Últimas

Sexta-Feira, 11 de Maio de 2007, 08h:18 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

ARTICULAÇÃO

A pedido de Lula, Aécio declara apoio a Pagot

  O governador mineiro Aécio Neves (PSDB), pré-candidato à sucessão presidencial em 2010, telefonou para Luiz Antônio Pagot, se comprometendo a ajudá-lo na articulação política no Senado. Pagot enfrenta nos próximos dias uma sabatina no Congresso Nacional, último obstáculo que falta vencer para assumir a direção-geral do Departamento Nacional de Infra-Estrutura de Transportes (DNIT).

  Aécio manteve contato com Pagot a pedido do presidente Lula. Na semana passada, o governador tucano reclamou para o petista, com quem passou a se aproximar politicamente, sobre as condições precárias das rodovias federais em Minas. Lula pediu paciência a Aécio e aproveitou a reunião para pedir apoio do mineiro no processo de nomeação de Pagot no Dnit.

   No encontro, o presidente da República fez rasgados elogios ao ex-secretário do governo Blairo Maggi. Observou que Pagot foi importante nas articulações e na tomada de decisões estratégicas em sua campanha à reeleição no segundo turno e que o considera competente. Segundo Lula, Pagot conseguirá resolver os problemas das BRs e, no caso específico de Minas, promete a Aécio que a reivindicação será atendida, tão logo o mato-grossense seja nomeado ao cargo,

   Como a bancada do PSDB no Senado ingressou com requerimento à Mesa Diretora, a fim de levantar informações sobre a ficha funcional de Pagot com a intenção de dificultar sua nomeação, Aécio foi acionado por Lula para atuar como articulador. O governador, então, telefonou para Pagot, prometendo empenho nesse sentido.

Postar um novo comentário

Comentários (7)

  • Francisco Alencar | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Parabéns RD por noticiar a decisão do gov. mineiro Aécio Neves em apoiar Pagot para o DNIT. Aécio demonstra estatura política, diferente do comportamento do derrotado matogrossense Antero Paes de Barros que tudo fez para prejudicar Pagot e, consequentemente, o estado de Mato Grosso no cenário nacional. Motogrossenses como Antero Paes de Barros, como a pseudo-jornalista Adriana Vandoni fazem com que nosso estado não cresça politicamente e não tenha representatividade nacional.
    Antero quando teve a oportunidade de mostrar serviço em nome de Mato Grosso na CPI do Banestado foi uma lástima, foi acusado até de vender informações em benefício próprio.

  • Michel Andrade | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Não é a toa que esse governador de Minas é considerado inteligente e competente, muito diferente desse derrotado Antero Paes de Barros. Quem é ele para criticar quem quer que seja. Muitas coisas estão até o momento sem resposta. Ele não passa de um falastrão, sem conteúdo. A única coisa que pesa sobre Luiz Antonio Pagot é por ser trabalhador. Ora isso realmente vem incomodando muita gente.Por exemplo o Km de asfalto que era cobrado uma fortuna. Isso o Antero deveria ter feito, ja que esteve sempre no puleiro no governo Dante. Chega a ser nojento a atitude desse derrotado. Por isso que Mato Grosso continua sendo um estado periférico, por pessoas desse tipo.

  • Antonio Luiz de Souza | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Muito estranha esta atitude do presidente lula. Ora, porquê ele teria que envolver o aécio nesta articulação para nomear pagot?Ou o presidente está sem liderança no senado ou quer queimar alguém, pois ele como presidente têm a autonomia necessária para indicar quem quer que seja para ocupar o dnit, ou não? Essa noticia pode ser uma senha de que a nomeação do pagot está mais complicada do que se pode imaginar. Na verdade, como eleitor consciente, sem vínculos políticos partidários acho que até hoje aquela história do apartamento do moacir pires não foi bem explicada. Embora o pagot me parece uma pessoa trabalhadora, mas, nesse episódio com o chefão da currupira foi, no mínimo, muito estranho.

  • Maria José | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Antero e Pagot no DNIT.

