Polícia

Quinta-Feira, 07 de Novembro de 2019, 11h:15 | Atualizado: 07/11/2019, 22h:34

REDE

Servidora de VG é presa acusada de aliciar garotas para programas sexuais - saiba

Reprodução redes sociais

Ingridi Keliany Gomes da Silva

Ingridi Keliany Gomes da Silva é acusada de articular uma rede de prostituição com menores de idade, em Várzea Grande

A servidora da Prefeitura de Várzea Grande, Ingridi Keliany Gomes da Silva, de 23 anos, acusada de aliciar meninas menores de idade para fazerem programas sexuais com homens adultos, foi presa por crime de estupro de vulnerável. Por envolver menores de idade, o caso corre em sigilo.

O apurou que ela teve o mandado de prisão cumprido dia 24 de outubro. A ordem de prisão foi expedida pela 4ª Vara Criminal de Várzea Grande. Ingridi ainda está presa e aguarda nova audiência de custódia.

Afastada do cargo

Por meio de nota a Prefeitura de Várzea Grande informou que recebeu o comunicado sobre a prisão da servidora no dia 29 de outubro e que a afastou do cargo no mesmo dia. Ingridi trabalhava na Secretaria Municipal de Educação, Cultura, Esporte e Lazer, mas também prestava serviços à Secretaria de Comunicação.

Conforme a nota, o contrato dela foi rescindido. Mas, caso seja comprovada inocência, ela será renomeada ao cargo.

O namorado

O apurou que Ingridi namora o empresário José Carlos Rachid Jaudy, o "Cacalo". Ele também tem elo com crimes sexuais. Em 2009, foi preso, em plena luz do dia, por volta das 15h, com duas garotas, de 14 e 11 anos, no Motel Executive, na avenida Mário Andreazza, em Várzea Grande.

O flagrante revelou uma rede de prostituição infantil, com "sede" no bairro Santa Izabel, em Cuiabá.

A garota de 14 anos confirmou à delegada que conduziu inquérito policial à época, Juliana Palhares, que já havia feito vários programas sexuais com Rachid Jaudy. Que chegou a fazer sexo com ele dentro de uma caminhonete S10 em uma rua escura e que, desta vez, tinha articulado o encontro com a colega de 11, que, pela primeira vez, também prestaria o "serviço". A garota também afirmou que já tinha agenciado outras amigas para o empresário. O valor do programa era R$ 50.

Outro lado

O tentou falar com a defesa da servidora afastada, mas não conseguiu contatos. No entanto, o site está aberto à versão da acusada.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Matéria(s) relacionada(s):

"Choque" de agenda de EP e de MM

mauro mendes 400 curtinha   Prefeitos e primeiras-damas estão sendo convidados para dois eventos programados para o mesmo dia e horário, em Cuiabá. Um partiu do prefeito Emanuel Pinheiro, que entrega 100% do Hospital Municipal de Cuiabá em 18 de novembro, às 20h, e espalhou convites para tanto gestores municipais,...

Mutirão já negociou quase R$ 40 mi

O Mutirão Fiscal Fecha Acordo do Governo de Mato Grosso, em parceria com o Judiciário, já negociou, na primeira semana, R$ 22.430 contratos, somando brutos R$ 37,7 milhões. E, com os descontos, ficaram em R$ 20,8 milhões, sendo R$ 12 milhões à vista. As negociações são feitas por meio da PGE e da Sefaz. O mutirão começou em 1º de novembro e segue até o próximo dia 29. Funciona no segundo...

Parceiros pra eventos de final de ano

emanuel pinheiro marcia 400 curtinha   Esta semana o prefeito da Capital Emanuel Pinheiro e a primeira-dama Márcia, que faz trabalho social voluntário, iniciam a maratona de reuniões com empresários em busca de apoio e parcerias para realização de festas natalinas e do réveillon. A ideia é,...

Fora da disputa e elogios à prefeita

toninho domingos 400 curtinha   Irmão do ex-prefeito Murilo Domingos (já falecido), o empresário Toninho Domingos (foto), que foi vice-prefeito por duas vezes, das gestões Nereu Botelho (94/98) e Jayme Campos (2001/2004), disse neste domingo que não está animado para concorrer à sucessão em...

Troca da Secretaria-Geral por gabinete

jairo rocha 400 curtinha   Jairo Rocha (foto), que teve atuação marcante em Cuiabá nos 22 anos de militância no PT e hoje filiado ao PSB, pediu exoneração do cobiçado cargo de secretário-geral da Câmara de Cuiabá para voltar a atuar como chefe de Gabinete do vereador Marcelo...

Relator, o silêncio e Abílio na forca

marcrean santos 400   O vereador Marcrean Santos (foto), relator na Comissão de Ética da Câmara de Cuiabá da representação contra o colega Abílio Brunini (PV), optou pelo silêncio. Evita revelar até o cronograma de atuação dos trabalhos. Sabe o tamanho da responsabilidade...