Últimas

Quarta-Feira, 22 de Abril de 2009, 08h:13 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:22

RUMO A 2010

6 apresentadores fazem pré-campanha; MPE ignora

 Fernando Ordakowski
Clique na imagem para ampliação
Pop, Toninho, Maksuês, Sérgio Ricardo, França e Rabello estão em pré-campanha para deputado estadual

 Os seis principais políticos-apresentadores de TV da Baixada Cuiabana já estão em pré-campanha a deputado estadual. Nas barbas do Ministério Público, eles fazem propaganda extemporânea, explorando ao máximo suas imagens de olho nas urnas. Mostram o que chamam de ações sociais, principalmente os deputados Sérgio Ricardo (PR), na TV Cidade Verde (SBT); e Maksuês Leite (PP) na Record News; e o ex-deputado Walter Rabello (PP) na TV Rondon (Rede TV!). Além dos três que vão tentar cadeira na Assembleia, estão no páreo os vereadores Toninho de Souza (PDT), repórter e apresentador da TV Record Canal 10; Éverton Pop, radialista e apresentador da Cidade Verde; e o ex-prefeito de Cuiabá e deputado Roberto França (sem partido). Com exceção de Rabello, os demais ocupam cargos eletivos.

   Ex-vereador e ex-deputado, Rabello teve o mandato cassado no ano passado por infidelidade partidária (trocou o PMDB pelo PP) e, de quebra, ficou em terceiro lugar na disputa à Prefeitura de Cuiabá. Depois de ser demitido da Cidade Verde, ele conseguiu espaço na TV Rondon, onde apresenta diariamente um programa ao seu estilo populista e demagogo. Ele se prepara para reconquistar cadeira na AL. Maksuês também tenta superar desgaste eleitoral, após desistir da candidatura a prefeito de Várzea Grande e fazer acordo com o então adversário ferrenho Júlio Campos (DEM), que acabou derrotado para o prefeito Murilo Domingos (PR). Agora empresário e arrendatário da Record News, Maksuês usa e abuso do seu programa na mesma emissora na campanha pela reeleição.

   Vereador de primeiro mandato, Toninho se articula com as atenções voltadas à Assembleia. Ele virou político e expõe sua imagem excessivamente na Record, se aproveitando do fato da emissora chegar a praticamente todos os municípios. É com esse trunfo que o pedetista espera marcar posição como futuro candidato a deputado. O também vereador Pop é incentivado a concorrer ao mesmo posto. Quer ocupar espaço na Baixada Cuiabana deixado por Rabello, que caiu no ostracismo após perder a cadeira de deputado. França também "pede" voto em seu programa Resumo do Dia, na TV Rondon.

   Mesmo admitindo que há indícios de propaganda irregular dos apresentadores de TV, promotores de Justiça alegam que qualquer ação no sentido de coibí-los se tornaria inválida, já que não se pode comprovar ainda que tratam-se de candidatos. A fiscalização só teria efeito quando estiver faltando ao menos seis meses para o pleito. Enquanto isso, eles "deitam e rolam".

Postar um novo comentário

Comentários (29)

  • mateus | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    parabéns Fernando, mas por favor diga-me o autor da matéria esqueceu-se de Clóvis Roberto ou foi de propósito e por dó? Fui

  • João Honesto | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Esqueceram de citar o Onofre Ribeiro Junior no Programa do Consumidor, não foi eleito mas com certeza sairá candidato novamente.
    Definitivamente, esses apresentadores candidatos perderam o senso da moral,ética ,decência e dos bons costumes. Também, existe os casos das entrevistas arranjadas para colocar algum candidato em evidência na midia.

  • OLIVEIRA | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Eu, acho que quando um deputado ganha para representá-lo o povo ele tem que ter carater e ir representar a sociedade no legislativo e não ficar fazendo programa de televisão, então não precisaria candidatar para ser apresentador de televisão, isso é uma verdadeira vergonha senhores deputados apresentadores o vai trabaha pelo povo o vai ser só apresentador.

