Últimas

Domingo, 31 de Agosto de 2008, 11h:26 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:21

DADOS

13 institutos regionais realizam pesquisas em MT

Cada um tem lá suas ligações políticas e empresariais, mas todos garantem que atuam com seriedade e sem "maquiar" os números

  Neste período de campanha eleitoral ao menos 13 institutos de pesquisa de Mato Grosso estão a campo. Eles fecham contratos com grupos políticos e candidatos, travam uma verdadeira guerra nos bastidores e se propõem a divulgar resultado das amostragens com a intenção de consolidar espaço no mercado e difundir o trabalho. Cada um tem lá suas ligações políticas ou empresariais. Todos garantem que, independente disso, agem com seriedade, sem "maquiar" os números.

   A Vetor Pesquisas, por exemplo, é da socióloga Miriam Braga, contratada há seis anos para atender ao governador Blairo Maggi, principal "estrela" do recém-criado PR. Seu trabalho mais forte neste processo eleitoral está em Cuiabá. Monitora o desempenho nas intenções de voto e na qualitativa do candidato republicano, empresário Mauro Mendes. A Voice Pesquisas é do casal Ramon Monteagudo e Fabiana. Ele é jornalista, foi secretário de Imprensa da Assembléia Legislativa numa das gestões do deputado José Riva e ainda presta consultoria ao parlamentar que a partir de fevereiro do próximo ano reassume, pela quarta vez, a presidência da AL.

   O Prodata, que estabeleceu parceria com o jornal Folha do Estado, pertence a Maurício Munhoz, assessor e consultor do PP. Ele participa da equipe do candidato a prefeito da Capital, ex-deputado Walter Rabello. A KGM tem como sócios o jornalista Kleber Lima e o publicitário Geraldo Gonçalves. Ambos atuaram no primeiro mandato do governo Blairo Maggi. Geraldo foi secretário de Comunicação e, Kleber, adjunto. Neste pleito, ambos conduzem algumas campanhas rumo à prefeitura, entre elas em Pontes e Lacerda, com o prefeito Newton Miotto; e em Sinop, com o peemedebista Juarez Costa.

  O Ipec pertence a João Albert, que tem parceria com o jornal Diário de Cuiabá. Ele lançou agora o Instituto Quality, cujos dados são divulgados no programa Ponto de Vista, da TV Rondon (Rede TV!). O instituto Mark tem como sócios-proprietários o casal Bárbara e Marco Polo de Freitas Pinheiro, que é irmão do ex-deputado estadual Emanuel Pinheiro, atual secretário-geral da Executiva Estadual do PR. O casal presta consultoria, atua no ramo de projetos há 15 anos e, com pesquisas, já há uma década. Os números da Mark são divulgados pelo RDNews.

  O Gazeta Dados, há mais de uma década no mercado, pertence ao Grupo Gazeta de Comunicação, do diretor-superintendente João Dorileo Leal. O trabalho de campo é conduzido por Guilherme Muller, ex-secretário de Estado no governo Dante de Oliveira e que hoje atua no comando da pasta de Planejamento, Orçamento e Gestão do prefeito tucano Wilson Santos.

(1º/9 - às 9h30) - Não estamos nesse saco, diz Elson

   O empresário Elson Jacinto da Silva, proprietário do Instituto Quality, afirma que João Albert não tem a ver com sua empresa, com sede na Carmindo de Campos, em Cuiabá. Explica que a Quality entrou no mercado de pesquisas este ano e que já atua com consultoria há mais de 10 anos. "Não temos ligação com políticos e nem com empresários. A Quality é um instituto sério e nós mesmos bancamos o custo das pesquisas. Então, não estamos nesse saco dos outros institutos", enfatizou Elson Jacinto. Ele assegura que sua empresa dispõe de boa estrutura, realiza trabalho sério e assegura estar completamente desvinculado do dono do Ipec. Dessa forma, houve equívoco do RDNews em vincular a Quality a João Albert.

Postar um novo comentário

Comentários (11)

  • João Verdadeiro | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Depois o Procurador Mauro diz que são pesquisas compradas e o pessoal acha ruim.
    Um bando de institutos comprometidos!!!

  • joao lara | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Romilson. gosto de acompanhar as matérias veiculadas em seu blog. estou relendo os comentários desta materia hoje, dia 24 de janeiro de 2009.

    Portanto, vários meses após o anúncio oficial das eleiçoes da capital.

    Gostaria de lembrar a todos os internautas que opinaram na época sobre esta matéria que, o único instituto de pesquisa que acertou no resultado das eleiçoes de primeiro e segundo turno em cuiaba foi o IPEC do jornalista Joao Albert.

    Senão vejamos: no primeiro turno o único instituto de pesquisas que acertou foi o IPEC pois a projeção feito pelo instituto do prineiro ao quinto colocado nao ultrapassou a margem de 3%, seguindo rigorasamente a colocação dos candidatos de acordo com o resultado oficial. Neste primeiro turno, institutos como o Gazeta Dados, IBOPE, Folha Pesquisa e Mark Freitas em alguns dos resultados passaram da margem de erro que é de 3%.

    No segundo turno o IPEC projetou um resultado com uma diferença de apenas 0,7%, o Gazeta Dados com menos de 0,5% e o IBOPE apontou uma diferença de mais de l,5%.

