Últimas

Sexta-Feira, 19 de Janeiro de 2007, 15h:00 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

LEGISLATIVO

8 federais de MT registram 212 faltas

    Se os 8 deputados federais de MT fossem estudantes, seriam reprovados por falta. As ausências somadas chegam nos últimos quatro anos chegam a 212. Nesta atual legislatura (2003-2007), o que mais faltou foi Wellington Fagundes (PR). Das 146 sessões, ele esteve presente em 84, o que representa 57,5%. Fagundes justificou 52 faltas e outras 10 não tiveram justificativas. Por quatro meses, o deputado esteve licenciado por problemas de saúde. Ele sofreu fraturas na perna ao ser atacado por um boi quando aguardava ser homenageado dentro da arena, durante festa do rodeio em São José do Povo (a 240 km ao Sul de Cuiabá).. 

    Thelma de Oliveira (PSDB) esteve ausente em 69,6% das sessões. Ricarte de Freitas (PTB) faltou a 25% das sessões e, Pedro Henry (PP), 28%. O parlamentar que registrou maior representa entre os 8 mato-grossenses foi Carlos Abicalil (PT). Assinou presença em 133 sessoes, ou seja, em 91,9%. Teve apenas 13 faltas (8,9%).

    No geral, um em cada cinco deputados que estiveram no exercício do mandato na presente legislatura compareceu a menos de 75% das sessões deliberativas. Nesse período, passaram pela Câmara 616 deputados, entre titulares e suplentes. Destes, 118 tiveram 25% ou mais de ausências nas votações realizadas em plenário durante o período em que exerceram o mandato.

Confira abaixo a presença em plenário dos deputados de MT

CARLOS ABICALIL (PT) 
146 sessões - 133 presenças (91,9%) - 13 faltas justificadas (8,9%)
CELCITA PINHEIRO (PFL) 
146 sessões - 122 presenças (83,6%) - 24 faltas justificadas (16,4%)
LINO ROSSI (PP) 
92 sessões - 70 presenças (76,1%) - 22 faltas justificadas (23,9%)
PEDRO HENRY (PP)
146 sessões - 104 presenças (71,2%) - 42 faltas justificadas (28,8%)
RICARTE DE FREITAS (PTB) 
146 sessões - 109 presenças (74,7%) - 37 faltas justificadas (25,3%)
TETÉ BEZERRA (PMDB)
146 sessões - 134 presenças (91,8%) - 7 faltas justificadas (4,8%) - 5 não justificadas (3,4%)
THELMA DE OLIVEIRA (PSDB) 
146 sessões - 102 presenças (69,6%) - 15 faltas justificadas (10,3%) - 29 não justificadas (19,9%)
WELLINGTON FAGUNDES (PL) 
146 sessões - 84 presenças (57,5%) - 52 faltas justificadas (35,6%) - 10 não justificadas (6,8%)
Obs: Licença médica entre agosto e novembro
Média de presença da bancada: 77,05%

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Poconé tem hoje vários "prefeitáveis"

euclides santos 400 curtinha   O ex-vereador e ex-prefeito de dois mandatos de Poconé, Euclides Santos (foto), que era do MDB e agora está no PSDB, vem se movimentando nos bastidores para concorrer novamente à sucessão municipal. Seria um dos nomes de oposição ao prefeito Tatá Amaral, que vai tentar...

Apostas do PTB para vereador em VG

silvio fidelis 400 curtinha   Detentor da segunda maior bancada na Câmara de Várzea Grande, com cinco assentos, atrás somente do DEM da prefeita Lucimar, que conta com sete vereadores, o PTB aposta na hipótese de ao menos manter as cinco vagas. E todos os seus vereadores vão à reeleição, sendo...

Despesas e o uso eleitoreiro de CPI

marcelo bussiki 400 curtinha   Buscando visibilidade pela reeleição em ano eleitoral, alguns vereadores da Capital, vergonhosamente, usaram e abusaram de dinheiro público para promoção pessoal na esteira da CPI do Paletó. A tendência é do relatório paralelo que pede afastamento do...

Sorriso incentiva 40 projetos culturais

ari lafin 400 curtinha   A seis meses de concluir o mandato, o prefeito de Sorriso, Ari Lafin (foto), estabeleceu, dentro do Plano Municipal de Cultura, o "PROMIC - Festival da Cultura 2020" para contemplar 40 projetos cujos valores somam R$ 340 mil, envolvendo artes visuais, artes cênicas, cultura popular, música, audiovisual,...

Quase R$ 2 mi para o Lucas Protegida

binotti 400 curtinha   A Prefeitura de Lucas do Rio Verde, sob Luiz Binotti (foto), contratou, por R$ 1,9 milhão, um consórcio formado pela Rocha Comércio de Equipamentos, que ficará com a maior "fatia" de R$ 1,4 milhão, e a Airplates Tecnologia da Comunicação, com R$ 521,7 mil, para desevolver o...

Silêncio sobre operação e elo com MBL

ulysses moraes 400 curtinha   O deputado de primeiro mandato Ulysses Moraes (foto), que deixou o DC e se filiou ao PSL, coordenador em Mato Grosso do Movimento Brasil Livre (MBL) e chamado por muitos de paladino da moralidade, mesmo sendo bastante ativo nas redes sociais, não usou a internet para comentar a operação da...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Em Cuiabá, o prefeito suspendeu a decisão de implantar rodízio de veículos entre placas pares e ímpares devido à Covid-19. Mas quer debater a ideia. Você concorda com rodízio?

concordo

discordo

tanto faz

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.