Polícia

Sexta-Feira, 28 de Fevereiro de 2020, 15h:45 | Atualizado: 28/02/2020, 15h:49

SORRISO

Militares viram réus e já respondem por atirarem em mulher no ponto de ônibus

elisangela moraes PMs sorriso

Os policiais militares Ezio Sousa Dias e Weberth Batista Ribeiro, ambos de 30 anos, viraram réus e já respondem por, do nada, atirarem em janeiro deste ano, contra Elizangela Moraes, 44, em Sorriso (a 420 km de Cuiabá). Ela estava no ponto de ônibus com o namorado. A juíza Emanuelle Chiaradia Navarro Mano, da 1ª Vara Criminal da cidade, recebeu a denúncia do Ministério Público Estadual (MPE) contra eles dia 12 de fevereiro.

Presos desde o dia 18 de janeiro, também foram afastados do cargo, por determinação da 4ª Vara Cível. Entretanto até o momento nada foi informado se ambos continuam recebendo salário do Estado ou se a ordem foi cumprida.

De acordo com a Polícia Militar, no dia do crime os dois foram autuados em flagrante e ficaram presos em uma unidade militar. Já Elizangela foi levada ao hospital e teve que passar por reconstrução do maxilar. Os médicos também optaram por não retirar uma das balas alojada a dois centímetros da coluna vertebral, já que o procedimento representa riscos de vida e pode deixá-la tetraplégica.

O crime

A versão divulgada por eles é de que efetuaram disparos de arma de fogo em um bar e acabaram atingindo a mulher no rosto e pescoço. Mas imagens "surreais" de câmeras de segurança mostraram que os policiais mentiram. No vídeo, dois homens - que seriam os dois PMs - andam em direção ao ponto de ônibus, passando por um casal namorando. Neste momento, um dos militares atira à queima-roupa na mulher e, diante da reação do namorado dela, identificado como Osvaldo Pereira Gomes Neto, volta e dá outros tiros nela.

Por meio de nota a Corregedoria da Polícia Militar informou que foram abertos dois procedimentos contra os soldados Ezio e Weberth. Diante da gravidade dos fatos, vai avaliar a permanência deles nas fileiras da Instituição. Reforça ainda que a prisão em flagrante dos dois soldados e a apreensão da arma usada no crime foram efetuadas pela Polícia Militar em ação coordenada pelo comandante da unidade local, assim como a entrega deles na Delegacia de Polícia Civil para que pudessem ser autuados em flagrante delito de crime comum.

Os dois policiais estavam em horário de folga e não no exercício da atividade policial.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Josefo - o que é perfil? | Sexta-Feira, 28 de Fevereiro de 2020, 14h05
    3
    2

    Será que eles não serão beneficiados pelo perdão judicial que está em vias de ser promulgado pelo presidente Bôzo? Aliás eu vejo que este está somente beneficiando os militares, militar é corporativista? senão vejamos: 1) concedeu perdão judiciário a todos os militares envolvidos em crimes sem qualquer critério; 2) Aumentou o alto salário da cúpula da Polícia federal que já tinha um excelente salário; 3) Alterou a constituição permitindo acumulo de cargo de militar com outros cargos. E para os pobres: a reforma da previdência e podemos acreditar que será nessa toada enquanto isso os filhos do Bôzo estão nadando no dinheiro, é bonito isso? A arminha que ele fazia nas campanhas é para aniquilar outras categorias, kkkkkkkkkkkk.

Contrato para tocar eventos do TCE

O presidente do Tribunal de Contas do Estado, conselheiro Guilherme Maluf, fechou um contrato anual com a Infortouch Agência e Comunicação, Eventos e Produtos Alimentícios, aproveitando ata de registro de preços  do Tribunal de Justiça de MT, com adesão-carona num processo de 2019. A empresa vai faturar R$ 376,9 mil para atender demandas do TCE em toda logística de eventos, envolvendo as etapas de planejamento,...

Ação de promotor e volta de restrições

Adalberto Ferreira   O promotor de Justiça Adalberto Ferreira garante que prefeito de Juscimeira Moisés dos Santos não havia editado nenhum decreto endurecendo as regras de restrições à pandemia do coronavírus antes do MPE propor ação na Justiça. Ao falar sobre nota publicada...

Oséas agora está nas mãos de Abílio

oseas machado 400 curtinha   Oséas Machado (foto) conseguiu derrubar Abílio Júnior, a quem denunciou por quebra de decoro parlamentar, e assumiu a cadeira deste na Câmara da Capital. Agora, o cassado se articula para dar o troco. O problema é que ambos estão no PSC. Oséas quer buscar a...

Decreto "anula" o MPE em Juscimeira

moises 400 juscimeira curtinha   Em Juscimeira, o promotor de Justiça Adalberto Ferreira recorreu à Justiça de forma desnecessária. Pleiteou e conseguiu uma liminar para suspender um decreto do prefeito Moisés dos Santos que, segundo a ação, havia reduzido as medidas de isolamento social, permitindo...

Kero-Kero quer levar Abílio para Pode

wilson kero kero 400 curtinha   Na contagam regressiva do prazo para o troca-troca partidário - vence em 3 de abril para quem pretende ser candidato em outubro deste ano -, o vereador Wilson Kero-Kero (foto), do PSL e um dos opositores à gestão Emanuel Pinheiro em Cuiabá, está fortalecendo o Podemos. E se...

ECSP explica confusão com Marcrean

marcrean 400 curtinha   A Empresa Cuiabana de Saúde Pública (ECSP) emitiu nota sobre a suposta “carteirada” do vereador Marcrean Santos (foto) no HMC. Ele foi pivô de confusão e um vídeo viralizou nas redes sociais. Segundo a ECSP, o parlamentar foi até o local pedir informações...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você concorda com a decisão de prefeitos, que começam a decretar estado de emergência, fechando comércio, serviços públicos e o transporte coletivo?

sim

não

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.