Últimas

Sábado, 04 de Agosto de 2007, 07h:18 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:16

Artigo

A magistratura se qualifica

     A Escola Superior da Magistratura de Mato Grosso (Esmagis-MT) realiza no Fórum da Capital, nesta sexta-feira, a aula inaugural do programa de pós-graduação MBA em Poder Judiciário, desenvolvido em convênio com a FGV/RJ. Esse projeto era um sonho de toda a magistratura, que começou a ser pensado na gestão do desembargador Ernani Vieira de Souza. Como presidente da Amam, ele tentou realizar um mestrado com a PUC/SP.
     Infelizmente não foi possível finalizar esse convênio, mas o desembargador Paulo Inácio Dias Lessa teve a sensibilidade de dar continuidade ao projeto associativo de qualificação acadêmica dos magistrados e, assim, a sua administração na Amam prosseguiu nessa luta, agregando o apoio da Escola Nacional da Magistratura (ENM) da Associação dos Magistrados Brasileiro (AMB), já presidida pelo desembargador Luís Felipe Salomão.
     Com o apoio do diretor da ENM foi viabilizada reunião com o departamento de pós-graduação da FGV/RJ, onde o desembargador Paulo Inácio Dias Lessa, então presidente da Amam e já eleito presidente do TJMT, teve a oportunidade de conhecer integralmente o programa de especialização. Na oportunidade, os juízes Melo Serra e Roberto Ayoub, do TJRJ, e os professores Joaquim Falcão e Sidnei Gonzalez, da FGV/RJ, ouviram do desembargador Paulo Inácio Dias Lessa que o MBA em Poder Judiciário era uma luta associativa antiga e fazia parte do planejamento estratégico de sua gestão, sendo certo que, assim que tomasse posse como presidente do TJMT, iria desencadear as providências administrativas para a sua materialização imediata, inicialmente com 45 vagas para magistrados.
     Não custa registrar que a escolha pelo Órgão Especial do TJMT dos nomes dos desembargadores Márcio Vidal, como diretor, e Rui Ramos Ribeiro, vice-diretor, para dirigirem a Esmagis-MT também contribuiu muito para o oferecimento desse curso de capacitação dos magistrados, pois suas experiências acadêmicas trouxeram mais harmonia ao planejamento de implantação, inclusive com as escolhas das disciplinas a serem ministradas.
     O MBA em Poder Judiciário possui cinco objetivos específicos: imprimir maior velocidade à prestação jurisdicional; racionalizar a utilização dos meios administrativos e de recursos humanos postos à disposição dos juízes; valorizar a magistratura perante a sociedade e os demais poderes; aumentar a eficácia das decisões judiciais e criar mecanismos de atualização gerencial permanente no Poder Judiciário.
     É um curso multidisciplinar e vai buscar a formatação de um novo perfil de magistrados, ou seja, magistrados capacitados para julgar e administrar, inclusive com noções de orçamento e estatística judiciais, como se podem observar das quinze disciplinas a serem ministradas nos próximos dezoito meses: gestão e orçamento; juiz e a ética; inovação jurisdicional; estrutura política e administrativa do Poder Judiciário; gestão de serventias judiciárias; comunicação e marketing institucional; macroeconomia; formação de liderança; informatização do Poder Judiciário; contabilidade; estatística; estudos de casos e práticas inovadoras; Judiciário e sociedade; impactos da legislação processual na jurisdição e mediação de conflito.
     Os reflexos dessa preparação serão sentidos em breve, pois irá suprir uma grande lacuna na formação dos magistrados, colocando a Justiça mato-grossense em grau de paridade de qualificação com os Tribunais de Justiça do Rio de Janeiro, Acre, Rio Grande do Sul, Rondônia, Goiás e os Tribunais Regionais Federais da 2ª e da 5ª Região, que já realizaram essa pós-graduação com enorme sucesso e que agora experimentam avanços significativos em seus serviços com a qualificação obtida.
     Com essas valiosas ações associativas e institucionais, estratégicas e contínuas, há de se afirmar com certeza que a magistratura se qualifica em benefício da sociedade.

Antonio Horácio da Silva Neto é presidente da Associação Mato-grossense de Magistrados (Amam)

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Misal é reeleito para o 10º mandato

misael galv�o 400 curtinha   Após dois anos fora do comando do Shopping Popular, período em que respondeu pela presidência da Câmara da Capital, o ex-vereador Misael Galvão (foto) voltou à direção do empreendimento, que abriga 500 lojas. E, sob forte...

Oscarlino, Pros e "nocaute" em Gisela

oscarlino 400   Na queda-de-braço dentro do Pros por espaço político, o ex-sindicalista Oscarlino Alves (foto) nocauteou a ex-superintendente do Procon-MT, Gisela Simona. Ele foi um dos filiados que não aceitaram apoio a Abílio na disputa de segundo turno para prefeito de Cuiabá, se aliou ao projeto de...

Promotor recebe medalha do Exército

Mauro Zaque curtinha   O promotor de Justiça Mauro Zaque (foto) foi condecorado com a medalha do Exército Brasileiro na manhã desta segunda (19), no dia da instituição. A solenidade é considerada a segunda maior do Exército Brasileiro, foi reservada por conta da pandemia e contou com a...

Sema reabre os parques em Cuiabá

mauren lazzaretti sema 400   Fechados desde 1º de abril, em obediência às regras de decreto municipal, que suspendiam as atividades coletivas, os parques estaduais urbanos de Cuiabá reabrem nesta segunda (19) para utilização pelo público. Será possível acessar as tradicionais trilhas...

Pilha em Jayme pra disputar o Governo

jayme campos 400   Mesmo sabendo que Jayme Campos (foto) não entra em disputa onde percebe dificuldades para vencê-la e militando no mesmo partido de Mauro Mendes, o DEM, algumas lideranças políticas têm instigado o senador a se lançar ao governo estadual. Para tentar convencer Jayme, lançam...

Scheila assume APDM e cita projetos

scheila pedroso 400   Esposa do prefeito sinopense Roberto Dorner, Scheila Pedroso (foto), primeira-dama e secretária municipal de Assistência Social, passa a tocar, pelos próximos dois anos, a Associação para o Desenvolvimento Social dos Municípios de MT (APDM/MT). Ela promete juntar força com os...