Últimas

Terça-Feira, 30 de Janeiro de 2007, 09h:54 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

JUDICIÁRIO

213 ganham supersalários em MT, diz OAB

   Em Mato Grosso, 213 membros do Judiciário ganham supersalários e resistem à determinação do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) para adequação ao teto. Hoje, esses desembargadores e juizes da ativa ou aposentados, além de servidores e viúvas, têm remuneração mensal superior a R$ 24,5 mil, subsídio fixado para ministro do Supremo Tribunal Federal. De acordo com o CNJ, o salário nos Tribunais de Justiça não poderia superar ao teto de R$ 22 mil, já que deve representar 10% a menos do que ganha ministro do STF . "Acho um absurdo o poder estatal, que tem o dever de cumprir e exigir a lei, ser o primeiro a descumprí-la. É lamentável", diz o presidente da OAB-MT, Francisco Faiad.

    Segundo ele, é preciso analisar alguns casos individuais para saber, por exemplo, se a origem que resultou nos ganhos é legal ou não. Para Faiad, o Tribunal de Justiça de Mato Grosso deveria cortar todos os tetos que superam o limite estabelecido. A OAB/MT, pondera Faiad, não teve acesso aos nomes dos integrantes do Judiciário com supersalários.

     Ele entende que a imagem do Judiciário está ruim perante à sociedade de modo geral por causa de situações como essa dos supersalários, de prática de nepotismo e de aumento das custas judiciais de forma indevida. "Isso faz com que muita coisa comece a sair da alçada do Tribunal de Justiça", enfatiza o presidente da OAB/MT, numa referência aos tribunais de arbitragem, à comissão de conciliação e julgamento e a casos de divórcio e separação conjugal que agora podem ser feitos em cartórios. 

     O CNJ decidiu instaurar procedimento para tribunais que ainda não se adequaram ao teto de R$ 24,5 mil na Justiça Federal e de R$ 22,1 mil na Justiça Estadual.  Pelo estudo do Conselho sobre o teto salarial do Judiciário, divulgado em novembro do ano passado, 19 tribunais se encontravam em situação irregular na época. Agora, 14 deles ainda se encontram com pendências, entre eles o de Mato Grosso.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

SD e chapa competitiva pra vereador

aluizio lima 400   Comandado no Estado por Zé do Pátio, prefeito de Rondonópolis, o Solidariedade ganhou novos filiados em Cuiabá e já tem uma lista de 32 pré-candidatos a vereador, numa expectativa de conquistar até quatro cadeiras. Além dos recém-filiados, vereadores Vinicius Hugueney...

MDB diz apostar em Thiago em Roo

thiago silva 400 curtinha   Dirigentes do MDB contestam o registro em nota no Curtinhas, assegurando que a oposição está forte em Rondonópolis e que deve unificar os grupos políticos e derrotar o projeto de reeleição do prefeito Zé do Pátio. Pesquisas internas estão deixando...

Pátio, adversários fracos e reeleição

ze do patio 400 curtinha   O prefeito de Rondonópolis Zé do Pátio (foto), por mais populista, demagogo e com uma gestão avaliada pela maioria como desastrosa, caminha a passos largos para conquista de mais um mandato. Tende a vencer pela lógica do menos pior. Seus virtuais adversários são...

Pode recebe 2 já derrotados em BG

sandro saggin curtinha 400   O Podemos conseguiu juntar em Barra do Garças o grupo de dois já derrotados à prefeitura, Daltinho, que também foi deputado e em 2018 teve votação pífia na tentativa de reeleição, e Sandro Saggin (foto), um "eterno" candidato. Entregue ao ostracismo,...

Câmara de Barra devolve R$ 100 mil

joao rodrigues 400 presidente c�mara barra do gar�as   A Câmara Municipal de Barra do Garças devolveu à prefeitura R$ 100 mil para serem investidos em medidas de combate ao novo coronavírus. O presidente do Legislativo, vereador João Rodrigues de Souza, o doutor...

Auditor assume Secretaria de Controle

demilson nogueira 400   O auditor Newton Gomes Evangelista, servidor de carreira, é o novo secretário de Controle Interno da Assembleia. Ele já respondeu também pela Auditoria-Geral da Casa. Newton assumiu a Controladoria Interna no lugar do ex-prefeito de Ponte Branca, Demilson Nogueira (foto), que deixou o posto...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você concorda com a decisão de prefeitos, que começam a decretar estado de emergência, fechando comércio, serviços públicos e o transporte coletivo?

sim

não

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.