Últimas

Domingo, 11 de Outubro de 2009, 11h:32 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:24

CÂMARA DE CUIABÁ

11 vereadores extrapolam gastos com verba indenizatória

   Néviton Fagundes é um dos 11 vereadores que apresentaram planilha de gastos com verba indenizatória em setembro. Ele extrapolou o teto máximo de R$ 9 mil. Ele gastou R$ 9.097. Faltam apresentar os dados oito parlamentares . O vereador do PRTB pediu reembolso de R$ 5 mil por serviços jornalísticos prestados pela Independente Eventos e Jornalismo. Preocupado com a constitucionalidade de seus projetos pagou outros R$ 2 mil à advogada Rosane Costa Itacaramby. Néviton gastou ainda, como parte da indenizatória do mês passado, R$ 2 mil com combustível e R$ 97 com fotocópicas de documentos.

  O petista Lúdio Cabral está na outra ponta da lista. Até agora é o que menos gastou. Segundo o balancete apresentado pelo parlamentar, foram usados R$ 7 mil dos R$ 9 mil a que tem direito. Destinou R$ 1,6 mil à compra de combustível nos postos Lídergás e Dimi Comércio de Combustível. Também precisou trocar os pneus do veículo oficial e pagou R$ 320 pelos serviços e comprou um retrovisor, por R$ 95, na Auto Peças Amigão. Lúdio gastou R$ 251,30 com fotocópias e R$ 4,7 mil no pagamento de consultoria jurídica prestada por Tiaraju Thostenberg de Andrade.

   O peemedebista Lutero Ponce, acusado de causar um rombo superior a R$ 7,5 milhões no Legislativo cuiabano, gastou R$ 8,6 mil. Entre as despesas listadas está R$ 2,5 mil com combustível pagos aos postos Araújo Petróleo, Metropolitano Combustível e Demeneghi. O ex-presidente da Câmara gastou ainda R$ 600 numa loja de auto peças e R$ 480 numa retífica. As duas empresas são propriedade de Francisco José Neto. A maior fatura paga por Lutero foi de R$ 5 mil a Atila Pedroso de Jesus, que prestou serviços de assessoria contábil.

  Domingos Sávio (PMDB), por sua vez, gastou R$ 1,6 mil com os Correios, R$ 2,5 mil com assessoria jurídica prestada por Serrano Moraes e outros R$ 2,8 mil à Ícone Comunicação Integrada, que cuida da sua imagem. O peemedebista apresentou também duas faturas de combustível pagas ao Posto Fernando Correa e Santa Marta, que totalizam R$ 2 mil. No geral, Sávio "torrou" R$ 8,9 mil.

    O novato Totó César (PRTB), que virou titular com a cassação de Ralf Leite, gastou R$ 8,8 mil. Usou R$ 2,2 mil na compra de combustível e troca de óleo. Pagou outros R$ 1,3 mil ao assessor de imprensa Márcio Mauro Castilho e R$ 700 à diagramadora Sônia dos Santos Feitosa. Destinou outros R$ 1,6 mil para a confecção de folhetos informativos e R$ 3 mil para o pagamento do assessor jurídico Joerverton Silva de Jesus.

  O republicano Chico 2000 apresentou balancete com gastos de R$ 8,9 mil. Entre as maiores despesas estão pagamento de R$ 5 mil à advogada Jussianey Vieira Vasconcelos, R$ 2 mil com combustível e R$ 1,5 mil com serviços de consultoria em informática. Everton Pop (PP) apresentou faturas de R$ 8,8 mil, sendo R$ 2,4 mil com combustível e R$ 4,2 mil com o assessor de imprensa Alexandre Almeida e com a LCR Santos, Assessoria de Marketing.

Todos gastos dos parlamentares estão disponíveis no site da Câmara - confira mais aqui

  O vereador Ivan Evangelista (PPS) quer reembolso de R$ 8,9 mil. Apresentou como maiores gastos R$ 2,5 mil com combustível, R$ 2,9 mil pagos a assessores jurídicos e R$ 2,5 ao assessor de imprensa Valdeque Ribeiro Matos. Júlio Pinheiro, que substitui Clovito Hugueney (PTB), usou R$ 8,9 mil de sua verba indenizatória. Entre locação de veículos e combustível foram R$ 3,6 mil. Leve Levi (PP) gastou R$ 8,9 mil dos R$ 9 mil da indenizatória em setembro. Os maiores gastos foram com folhetos (R$ 2,5 mil) e com assessoria contábil (R$ 2,1 mil). Já o pedetista Toninho de Souza pagou R$ 3,5 mil ao assessor jurídico Plínio José Neto e outros R$ 2,5 mil ao assessor de imprensa Luiz dos Santos.

