Últimas

Domingo, 25 de Fevereiro de 2007, 02h:46 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

INFRAESTRUTURA

30 consórcios de produtores são interrompidos

Secretário admite problemas, mas nega naufrágio dos projetos de asfaltamento 

    A secretaria de Estado de Infra-Estrutura, sob Vilceu Marchetti (PFL), tem assinado cerca de 30 contratos com consórcios de produtores para construção de rodovias. Todas as obras que deveriam ser viabilizadas a partir dessa parceria estão, porém, paralisadas. Marchetti garante que não houve naufrágio do projeto. Segundo ele, as pavimentações asfálticas foram interrompidas por causa deste período de chuva. A retomada só deve acontecer a partir de maio.

   Já para os produtores, a chuva não chega a ser problema. O entrave está na safra agrícola. Eles desenham cenário de pessimismo. Avisam que só vão reabilitar os projetos de construção de rodovias estaduais para depois explorá-las com a cobrança de pedágios, se saírem da situação de 'quebradeira'. Questionado sobre o assunto, o secretário Marchetti admite as dificuldades para manter o ritmo das obras dos dois primeiros anos do governo Maggi. "A questão dos consórcios depende dos nossos parceiros e não há sinalização positiva nesse sentido".

    A única garantia dada pelo secretário sobre obras em Mato Grosso diz respeito às rodovias federais BRs-158 (Araguaia) e 163 (Cuiabá-Santarém), de cuja execução o governo do Estado participa com contrapartida.

   Vilceu Marchetti disse que o Fundo Estado do Transporte e Habitação (Fethab), que somente no ano passado rendeu aos cofres do Estado R$ 19 milhões, não é suficiente para todas as obras de infra-estrutura. O governo prefere, então, empurrar a pavimentação para os produtores e priorizar a construção de casas populares. Para este ano, a meta é chegar a 10 mil, para totalizar 40 mil unidades ao longo deste segundo mandato da gestão Maggi.

    Marchetti aponta, no entanto, outros entraves. Argumenta, por exemplo, que está havendo queda do Fethab. Em janeiro, por exemplo, que o Fethab arrecadou R$ 14 milhões em janeiro deste ano, contra R$ 19 milhões em igual período de 2006. "Fizemos a previsão orçamentária, mas não sei se tudo vai ser viabilizado", alega o secretário.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Emanuel é quem mais realizou obras

emanuel pinheiro 400 curtinha   Um levantamento da empresa Percent Pesquisa & Consultoria, feita em Cuiabá entre os últimos dias 13 e 14, destaca que, na percepção de 49% dos cuiabanos, o prefeito reeleito Emanuel Pinheiro (foto) foi o que mais fez obras e serviços. Em segundo lugar, com 19,8%, é citado...

Emendas ajudam Unemat de ROO

thiago silva 400 curtinha   Em reunião com o reitor da Unemat, Rodrigo Zanin, e com o pró-reitor Alexandre Porto, o deputado estadual Thiago Silva (foto) tratou da emenda de R$ 1 milhão para manter o curso de direito e abertura do de jornalismo em Rondonópolis neste ano. E, juntos, definiram o modelo de...

Presidente da Ucmmat quer reeleição

edcley lopes ucmmat 400   Reeleito para o sexto mandato e com a maior votação em Vila Bela da Santíssima Trindade, o vereador Edcley Lopes Coelho (foto), que obteve 391 votos pelo Solidariedade, luta agora por outro desafio. Quer se reeleger presidente da Ucmmat, entidade que congrega as câmaras municipais com seus 1.404...

Elisângela conduz Secom da Câmara

elisangela tenorio 400 curtinha   A jornalista Elisângela Tenório (foto) está de volta ao comando da Comunicação Social da Câmara de Cuiabá. Ela ocupou o mesmo cargo na gestão Justino Malheiros, mas, na época, não teve à disposição estrutura para desevolver uma...

Logística em MT pra distribuir vacinas

mauro mendes 400 curtinha   O governo estadual já providenciou toda logística para levar as vacinas anti-Covid-19 aos municípios. O governador Mauro Mendes (foto) destaca que, em princípio, adquiriu 3,5 milhões de seringas. Os lotes de vacinas chegam a MT até a próxima quarta. Seguindo o Plano...

Emanuel no PTB e reeleição do filho

emanuelzinho 400   O PTB está sendo preparado para receber a filiação do prefeito Emanuel Pinheiro, que iniciou o segundo mandato em Cuiabá. Sem ambiente para seguir no MDB, onde passou a enfrentar resistência de toda a bancada do partido na Câmara Federal e na Assembleia, Emanuel recebeu convite de...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT optou pela implantação do BRT em Cuiabá-VG em detrimento do VLT. O que você acha disso?

Estou de acordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.