Manso ajuda turismo e a controlar enchente, mas eficácia energética é pífia - confira imagens exclusivas

Furnas diz que usina está produzindo 200 MW, suficiente para atender cerca de 300 mil pessoas


Reportagem Especial

Rodinei Crescêncio/Rdnews

usina manso

A usina hidrelétrica de Manso, em Chapada dos Guimarães, foi a 1ª de grande porte a ser implantada em MT, em 1999, suscitando críticas, mas também elogios

A usina hidrelétrica de Manso foi a primeira de grande porte a ser implantada em Mato Grosso, em 1999. Desde então, recebe mais críticas do que elogios. Enquanto o setor hidrelétrico vê sua existência como um avanço, acadêmicos e ambientalistas atacam o impacto causado na região, entre Chapada dos Guimarães e Nova Brasilândia.

Para o presidente em exercício do sindicato da Construção, Geração, Transmissão e Distribuição de Energia Elétrica e Gás de Mato Grosso (Sindenergia), José Antônio de Mesquita, o empreendimento foi um ganho para o Estado. A usina contribui não só para gerar eletricidade, mas para conter enchente na Capital e ampliar o potencial turístico. “Se Manso não existisse hoje e com a chuva intensa dos últimos dias, a Unic Beira Rio estaria debaixo d’água”, compara. O reservatório de Manso controla a água que sai tanto para aumentar o volume do rio no período de seca como para reduzir na cheia.

O professor da UFMT Dorival Gonçalves já vê a UHE como a hidrelétrica que mais causou impacto ambiental e social da história do Estado. Primeiro, para ele, foi um desperdício pelo fato da capacidade de geração ser de 210,9 mil kW, mas a potência utilizada ser de apenas 90 mil kW. Isso porque é "vítima" das mudanças climáticas, o que interfere diretamente na eficiência. Da localidade, na época de concessão, foram retiradas mais de mil pessoas, boa parte delas só conseguiu indenização 12 anos depois.

Por outro lado, conforme informações de Furnas, empresa responsável por tocar a usina e que detém 70% da participação no empreendimento, para mitigar e compensar as alterações provocadas pela implantação e operação foram implementados 21 programas ambientais, entre os quais os de monitoramento hidrológico, da ictiofauna e limnológico e da qualidade da água e os de manejo e conservação da fauna.

Além do mais, Manso gera receita para os municípios próximos, para o Estado e à União, com o pagamento da Compensação Financeira pela Utilização de Recursos Hídricos, os royalties da água. Em 2013, foram pagos R$ 3,3 milhões em royalties. Deste total, R$ 1,3 milhão foi arrecadado pelos municípios Chapada dos Guimarães e Nova Brasilândia e mesmo valor pela administração estadual.

Rodinei Crescêncio/Rdnews

usina manso2

Barragem da hidrelétrica de Manso é constituída de 3.680 metros, a maior parte em solo compactado, e conta com 4 comportas e cuja vazão de 2.990 m3/s cada

Furnas aponta também que a usina de Manso está produzindo 200 MW - energia para cerca de 300 mil pessoas. UHE tem reservatório com área de 427 km². Hoje, encontra-se na elevação de 286,61 metros, o que representa um volume útil de 99,8%, ou seja, praticamente cheio. O nível do reservatório e o volume armazenado são definidos pela ONG Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), que opera o conjunto de reservatórios brasileiros de forma integrada, com objetivo de assegurar a segurança energética a menores custos. 

A barragem da hidrelétrica possui 3.680 metros, a maior parte em solo compactado. O reservatório tem bacia hidrográfica de 9.365 km², área inundada 427 km². A tomada d’água é do tipo gravidade, com comprimento de 45 metros, tendo 4 comportas. A vazão é de 2.990 m3/s, por 3 comportas.

Galeria de Fotos

Credito: Rodinei Crescêncio/Rdnews
Credito: Rodinei Crescêncio/Rdnews
Credito: Rodinei Crescêncio/Rdnews
Credito: Rodinei Crescêncio/Rdnews
Credito: Rodinei Crescêncio/Rdnews
Credito: Rodinei Crescêncio/Rdnews
Credito: Rodinei Crescêncio/Rdnews
Credito: Rodinei Crescêncio/Rdnews
Credito: Rodinei Crescêncio/Rdnews
Credito: Rodinei Crescêncio/Rdnews
Credito: Rodinei Crescêncio/Rdnews
Credito:
Credito:
Credito:
Credito:
Credito:
Credito: Rodinei Crescêncio/Rdnews
Credito: Rodinei Crescêncio/Rdnews
Credito: Rodinei Crescêncio/Rdnews
Credito: Rodinei Crescêncio/Rdnews
Credito: Rodinei Crescêncio/Rdnews
Credito: Rodinei Crescêncio/Rdnews
Credito: Rodinei Crescêncio/Rdnews
Credito: Rodinei Crescêncio/Rdnews
Credito: Rodinei Crescêncio/Rdnews
Credito: Rodinei Crescêncio/Rdnews

Salgadinhos sim; caminhão pipa, não

humberto bolinha 400 curtinha   Em Guiratinga, o prefeito Humberto Domingos, o Bolinha (foto), resolveu homologar na última segunda, 1º de junho, processo licitatório para contratar uma empresa com vistas a fornecer salgadinhos nas 11 secretarias municipais. Vão ser gastos com salgados R$ 21,7 mil. No mesmo dia, Bolinha...

Nepotismo e demissão na gestão Pátio

leandro junqueira 400   Acuado pela notificação recomendatória do Ministério Público Estadual, o prefeito de Rondonópolis, Zé do Pátio, não teve outra saída senão exonerar a servidora Renata Castilho Moreno do cargo comissionado de gerente do Departamento de Engenharia e...

Candidatíssima à vereadora em Cuiabá

gisele almeida 400 curtinha   A apresentadora de TV, Gisele Almeida (foto), vai mesmo encarar o teste das urnas como candidata à vereadora em Cuiabá. Irmã do ex-vereador, ex-deputado e hoje conselheiro afastado do TCE, Sérgio Ricardo, ela não perde tempo nas articulações. Recentemente, recebeu no...

Quebra-cabeça para definir a chapa

eduardo botelho 400 curtinha   Eduardo Botelho (foto) está postergando ao máximo a definição dos nomes de sua chapa ao comando da Mesa Diretora. A eleição já acontece no dia 10, na próxima semana. Como 12 dos 24 deputados brigam por espaço, o presidente da Assembleia sabe que, ao final,...

Secretário terá de explicar contrato

alex vieira 400 curtinha   O secretário de Educação de Cuiabá, Alex Vieira (foto), tem dois dias para apresentar defesa ao TCE sobre uma representação da empresa F. M Paragas, propriedade de Fernando Marcelo, que apontou supostas irregularidades na contratação, por dispensa de...

Presidente da OAB e péssimo exemplo

leonardo campos 400 curtinha   Continua repercutindo muito mal, inclusive em âmbito nacional, o escândalo em que se envolveu Leonardo Campos, o Léo Capataz (foto), que acabou se afastando da presidência da OAB-MT. Deu um péssimo exemplo à sociedade. Ele foi parar na Delegacia, na semana passada, sob...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você conhece alguém próximo que foi infectado pelo coronavírus?

sim

não

em dúvida

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.