  Ainda não apresentaram a prestação de contas de setembro o presidente da Casa, Deucimar Silva (PP), Lueci Ramos, Roosivelt Coelho, Antônio Fernandes, Paulo Borges, todos do PSDB, Sérgio Cintra (PDT), Francisco Vuolo, e Washington Barbosa (PRB). (Patrícia Sanches)

Postar um novo comentário

Comentários (7)

  • maria josé | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • jotinha | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Mas que farra com o dinheiro do contribuinte.
    Esta verba não deveria existir.

  • Nho só | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • Milton Ribeiro | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Fazer politica em um País cheio de vicios não é fácil!
    No passado acostumaram mal a população!
    Assistencialismo aos poucos está deixando de existir, mas o custo de ser parlamentar é alto!

  • LEANDRO HADDAD | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Sobre o chico 2000, Jussianey Vieira Vasconcelos, nao é advogada e sim advogado, inclusive é FILHO do sr. vereador, ta claro que o vereador esta usando a verba indenizatória em favor de si próprio. Por favor Rd news. Apure.
    Grato,

  • Sebastião Rodrigues de Souza | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Será que este blog poderia pedir ao vereador néviton que publicasse o parecer jurídico elaborado pela advogada por ele contratada? e qual o material jornalistico de fato foi produzido? Nesse pau tem mel. É só verificar.

  • Gerson | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Gostaria de parabenizar a RDNews pela reportagem, principalmente pelo anexo onde temos condições de verificar os gastos de todos os vereadores.

    E ao mesmo tempo parabenizar meu vereador Rusivel Coelho pela sua atuação e por não utilizar essa verba.

    Até agora tenho orgulho desse voto.

Paisagista, aliança com Pátio e a AL

claudio paisagista 400   Claudio Ferreira, o Paisagista (foto), está tão empolgado com a votação para prefeito de Rondonópolis no ano passado que pretende encarar outro teste das urnas, agora para deputado estadual, em 2022. Pelo DC, ele tentou a sucessão municipal e chegou a 17.498 votos, ficando...

90 novas UTIs só neste ano em MT

mauro mendes 400 curtinha   Mauro Mendes (foto) disse que o governo estadual tem se empenhado ao máximo na luta pelo combate ao novo coronavírus. E enfatiza que somente neste início de ano, o Estado já habilitou 90 novos leitos de UTI para atender casos graves de Covid-19. Entre janeiro e março, foram abertos...

Apelo dramático da Santa Casa de ROO

bianca talita 400 santa casa roo   A superintendente da Santa Casa de Rondonópolis, Bianca Talita (foto), fez um apelo dramático nesta terça, num grupo de WhatsApp, esperando sensibilizar o prefeito Zé do Pátio a repassar com urgência os recursos que estão repressados no Fundo Municipal de...

Emendas para todos os 24 deputados

Max 400 curtinha   O presidente da Assembleia, Max Russi (foto), em visita ao Grupo Rdnews, quando concedeu entrevista ao portal e à tv web Rdtv, defendeu as emendas impositivas, que são indicadas pelos deputados e pagas pelo governo, via orçamento. Lembra que são instrumentos importantes para fazer com que obras e...

Deputado defende cultos com até 600

sebastiao rezende 400   Num momento em que a segunda onda de contaminação pelo novo coronavírus avança em MT, levando o governo a retomar medidas restritivas para evitar colapso, já que cerca de 90% das UTIs estão lotadas, o deputado Sebastião Rezende (foto), da Igreja Assembleia de Deus, teve a...

"Batida" em apresentador por engano

ricardo martins 400   Durante a dupla operação deflagrada pela PF nesta terça em alguns municípios de MT, entre eles Cuiabá, agentes federais, por um equívoco no cumprimento de mandados, acabou batendo na porta do ex-apresentador da TV Cidade Verde e hoje na TV Mato Grosso, Ricardo Martins (foto), que...