Reflexão

Por 18/10/2017, 10h:30 - Atualizado: 18/10/2017, 10h:47

tania matos artigo colunista

Tânia Matos

A humanidade de uma forma em geral passa por um momento de transição e ajustes e ao mesmo tempo desajustes entre ser ou ter. Estão acontecendo coisas e fatos tão sem sentido que ficamos sem saber o que pensar. Infelizmente o ser humano está perdendo a noção em relação aos valores que equilibram e dão sentido a vida, e os interesses pessoais estão sobressaindo-se aos coletivos.

A impressão é de que tudo precisa ser revidado, parece que estamos em uma arena de lutas, e sabemos que esse caminho não leva a lugar nenhum a não ser a nossa própria destruição como humanos. É entristecedor ver a sensibilidade humana se perdendo em função de vaidades pessoais. E me pergunto em que lugar estamos colocando Deus em nossas vidas?

Todos temos, em algum momento, poder sobre a vida de outras pessoas, uns mais outros menos

A vida aqui é passageira, eterno é o que vem depois, que é quando iremos prestar contas pelas ações praticadas ou não aqui na terra. Quanto mais poder tivermos de decidir sobre a vida das pessoas, mais seremos cobrados quando fizermos a passagem dessa vida para a outra. Todos nós temos, em algum momento, poder sobre a vida de outras pessoas, uns mais outros menos.

A leitura que precisa ser feita é que o poder na verdade pertence a quem demanda o uso desse poder, e não a quem o detém. Essa é a conclusão que chego quando busco entender a vontade e a verdade de Deus sobre as coisas do mundo.

No momento certo teremos que prestar contas de como usamos esse poder, se em prol do coletivo que é o correto, ou em benefício próprio. Temos o livre arbítrio de fazer o que quisermos que entendo como sendo esse o problema de muitos males que existem no mundo.

Tem algumas situações que acontecem que temos dificuldades em discernir com clareza o que é certo do que é errado. Escuto diariamente pessoas falarem que tudo é uma questão de entendimento, umas entendem de um jeito, outras de outro, e assim vai, e decisões que mexem com a vida de pessoas são tomadas com base nesses entendimentos, de formas muitas vezes irreversíveis.

A sensação que fica é que há uma disputa para mostrar quem manda mais, quem tem mais poder, e em alguns casos, o poder de cunho pessoal é o que prevalece subsidiado pela arrogância e vaidade com o intuito da autoafirmação em satisfazer o ego que nesses tempos de transição espiritual que estamos vivendo está inflado.

Entendo que vivemos um momento em que a espécie humana deve desencadear uma luta interna para equilibrar o seu ego lapidando-o para que consiga tomar decisões pautadas na coerência, só assim elas serão justas. Não é feio e muito menos humilhante, diante de uma incerteza, pedir que Deus ilumine nossas mentes para que possamos tomar decisões, principalmente em relação a vida de outras pessoas, que não sejam injustas.

Devemos nos preocupar com o que vem depois, e que não está tão distante como pode parecer para alguns que vivem suas vidas como se não houvesse um tempo em que teremos que responder por nossos atos. Não sou a dona da verdade, mas essa é a luz que me guia. Essa é uma reflexão pessoal, é como penso sobre o sentido da vida.

Tânia Matos é arquiteta e urbanista, administradora, pós-graduada em Gerência de Cidades, mestranda em Ensino, presidente da Agência Metropolitana do Vale do Rio Cuiabá e escreve mensalmente neste Blog. E-mail: maristenematos@gmail.com

Postar um novo comentário

Vice e o uso político do Creci pró-Julio

claudecir 400 creci curtinha   O sindicato dos profissionais do Mercado Imobiliário de Mato Grosso, sob Juliano Lobato, em nota de repúdio, detona o atual vice-presidente do Creci-MT, Claudecir Contreiras (foto), para quem está fazendo uso político da entidade e beneficiando, de forma descarada, o...

Toninho e expectativa de retorno à AL

toninho 400 curtinha   Toninho de Souza, que no ano passado estreou como deputado, permanecendo no cargo por 46 dias, no lugar de Eduardo Botelho, vive expectativa de retornar à cadeira na Assembleia. Mas isso vai depender de uma decisão de Janaína Riva, que está no quarto mês de gravidez. Ela tem...

Parlamentar temido reassume em VG

caio cordeiro 400 curtinha   Com menos de 15 dias no cargo de vereador em Várzea Grande, o primeiro-suplente Caio Cordeiro (foto), do PRP, já terá de desocupar a vaga. Eis que está de volta, da prisão para retomar o assento de parlamentar, Jânio Calistro, que está no segundo mandato e responde...

Diversos cortes nas despesas da AL

eduardo botelho curtinha 400   Num período em que o Legislativo praticamente parou, assim como o Judiciário e órgãos vinculados aos Poderes, como TCE e MPE, o presidente da AL, deputado Eduardo Botelho (foto), tomou decisão correta ao cortar gastos enquanto perdurar a pandemia do coronavírus. Entre as...

Governador está tenso e preocupado

mauro mendes 400 curtinha   O governador Mauro Mendes anda tenso e preocupado. Mesmo já tendo adotado uma série de medidas de prevenção, inclusive consideradas radicais, ele não dorme direito por causa das projeções nada otimistas de aumento nos próximos dias de casos de coronavírus em...

AL aprovará empréstimo de R$ 550 mi

A Assembleia aprovou, na convocação extraordinária desta sexta (27), dispensa de pauta para a mensagem do Executivo que pede autorização para contrair empréstimo de R$ 550 milhões junto à Caixa Econômica. O recurso será aplicado na construção de pontes de concreto em diversos municípios. Agora, a matéria entra na pauta e será aprovada pela maioria dos deputados na próxima segunda (30),...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você concorda com a decisão de prefeitos, que começam a decretar estado de emergência, fechando comércio, serviços públicos e o transporte coletivo?

sim

não

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.