Polícia

Terça-Feira, 02 de Março de 2021, 06h:30 | Atualizado: 02/03/2021, 13h:56

OPERAÇÃO PAPAGAIO

PF deflagra operação contra grupo suspeito de "esquentar" ouro ilegal

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta terça (2) a Operação Papagaio de Ouro 3, que visa combater crimes ambientais. A ação foi autorizada pela 2ª Vara Federal de Cáceres ( a 230 km de Cuiabá). Cerca de 60 agentes cumpriram 13 mandados de busca e apreensão e um de prisão temporária, na Capital, em Várzea Grande, Pontes e Lacerda e Peixoto de Azevedo.

Essa investigação é desdobramento da Operação Papagaio de Ouro que foi deflagrada em 2020 e prendeu os responsáveis por um garimpo clandestino em Nova Lacerda/MT, havendo suspeitas que tenham extraído e comercializado mais de uma tonelada de ouro de forma ilícita.

PF

Opera��o Papagaio de Ouro 3, deflagrada pela PF

A terceira fase mira os responsáveis por adquirir ilegalmente o minério extraído desse garimpo. As investigações apontam que o ouro ilegal seria “esquentado” através da mistura com o de procedência legal, dificultando o rastreio de sua origem.

Fases

A primeira fase ocorreu em agosto de 2020 com o objetivo de investigar a exploração ilegal de ouro na região de Pontes e Lacerda - veja vídeo da época.

A segunda fase, em setembro, desarticulou uma suposta associação criminosa voltada à exploração ilegal de ouro - saiba aqui e aqui.

À época, a PF apreendeu veículos de luxo e realizou a prisão de um dos dois investigados. Há fortes indícios de que eles, pai e filho, estariam em atividade desde o ano de 2016, extraindo ilegalmente cerca de oito quilos de ouro por mês, utilizando-se de diversas pessoas e de máquinas de grande porte.

O nome da operação é uma referência ao Córrego do Papagaio, local onde a investigação teve início após a Polícia Federal receber uma denúncia de que a área estava sendo poluída com os rejeitos do garimpo ilegal.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Governista 2 e o desafio da reeleição

wilson santos 400 curtinha   Wilson Santos (foto), que conseguiu retornar à Assembleia "sangrando" nas urnas de 2018, impactado pelo desgaste pela defesa intransigente do Governo Pedro Taques, se prepara para atravessar outro purgatório no próximo ano, em busca de mais um mandato. O deputado tucano carrega desgaste...

Nobres chora a morte de ex-prefeito

flavio dalmolin 400   A pequena e turística Nobres, de 16 mil habitantes, parou neste Feriado de Tiradentes em comoção pela morte, por Covid-19, do ex-prefeito Flávio Dalmolin (foto). Um cortejo percorreu ruas e avenidas, parou em frente ao estádio municipal Balizão e à prefeitura, onde...

Derrotado ensaia disputa ao Governo

reinaldo morais 400 curtinha   O empresário Reinaldo Morais (foto), o rei dos porcos, está disposto a gastar mais uns milhões com nova candidatura majoritária, agora para governador. No ano passado, concorreu ao Senado e obteve votação decepcionante. Foi o penúltimo colocado numa corrida com 11...

Sicredi recua de comprar praça pública

enilson rios 400 prefeito araputanga   A diretoria do Sicredi nem esperou ser votado na Câmara Municipal o polêmico projeto sobre negociação de uma praça pública no centro de Araputanga para cancelar o negócio. A cooperativa havia "amarrado" entendimento com o prefeito Enilson de Araújo...

Sessão, voto e namoro com cantora

ulysses moraes 400   Na sessão virtual da Assembleia desta segunda, o deputado Ulysses Moraes (foto), do PSL, estava demorando para computar o voto na apreciação de um veto do governador. O presidente Max Russi (PSB), então, cobrou agilidade do colega e brincou, dizendo que agora ele só tem olhos para a Maraisa....

Misal é reeleito para o 10º mandato

misael galv�o 400 curtinha   Após dois anos fora do comando do Shopping Popular, período em que respondeu pela presidência da Câmara da Capital, o ex-vereador Misael Galvão (foto) voltou à direção do empreendimento, que abriga 500 lojas. E, sob forte...

MAIS LIDAS