Polícia

Quarta-Feira, 20 de Janeiro de 2021, 08h:00 | Atualizado: 20/01/2021, 11h:52

Travesti namora e assassina homem para vingar, com frieza, o estupro da sobrinha

Atualizada às 09h40

Uma travesti, de 30 anos, foi presa foi presa pela Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), de Cuiabá, pela morte de José Carlos Ribeiro, 50, assassinado no dia 25 de dezembro na Capital. Ela confessou o crime e disse que começou a namorá-lo, depois dele ter estuprado a sobrinha dela, para concluir sua vingança com o assassinato.

viatura dhpp

O caso aconteceu em dezembro de 2020, no bairro Altos da Glória. A mulher manteve relações sexuais com José Carlos e, em seguida, o golpeou com um pedaço de madeira e uma faca até a morte.

A assassina foi presa na segunda (18), no Residencial José Carlos Guimarães, em Várzea Grande, em um cumprimento de mandado de prisão preventiva. Mas o caso somente foi divulgado hoje (20).

O caso 

O homem foi encontrado morto na cama, em sua residência, e o corpo apresentava lesões causadas por instrumentos contundentes e cortantes. Um pedaço de madeira, com um prego na ponta, foi encontrado no local.

A equipe, coordenada pelo delegado Caio Fernando Albuquerque, coletou informações de que no dia do crime uma pessoa monitorada por tornozeleira eletrônica esteve na residência da vítima.

Após ser identificada, a investigada foi ouvida pelo delegado e confessou o crime. Segundo a travesti, três meses antes do fato, quando ainda não tinha relacionamento íntimo com José Carlos, estava tomando cerveja com a vítima junto com a sobrinha dela, de 14 anos. Logo após, saiu da casa para comprar e fazer uso de entorpecentes, quando, momentos depois, sua sobrinha a procurou chorando e dizendo que a José Carlos havia tentado violentá-la sexualmente.

A investigada retornou então à casa da vítima para tomar satisfação do ocorrido, mas o homem negou o ato de violência, embora a adolescente tenha confirmado o abuso. Após isso, ainda segundo depoimento da travesti, ela decidiu que mataria a vítima e pediu que a adolescente não comentasse a ninguém o ocorrido e que resolveria a situação.

Conforme narrado no depoimento, vendo que a vítima tentava uma aproximação, a investigada começou a ter encontros amorosos com José Carlos e afirmou ao delegado que passou a fazer isso para aproveitar a oportunidade e vingar o que ocorreu com sua sobrinha. Em um dos encontros, após se relacionarem, ela golpeou a vítima com o pedaço de madeira e com uma faca.

Conforme o delegado Caio Albuquerque, os elementos de prova colhidos durante as diligências comprovam que não houve homicídio privilegiado – quando a vítima provoca o cometimento do crime pouco antes de sua prática.

"Mas sim, que o crime foi motivado por vingança, configurando a qualificadora de torpeza na medida em que, premeditadamente, o autor planejou a ação homicida cerca de três meses depois do referido comportamento da vítima. Além disso, ficou configurada a qualificadora de impossibilidade de defesa pois, ao que tudo indica, ao contrário da versão da investigada, a vítima dormia quando foi golpeada”.

O delegado representou à Justiça pela prisão preventiva da investigada. O inquérito segue para conclusão e ela será indiciada por homicídio qualificado. (Com Assessoria)

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Zé Brumado | Quarta-Feira, 20 de Janeiro de 2021, 11h07
    1
    1

    Cada tipo de traça que existe por aí a fora heim?

  • ROBERTO FERREIRA | Quarta-Feira, 20 de Janeiro de 2021, 08h16
    1
    1

    ISTO SE ESTA HISTORIA NAO FOR AS VOZES.... VOZES DA CABECA DELA

EP na batalha por vacinas e insumos

emanuel pinheiro 400 O prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro (foto) entrega nesta segunda (8) PL para a aquisição de vacinas para combate à Covid-19, medicamentos, insumos e equipamentos. O documento foi elaborado pela Frente Nacional dos Prefeitos (FNP) e será votado na Câmara. Esse é mais um movimento...

Fúrio volta à carga contra secretário

celio furio 400 curtinha Depois de se enganar ao abrir investigação contra o secretário de Saúde Gilberto Figueiredo e ter de pedir desculpas, o promotor Célio Fúrio (foto) voltou à carga. Fúrio entrou na Justiça para que Gilberto seja condenado à perda da função...

TJ e posse em cartórios após 7 anos

maria helena _ curtinha O Tribunal de Justiça, sob Maria Helena (foto), marcou para 31 de março a posse coletiva dos aprovados no concurso para os cartórios extrajudiciais de Mato Grosso. O certame vem se arrastando desde 2013 e foi interrompido diversas vezes por causa de recursos judiciais de concorrentes inconformados com os...

Setores vivem tensão e são castigados

Gilberto Figueiredo Artigo O governo acerta ao estender o horários de funcionamento dos supermercados. Afinal, desde que o decreto entrou em vigor, as filas se multiplicaram pela Capital, aumentando o risco de transmissão do novo coronavírus. Há a expectativa de que novas medidas possam ser tomadas diante do evidente colapso da...

Limpeza e obras no entorno da Arena 

Beto 2x1 400 curtinha   Apesar da Arena Pantanal ser um cartão postal do Estado, o entorno do estádio vive situação crítica com lixo nas ruas, episódios de esgoto à céu aberto e matagal. O secretário estadual de Esporte e Cultura, Beto 2 a 1 (foto), em visita ao Rdnews, assegura que os...

VI de R$ 18 mil garantida na Câmara

juca 400 curtinha A verba indenizatória de R$ 18 mil para os vereadores da Câmara de Cuiabá está garantida, pelo menos por enquanto. Depois de diversas ações judiciais, derrubando a alta indenização por gastos do mandato, os vereadores implantaram o benefício novamente em dezembro. O...