Últimas

Domingo, 12 de Julho de 2009, 17h:19 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:23

CRIME AMBIENTAL

150 galos de briga são apreendidos; 7 pessoas vão presas

  Se registra de tudo neste Estado de nome Mato Grosso, com seus 906.069 km2, 141 municípios, cerca de 3,2 milhões de habitantes e a menor densidade demográfica da região Centro-Oeste (3,2 habitantes por km2). Neste domingo, um episódio que chamou atenção em Cuiabá foi a apreensão de 150 galos de briga. Eles já estavam prontos para os confrontos, com direito a dezenas de torcedores. Ao invés de proteger os animais e outros seres da natureza, muitos serem humanos fazem o contrário.

   Os galos foram apreendidos pela Delegacia Especializada do Meio Ambiente (Dema) no bairro Pedra 90. Sete pessoas foram detidas e conduzidas à Delegacia. Foram autuadas por crime de maus tratos de animais. São elas: Renato Maria Barreto, que alugava a chácara; o casal Elza de Oliveira Branco e Jose Branco Filho (donos da chácara); Alceu Sardi, Mário Hélio Salgado, Carlos Alberto Ferreira Lima e José Claudionor Bittencourt. O imóvel era alugado por R$ 100 para realização de lutas. Na lista de detidos estão não só a dona da chácara e os responsáveis pelos galos, mas também o organizador das lutas e apostadores. A polícia realizou perícia e fechou o local.

   A fiscalização flagrou os galos sendo preparados para brigas. Eles já estavam na arena que funcionava montada dentro da chácara, na região do Cinturão Verde do Pedra 90. Mais de 50 pessoas estavam reunidas para assistir as lutas entre galos. Os animais foram encontrados em minúsculas gaiolas, desprovidos de qualquer cuidado. O delegado titular da Dema, Roberto Amorim, explica que os galos foram levados para o zoológico da UFMT. Os detidos vão responder termo circunstanciado de ocorrência (TCO) de maus tratos de animais, previsto na lei de Crimes Ambientais. “Eles estavam praticando abuso de animais, provocando ferimentos nos bichos”.

   Na chácara, foram encontradas até tabelas de preço das apostas, de marcação, balança de pesagem e uma arena para as lutas. O delegado observa que, de fato, o local era apropriado para as brigas, configurando prática de maus tratos de animais.

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • silvia | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Porque so prendem os senhores desconhecidos do Pedra 90, Atrás do Motel Status existe uma rinha de briga de Galo, já foi notícia até no jornal nacional, lá nimguem e importunado pela Delegacia de Meio ambiente. Porque? Os frequentadores são os poderosos. Politicos etc.

  • Ronaldo Azevedo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • joao | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    galo de briga foi feito pra brigar...
    galo índio só sabe brigar. Se vc o coloca dois galos índio em algum terreno eles vao brigar até a morte. Diferente de outras raças.
    Agora q mal tem vc assistir a briga????
    Tem q legalizar a briga de galo no Brasil..

  • luciana beatriz de arruda fonseca | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    essa matéria demonstra claramente o absurdo da contradição existente na área ambiental de mato grosso. enquanto a corrupçaõ assola a sema, o secretário deita e rola com sua turma, com claras evidências de enriquecimento ilicito, a delegacia do meio ambiente, a serviço do mesmo secretário, prende meia dúzia de desempregados que estavam praticando a rinha de galo. sou contra o uso de animais para práticas como esta, no entanto, a lei deveria ser igual para todos, e os crimes ambientais mais graves, que acontecem dentro da própria sema, patrocinadas pelo seu secretário, segue impune, com a conivência da própria delegacia de meio ambiente. Isso é um absurdo!!!

Governo vai ter consultoria hospitalar

gilberto figueiredo 400 curtinha   O governo estadual terá consultoria em assistência hospitalar. O processo de contratação é tocado pela secretaria de Saúde, sob Gilberto Figueiredo (foto). A ideia é buscar melhorar o atendimento à população e os índices de...

Para presidente, BRT é ultrapassado

juca 400 curtinha   Numa sintonia política com o prefeito Emanuel, o novo presidente da Câmara de Cuiabá, vereador Juca do Guaraná (foto), disse ser contra a decisão do governo estadual de "enterrar" o projeto do VLT, cujas obras estão paralisadas desde 2014, para implantar o modal BRT na Região...

Prefeito vai homenagear 2 ex-aliados

ze do patio 400 curtinha   O ex-vereador, ex-deputado estadual e hoje prefeito de Rondonópolis, Zé do Pátio (foto), que está no terceiro mandato, vai homenagear dois aliados que faleceram recentemente, sendo eles o ex-vereador de três mandatos Juary Miranda, que foi líder do Executivo na Câmara...

Maluf deve consultar STF sobre Teis

guilherme maluf 400 curtinha   Assim que retornar de férias, o presidente do Tribunal de Contas do Estado, Guilherme Maluf (foto), dará prosseguimento à análise do pedido de aposentadoria de Waldir Teis, que está afastado do Pleno há três anos e cinco meses, assim como outros três conselheiros...

Novo líder de Pátio na Câmara de ROO

reginaldo santos 400 curtinha   Reginaldo dos Santos (foto), que assume vaga na Câmara de Rondonópolis pela quarta vez, é o novo líder do prefeito Zé do Pátio, com a missão de fazer o trabalho de articulação e defesa do Executivo junto aos colegas do Legislativo. Na legislatura passada,...

Agro sugere Daniella de volta no Indea

daniella bueno 400 indea   Representantes do setor produtivo e um grupo de servidores sugeriram ao governador Mauro o nome da médica-veterinária e servidora de carreira Daniella Bueno (foto) para reassumir a presidência do Indea-MT. Aproveitaram a vulnerabilidade no cargo do presidente Marcos Catão Dornelas, denunciado...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT optou pela implantação do BRT em Cuiabá-VG em detrimento do VLT. O que você acha disso?

Estou de acordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.