  • Herivelton Silveira | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • Carlos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O POVO TEM Q TER VERGONHA NA CARA, DE TODOS, TEM ESSE POP E TONINHO, GENTE ELES ENTRARAM AGORA, QUAL TRABALHAO PRESTADO COMO VEREADOR P/ A POPULAÇÃO, POVO CUIABANO, SÓ POR QUE É FAMOSO, ACORDA POPULAÇÃO.......

  • Marcos Luiz | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Bom dia, como que MPE vai fazer algo a esses politicos, são todos politicos de nome politicos que tem poder, a nossa realidade aqui em Mato Grosso e muito forte em cuiabá que tem poder pode tudo, pode roubar pode participar de sangue sugas, pode ter processos nas costa e estar na midia, pode ser o que quiser pois ter poder, o MPE só corre atrás de pequenos candidatos que n/ tem poder no estado. e FAZEM VISTA GROSSA COM RELAÇÃO A ESSES CANDIDATOS DA TELEVISÃO E DO RADIO, AGORA N/ SEI POR QUE. VAI VER ELES N/ TEM TELEVISÃO E NEM RADIO. ( SERÁ)

  • Ronaldo Luis Gallio | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Sinceramente o Brasil só vai se tornar um país política e economicante forte e consequentemente muito melhor quando as pessoas se preocuparem mais com a politica do que com o Futebol.

  • benjamin hapicca | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    já pensou como seria melhor para nosso Estado se todos esses políticos citados na matéria não fossem eleitos?
    Ia ser a glória para Mato Grosso se livrar dessa cambada!

  • Carlos Palhares | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    gente o MPE está preocupado em pagar prêmio para seus promotores o povo é que se dane.

  • gomes dias | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    se esqueceram do apresentador
    Eder Morares/ A xaxa da sefaz

EP na batalha por vacinas e insumos

emanuel pinheiro 400 O prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro (foto) entrega nesta segunda (8) PL para a aquisição de vacinas para combate à Covid-19, medicamentos, insumos e equipamentos. O documento foi elaborado pela Frente Nacional dos Prefeitos (FNP) e será votado na Câmara. Esse é mais um movimento...

Fúrio volta à carga contra secretário

celio furio 400 curtinha Depois de se enganar ao abrir investigação contra o secretário de Saúde Gilberto Figueiredo e ter de pedir desculpas, o promotor Célio Fúrio (foto) voltou à carga. Fúrio entrou na Justiça para que Gilberto seja condenado à perda da função...

TJ e posse em cartórios após 7 anos

maria helena _ curtinha O Tribunal de Justiça, sob Maria Helena (foto), marcou para 31 de março a posse coletiva dos aprovados no concurso para os cartórios extrajudiciais de Mato Grosso. O certame vem se arrastando desde 2013 e foi interrompido diversas vezes por causa de recursos judiciais de concorrentes inconformados com os...

Setores vivem tensão e são castigados

Gilberto Figueiredo Artigo O governo acerta ao estender o horários de funcionamento dos supermercados. Afinal, desde que o decreto entrou em vigor, as filas se multiplicaram pela Capital, aumentando o risco de transmissão do novo coronavírus. Há a expectativa de que novas medidas possam ser tomadas diante do evidente colapso da...

Limpeza e obras no entorno da Arena 

Beto 2x1 400 curtinha   Apesar da Arena Pantanal ser um cartão postal do Estado, o entorno do estádio vive situação crítica com lixo nas ruas, episódios de esgoto à céu aberto e matagal. O secretário estadual de Esporte e Cultura, Beto 2 a 1 (foto), em visita ao Rdnews, assegura que os...

VI de R$ 18 mil garantida na Câmara

juca 400 curtinha A verba indenizatória de R$ 18 mil para os vereadores da Câmara de Cuiabá está garantida, pelo menos por enquanto. Depois de diversas ações judiciais, derrubando a alta indenização por gastos do mandato, os vereadores implantaram o benefício novamente em dezembro. O...