    Portanto, sejamos JUSTOS. Nos dois turno o único que acertou foi o IPEC e no segundo turno acertaram apenas o IPEC, IBOPE E GAZETA DADOS. Erraram feio os institutos FOLHA PESQUISA E MARCK FREITAS.

    O TEMPO É O SENHOR DA RAZÃO

  • MAURO CID | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O norte de Mato Grosso,especialmente Sinop,Sorriso,Alta Floresta,é atendido por um instituto - Real Dados - que possui excelente metodologia e seriedade em seu conteúdo de amostragem.Só para registro e complemento da matéria.

  • Luiz A. Gomes | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Pelo visto nenhum apresenta assumiu e referendou o código de ética da CIC/Esomar.
    Pelas estorias vista e lidas e os famosos calculos amostrais indicam que a maioria é simples condador de voto.

  • Daniela de Souza Maia | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    oi Romilson ainda bem que vc tirou aquela pesquisa aberração do site, pois ela estava às claras que era uma farsa só. Parabéns por ter atendido os seus fiéis acompanhantes do site. Infelizmente vc não tem culpa por confiar no trabalho desses institutos vendáveis.Até a próxima.

  • Anônimo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Fui visitar santo antonio do leverger, fiquei abismada com o acontecimento aqui, não almoçei por falta de agua para fazer o almoço. Olha lembrei- me, quando era criança que tinha que pegar no rio trazendo agua na cabeça, aqui não mudou nada que vergonha falta de administração, kd o poder público aonde está? com a idade que estou a cidade continua sem água,

  • terezinha | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    deois dessa ainda querem q eu acredite em pesquisa? conversa pra boi dormir me engana q eu goeto ta?

  • Ana Maria | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Para os incredulos, vai aí uma verdade incontestável: eleição tem dia e hora pra acontecer. E, depois dela vai-se ver quem tem compromisso com a verdade. O resto é balela. Mas esse povo que fica o tempo todo dizendo que todo mundo mente, bem que podia ser obrigado a dizer, eu errei!

  • WALKIRIA | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    TODA FARMÁCIA DEVERIA TER UM FARMACEUTICO FORMADO . TODA ESCOLA DEVERIA TER A ASSISTENCIA DE UMA NUTRICIONISTA. Toda escola deveria ter um psicólogo para orientar e dar assistencia psicólogica as crianças aos joves e a seus famíliares.TODA ESCOLA DEVERIA TER AULA DE EDUCAÇÃO FISICA (ESPORTES) MUSICA, ARTES. iSTO É gerar empregos, BASTA TER VONTADE POLÍTICA E RESPONSABILIDADE COM A CIDADANIA PLENA E DE DIREITO. Simples não? porque nao levam isto a sério e ficam no blá, blá....

  • Cristina | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Parabens pela materia Romilson, agora entendo a manchete da Gazeta falando em 40% do Wilson Santos na campanha. Como confiar num instituto coordenado pelo secretário de planejamento do Wilson Santos, o maior interessado nos números. Esse tipo de coisa influencia votos.

Apelo dramático da Santa Casa de ROO

bianca talita 400 santa casa roo   A superintendente da Santa Casa de Rondonópolis, Bianca Talita (foto), fez um apelo dramático nesta terça, num grupo de WhatsApp, esperando sensibilizar o prefeito Zé do Pátio a repassar com urgência os recursos que estão repressados no Fundo Municipal de...

Emendas para todos os 24 deputados

Max 400 curtinha   O presidente da Assembleia, Max Russi (foto), em visita ao Grupo Rdnews, quando concedeu entrevista ao portal e à tv web Rdtv, defendeu as emendas impositivas, que são indicadas pelos deputados e pagas pelo governo, via orçamento. Lembra que são instrumentos importantes para fazer com que obras e...

Deputado defende cultos com até 600

sebastiao rezende 400   Num momento em que a segunda onda de contaminação pelo novo coronavírus avança em MT, levando o governo a retomar medidas restritivas para evitar colapso, já que cerca de 90% das UTIs estão lotadas, o deputado Sebastião Rezende (foto), da Igreja Assembleia de Deus, teve a...

"Batida" em apresentador por engano

ricardo martins 400   Durante a dupla operação deflagrada pela PF nesta terça em alguns municípios de MT, entre eles Cuiabá, agentes federais, por um equívoco no cumprimento de mandados, acabou batendo na porta do apresentador da TV Cidade Verde, Ricardo Martins (foto), que não tem a ver com o caso....

Paccola é cotado para diretor-geral

gianmarco paccola 400   O discreto e atuante delegado Gianmarco Paccola (foto), hoje diretor-geral-adjunto da Civil, já desponta nos bastidores como nome preferencial do Palácio Paiaguás para eventual substituição a Mário Demerval, que deve mesmo deixar o posto de diretor-geral para disputar as...

Luta pra isentar parte dos aposentados

eduardo botelho 400 curtinha   Primeiro-secretário da Assembleia, Eduardo Botelho (foto) disse que foi criada espécie de força-tarefa dos deputados para fechar um acordo com o governo, de modo a ajudar aposentados e pensionistas e portadores de doenças raras para isenção do pagamento da alíquota da...

MAIS LIDAS