Polícia

Terça-Feira, 29 de Setembro de 2020, 07h:45 | Atualizado: 29/09/2020, 13h:32

"SEQUESTRO"

Indígenas liberam turistas de Minas que pescavam no Xingu: medida contra Covid

José Medeiros

 Parque Estadual do Xingu

Os 14 turistas de Minas Gerais quer foram mantidos reféns por indígenas da Aldeia Rawo, da etnia Ikpeng, no Parque Indígena do Xingu, desde domingo (28), foram liberados na noite de ontem (28). O grupo pescava em um rio da região, quando foi surpreendidos. Informações apuradas pelo apontam que todos estão bem.

Segundo a Polícia Federal (PF) de Rondonópolis (a 218 km de Cuiabá), 14 turistas de Minas Gerais pescavam em uma fazenda, quando invadiram a reserva indígena por acidente. Para liberá-los, a PF teve apoio da PM. Não foi necessário uso de força.

"Chegamos à Aldeia aproximadamente às 17 horas, foi feito contato com os indígenas no intuito de gerenciar a crise, usando a negociação, por volta das 19 horas a questão foi resolvida de forma pacífica, preservando a vida dos reféns e dos índios da etnia Ikpeng", diz um policial, que conversou com a reportagem pela rede. A Polícia Federal ficará com inquérito da possível pesca ilegal.

turistas sequestrados xingu

A Funai de Canarana (a 823 km da Capital) frisou que não se tratava de sequestro e que houve uma invasão à terra indígena no Xingu pelos turistas. Uma equipe da Funai também foi ao local na noite de domingo com a PF para liberá-los. 

O apurou ainda que, conforme informações repassadas pela Funai, os indígenas ficaram com medo por conta da pandemia do novo coronavírus e, por isso, acionaram as autoridades.

O grupo seria formado por moradores do município de Unaí (MG), que teriam vindo a Mato Grosso para pescar na propriedade o empresário do agronegócio Norberto Mânica, conhecido como “Rei do Feijão”.

A informação, divulgada em uma rádio de Unaí, era que os índios estariam pedindo uma quantia de até R$ 35 mil para soltar as pessoas sequestradas.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Ana | Terça-Feira, 29 de Setembro de 2020, 13h49
    0
    0

    vixi que monte de celular la na aldeia, sera que o sinal la é bom?

  • QUARTO CRESCENTE CERVEJA E CIA | Terça-Feira, 29 de Setembro de 2020, 09h49
    0
    0

    outro dia a sema-mt fez uma apreensão aqui na região de barra do garças de 1 tonelada de peixes olha o tanto de funcionário publico envolvido nessa operação,quem vai pagar essa despesa? esses Manica de Unaí são conhecidos

Sob efeito-cavalo paraguaio em ROO

thiago muniz 400 curtinha   Em Rondonópolis, o candidato a prefeito, vereador e empresário Thiago Muniz (foto), se transformou num cavalo paraguaio, expressão muito usual no futebol quando se refere a um time que dispara no início do campeonato mas, lá pela metade, começa a cair pelas tabelas. Acreditava-se...

Lula na TV deve afundar mais Julier

lula 400   O advogado Julier Sebastião da Silva, que disputa pela segunda vez a Prefeitura de Cuiabá - na primeira, em 2016, pelo PDT, ficou em terceiro lugar e, agora, pelo PT -, levou para o seu horário eleitoral o ex-presidente Lula (foto). A participação, com pedido de voto para Julier, da maior...

Na contramão dos investimentos

jose wenceslau 400 curtinha   Ao invés de reconhecer e aplaudir a iniciativa do governo estadual, que anunciou investimentos de R$ 9,5 bilhões em obras e ações, sendo R$ 6 bilhões (63%) de recursos próprios, a Fecomércio-MT, sob José Wenceslau Júnior (foto), reagiu com críticas....

Filho de ex-deputado rumo a vereador

willy taborelli 400   O coronel PM da reserva e ex-deputado estadual Perry Taborelli, que concorreu e perdeu para prefeito de Várzea Grande em 2016, lançou de novo o filho à cadeira de vereador. Trata-se do jovem advogado Willy Jacyntho Taborelli (foto), de 32 anos. Desta vez, ele concorre pelo PV. Na eleição...

Beto vê aliado como mais preparado

wellington marcos 400   O prefeito de Barra do Garças, Beto Farias (MDB), tem sido um cabo eleitoral fundamental para o candidato à sucessão municipal, advogado e atual vice-prefeito Wellington Marcos (foto), do DEM. Beto, que está concluindo o segundo mandato consecutivo com 80% de aprovação popular,...

Produtores e a unificação de eleições

antonio galvan 400 curtinha   Mato Grosso pode ter três eleições no mesmo dia, 15 de novembro. Isso porque, além das municipais e a suplementar ao Senado, alguns produtores rurais se movimentam para que a escolha do novo presidente da Aprosoja também seja na mesma data das eleitorais. Inicialmente, o pleito da...