Polícia

Sexta-Feira, 14 de Fevereiro de 2020, 17h:50 | Atualizado: 14/02/2020, 17h:55

Sogro que matou empresário árabe e decepou a mão dele é preso em Matupá

 

Darci Freitas, 59 anos, sogro do empresário Faisal Ibrahim Abdulrahman Younes, de 49 anos, foi preso pelo assassinato do genro nesta quarta-feira (12) após se entregar em Matupá (696 km de Cuiabá). O homem foi interrogado sobre os fatos e acusações pela Polícia Civil, passou por exame de corpo de delito e seguiu para uma unidade prisional da região, não informada.

O sogro teve o mandado de prisão preventiva decretado apontado como autor do homicídio logo após o assassinato, ocorrido no dia 12 de fevereiro. O empresário árabe foi morto pelo sogro depois de supostamente agredir e tentar impedir a esposa de levar o filho do casal embora. A vítima teve a mão "arrancada", chegou a ser encaminhado ao Hospital Municipal da cidade, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.  

A esposa relatou aos policiais que houve uma briga familiar entre ela e o esposo um dia anterior e que para fugir das agressões foi para casa dos pais, deixando o filho pequeno com o marido. Quando foi nesta madrugada, como o filho não estava bem, ela e o marido levavam a criança ao hospital, quando ele começou a agredi-la.

Ela então conseguiu sair do carro e ligou para o pai, pedindo que fosse buscá-la.  O pai a encontrou próximo à Escola Antônio Ometto. De lá foram para a residência dela, para pegar a criança.  Ao chegarem lá, o homem passou a agredi-la. Diante da situação o pai interviu e o empresário foi em direção a ele, momento que ocorreram as agressões.

 

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Galvan vai deixar PDT e ir pra o PRTB

antonio galvan 400 curtinha   Embora não tenha perdido de vistas o Aliança pelo Brasil, partido que está sendo criado por Bolsonaro, Antonio Galvan (foto), presidente da Aprosoja e que acabou levado à frigideira dentro do PDT em meio ao embate por tentativa de candidatura ao Senado, se mostra disposto a ingressar no...

"Pátio igual gato, comendo e miando"

jose medeiros 400 curtinha   O deputado José Medeiros (Podemos), vice-líder do Governo Bolsonaro na Câmara, disse que o prefeito Zé do Pátio, de Rondonópolis, está parecendo gato, comendo e miando, pois recebe recursos federais, inclusive de programas habitacionais e, mesmo assim, ainda alardeia nos...

Adair lançará ex-vice em Alto Paraguai

adair 400 curtinha   O ex-prefeito de Alto Paraguai, advogado emedebista Adair José Alves Moreira (foto), não vai disputar novamente, apesar da insistência do seu grupo. A tendência é de apoiar o seu ex-vice Luiz Figueiredo, com quem administrou a cidade de 2013 a 2016. Luiz também é do MDB e...

Deputado bolsonarista critica prefeito

claudinei deputado curtinha 400   O deputado Claudinei Lopes (foto), morador em Rondonópolis, ficou na bronca com o discurso populista do prefeito Zé do Pátio, para quem o povo nordestino votou em massa no PT e que não tem conseguido construir mais casas populares porque, diferente dos governos petistas, o presidente...

Sem Senado e tudo pela Mesa da AL

max russi curtinha 400   Presidente regional do PSB-MT, o deputado Max Russi (foto) tem participado das discussões para definição de candidaturas ao Senado, na suplementar de abril, mas não mais como pré-candidato. Seu desafio é outro. A prioridade é a busca da reeleição como...

Lúdio desiste e PT perde com Barranco

ludio cabral 400 curtinha   O deputado Lúdio Cabral (foto) estava se movimentando para tentar convencer o PT a lançá-lo ao Senado, por aclamação, e ainda instigar o diretório estadual a buscar recursos junto à Nacional para a campanha. Mas o tiro saiu pela culatra. O guru do partido no Estado,...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Na sua opinião, como está indo o Governo Bolsonaro...

excelente

bom

razoável

ruim

péssimo

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.