Só 13% do esgoto de VG é tratado


Reportagem Especial

Davi Valle

lUCINEI - vg

Lucinei da Silva Monteiro reclama da falta de saneamento em Várzea Grande

Lucinei da Silva Monteiro, 42 anos, moradora do bairro Maringá I, em Várzea Grande, não sabe, mas a cidade em que vive ocupa a 93ª posição no ranking que avalia os serviços de saneamento básicos prestados nos 100 maiores municípios brasileiros. O que a dona de casa várzea-grandense sabe, no entanto, é o que ocorre em sua residência e nas dos vizinhos quando chove: o esgoto, sem tratamento adequado, invade os pisos, trazendo lixo, mau cheiro e até mesmo animais mortos.

Os dados sobre a situação do saneamento nas maiores cidades do país são do Instituto Trata Brasil, com base no Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento (SNIS). De acordo com o levantamento, apenas 13% da população de Várzea Grande dispõe de atendimento em coleta e tratamento de esgoto.

Mário Okamura

SANEAMENTO-VG

Várzea Grande é a segunda maior cidade de MT, mas não consegue oferecer saneamento à população

Nos bairros mais periféricos da região do Cristo Rei, o cenário é de completo abandono. Em vias sem asfalto, valetas servem de passagem para água de cor escura, cujo odor é perceptível a vários metros de distância. É assim na Rua Papa João XXIII, onde Lucinei Monteiro vive. “Nós passamos álcool no corpo depois que tomamos banho porque parece que nunca estamos limpos. Eu vivo com bicheira no pé, acho que é por causa dos bichos que entram dentro de casa”, relata a moradora.

À reportagem do Rdnews, acompanhada de dois vizinhos, um deles idoso, Arnaldo Martins, de 63 anos, Lucinei suplicou por ajuda, inclusive a divina. “Tem que pedir para Deus para gente não ficar doente porque não tem médico no posto de saúde aqui do bairro. Alguém precisa fazer alguma coisa”, desabafou.

Davi Valle

Arnaldo - morador-VG

Morador Arnaldo Martins reclama da falta de infraestrutura em Várzea Grande

Além das péssimas condições de saneamento, ainda falta água no Maringá I, problema que assola os várzea-grandenses há incontáveis anos. Em algumas regiões da cidade, como a do Parque do Lago, também no Cristo Rei, chega a faltar água por sete dias consecutivos. Mãe de três filhos, a comerciante Laurinda Alves de Souza, 43 anos, afirma já ter se habituado ao fato de ver sair água das torneiras somente em dias alternados. “A gente liga lá e reclama, daí eles mandam um pouco, às vezes”, conta.

A Prefeitura de Várzea Grande contabiliza, do total de 100 mil ligações domiciliares, que apenas 75 mil são “oficiais”. O restante, cerca de 25 mil, são clandestinas. Várzea Grande possui mais de 252 mil habitantes. O caos poderia ser reduzido se os atuais 70% do total de água tratada pelo Departamento de Água e Esgoto (DAE) não fossem desperdiçados pelos vazamentos nas redes ocasionados pelo material de péssima qualidade, já deteriorado pelo tempo.

Expectativa

Mais de R$ 300 milhões estão garantidos pelo governo federal, por meio do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), para a cidade. É o que garante o secretário municipal de Viação, Obras e Urbanismo, Gonçalo Aparecido de Barros. Um investimento de R$ 85 milhões desse montante será destinado à água e cerca de R$ 84 milhões propiciarão 60% de esgoto. Do valor total, a ordem de R$ 164 milhões irá para o Cristo Rei. “Conforme a Caixa Econômica e o Ministério das Cidades forem liberando, já vamos fazendo. No fim deste mês, já deve chegar em média R$ 60 milhões”, afirma.

