira (foto), terá um novo laboratório a ser utilizado para análise sorológica da Covid-19, através da pesquisa de IgG e IgM. A obra, orçada em R$ 1 milhão,...

Comitê chama órgãos fiscalizadores

emanuel pinheiro 400 curtinha   Para colocar fim às críticas sobre suposta falta de transparência na aplicação dos recursos transferidos a Cuiabá pelo governo federal com vistas ao enfrentamento à pandemia, o prefeito Emanuel Pinheiro (foto) determinou que seu secretário de Saúde, Luiz...

PT sob risco de não eleger ninguém

marcos viana 400 curtinha   Mesmo tendo cabeça de chapa para prefeito, no caso o ex-juiz federal Julier Sebastião da Silva, o PT dificilmente elege um vereador em Cuiabá no pleito deste ano. A chapa de pré-candidatos proporcionais é fraquíssima. O "grande" nome do partido é da professora Edna...

Único da família Oliveira pra vereador

luluca 400 curtinha   Na queda-de-braço entre irmãos, venceu, por enquanto, Luiz Arthur Oliveira Ribeiro, o Luluca (foto), que será candidato a vereador pelo MDB em Cuiabá, carregando o espólio político da família Oliveira. Irmão de Luluca, o ex-vereador Leonardo Oliveira, que procurou e...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Em Cuiabá, o prefeito suspendeu a decisão de implantar rodízio de veículos entre placas pares e ímpares devido à Covid-19. Mas quer debater a ideia. Você concorda com rodízio?

concordo

discordo

tanto faz

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.