Ele, contudo, adianta que não há tempo hábil para que, ainda na gestão de Walace Guimarães (PMDB), todos os problemas sejam sanados. “Não dá. O município não foi planejado. Vamos ter que consertar o que foi mal feito no passado. Não podemos esconder as mazelas. Foi gestor atrás de gestor e nada acontecia para mudar. Foi um estelionato eleitoral o que fizeram”, avalia Barros.

O abandono e o desmando, contudo, não são exclusividade da segunda maior cidade de Mato Grosso. Segundo o SNIS, menos de 50% da população brasileira tem atendimento em coleta de esgoto e aproximadamente 20% ainda não possui água potável em casa.

Galeria de Fotos

Credito: Jardim Maringá (VG) - Davi Valle
Credito: Jardim Maringá (VG) - Davi Valle
Credito: Jardim Maringá (VG) - Davi Valle
Credito: Jardim Maringá (VG) - Davi Valle
Credito: Jardim Maringá (VG) - Davi Valle
Credito: Jardim Maringá (VG) - Davi Valle
Credito: Jardim Maringá (VG) - Davi Valle
Credito: Cohab Santa Clara (VG) - Davi Valle
Credito: Cohab Santa Clara (VG) - Davi Valle
Credito: Cohab Santa Clara (VG) - Davi Valle
Credito: Cohab Santa Clara (VG) - Davi Valle
Credito: Cohab Santa Clara (VG) - Davi Valle
Credito: Cohab Santa Clara (VG) - Davi Valle
Credito: Cohab Santa Clara (VG) - Davi Valle
Credito: Cohab Santa Clara (VG) - Davi Valle

Luta de Misael e asfalto no Despraiado

misael galvao curtinha 400   O presidente da Câmara da Capital, Misael Galvão (foto), está comemorando uma vitória suada: a retomada das obras de pavimentação em toda extensão das ruas Afonso Pena e Oswaldo Correa, no bairro Despraiado. Ele fez várias indicações para...

Deputado reforça equipe com Nego

nego ramos 400 curtinha   Com larga experiência na política, Valdeny dos Santos Ramos, o popular Nego Ramos (foto), agora reforça a equipe do deputado Emanuelzinho, que, aos 25 anos hoje, é o terceiro federal mais jovem do país, e foi o terceiro mais votado nas urnas de 2018, em Mato Grosso, com 76.781 votos....

Irmão de prefeito não deporá à CPI

francisco faiad 400 curtinha   Por meio de seu advogado Francisco Faiad (foto), Marco Polo de Freitas Pinheiro, o Popó, dono do instituto de pesquisa Mark e irmão do prefeito Emanuel Pinheiro, comunicou oficialmente hoje à CPI do Paletó, da Câmara da Capital, que não irá prestar depoimento nesta...

Nome reserva e vulnerável para IFMT

adriano 400 curtinha   O grupo do reitor Willian de Paula deve consolidar como candidato ao comando do Instituto Federal de Mato Grosso o professor Julio Santos, diretor do Campus de Alta Floresta. A eleição acontece em novembro. Mas há um candidato reserva da cúpula situacionista. Trata-se de Adriano Breunig (foto), que...

Prefeito e sobrepreço em álcool gel

gustavo melo 400 curtinha   O prefeito de Alto Araguaia, Gustavo de Melo (foto), e sua secretária de Saúde, Manoela Nunes, têm cinco dias para apresentar defesa prévia ao TCE sobre uma denúncia de superfaturamento na compra de materiais de higienização destinados à prevenção do...

Procon decide fazer audiências virtuais

rosamaria 400 curtinha   Por causa da pandemia, que levou à suspensão dos serviços presenciais, a secretária estadual Rosamaria Ferreira (foto), de Assistência Social e Cidadania, e o adjunto de Proteção e Defesa dos Direitos do Consumidor, Edmundo da Silva Taques, decidiram que agora o Procon-MT...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você conhece alguém próximo que foi infectado pelo coronavírus?

sim

não

em dúvida

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.