    Há quem ainda considere o ex-senador Antero Paes de Barros um hábil político. Há gosto pra tudo. Mas a manobra por ele tentado, para evitar a nomeação de Luiz Antônio Pagot no DNIT, mostra seu primarismo nesse terreno minado de espertalhões.
    Como se não bastasse o insucesso da empreitada, conseguiu se indispor com companheiros de partido, que não concordaram com a manobra do ex-senador.
    Porém, a infelicidade de Antero é de menos. Nem sempre se ganha, nem sempre se perde – embora perder, no caso dele, começa virar rotina. Mas, enfim, ele apostou, movido pelo umbigo e pela vaidade, pensando no SEU futuro, e se deu mal. O problema é a consequência da derrota para o estado de MT.
    Um dos maiores caciques do PSDB, o governador de Minas Gerais Aécio Neves, já hipotecou apoio ao ex-secretário de Educação de Mato Grosso. Por hipoteca, subtende-se eliminar barreiras no partido tucano e avalizar junto ao governo federal. Pronto, agora a novela Pagot no DNIT chega ao fim.
    E é aqui que surge o problema para MT. Pagot finalmente vai, porém não com a força de MT (se é que existe). Vai porque o talvez futuro presidente da República, segundo pesquisas, deu aval. Mas antes, Aécio, esse sim hábil, deu o recado: “Minas Gerais tem a maior malha viária do país, precisa dos recursos do DNIT para manter as estradas em boas condições de trafegabilidade e Pagot é o homem indicado para comandar esta pasta”.
    Como não se serve a dois senhores (do contrário, algum há de enganar), a quem, em primeira instância, Pagot deve o cargo?
    Ah Antero..., por essas e outras o povo dessa terra não o elege para mais nada.

  • PEDRO PAULO BARROS LIMA | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Chega ser patético a atitude despeitada do Sr.Antero,que não honra o nome que o Professor Ranulpho lhe deu.
    Fez toda a sua carrreira politica calcada em mentiras fofocas e intrigas.Não tem uma obra para mostrar ao povo do nosso estado.
    Chega Senhor Antero, vá tocar sua viola em outra freguesia,aqui o povo já lhe conhece e não "te compra mais"
    Quem é o Senhor para levantar suspeita sobre quem quer que seja, vá trabalhar e deixa nosso Estado seguir na direção certa.
    Tenha paciencia, que coisa mais feia,ficar delatando as pessoas de bem, que trabalham em beneficio de todos os matogrossenses, e não apenas do seu grupelho, que aliás é o seu estilo e da sua "Tchurma"
    CHEEEEEEEEGA DE ANTERO'S"

  • Jose Aparecido Vieira | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Indicação para um cargo tão importante como essa geralmente tem que ser apessoas sem nenhum desgaste. Se é verdade o que li sobre sua pessoa, não vai conseguir.
    Também não acho ele tão eficiente assim, pois em meu município uma escola passou por uma polemica reforma que durou quase tres anos, causou um prejuízo enorme à educação e foi concluída com defeitos e falhas grotescas que até mesmo um mestre de obras dos mais inesperientes faria melhor.(Sem falar no asfalto da MT 130 que já apresenta techos problemáticos com um apenas pouco mais de ano de uso)
    Existe uma maquiação muito grande em prol de seu nome.
    O apoio do Aécio Neves vai ajudar, mas se tiver algo comprometedor em sua ficha será desgaste também para o governador Mineiro

  • Jose Aparecido Vieira | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Indicação para um cargo tão importante como essa geralmente tem que ser apessoas sem nenhum desgaste. Se é verdade o que li sobre sua pessoa, não vai conseguir.
    Também não acho ele tão eficiente assim, pois em meu município uma escola passou por uma polemica reforma que durou quase tres anos, causando um prejuízo enorme à educação e foi concluída com defeitos e falhas grotescas que até mesmo um mestre de obras dos mais inesperientes faria melhor.(Sem falar no asfalto da MT 130 que já apresenta techos problemáticos com um apenas pouco mais de ano de uso)
    Existe uma maquiação muito grande em prol de seu nome.
    O apoio do Aécio Neves vai ajudar, mas se tiver algo comprometedor em sua ficha será desgaste também para o governador Mineiro

Máquinas para reciclar garrafas pets

maquina 400 curtinha   Sob iniciativa da secretaria de Inovação e Comunicação da Capital, dentro dos projetos que buscam a sustentabilidade, a prefeitura vai colocar máquinas de reciclagem de garrafas pets em 15 pontos da cidade e com possibilidade de ampliar os locais de recolhimento. Em troca, o cidadão...

4 fora da reeleição em Rondonópolis

jailton 400 vereador curtinha   Em Rondonópolis, quatro dos 21 vereadores não devem ir à reeleição, sendo eles Thiago Muniz (DEM), Rodrigo da Zaeli (PSDB), Hélio Pichioni (PSD) e Jailton do Pesque e Pague (foto), do PSDB. Thiago e Rodrigo têm esperanças de concorrer a...

Prefeito apoia vice à briga em Cáceres

eliene liberato 400 curtinha   Francis Maris vai mesmo declarar apoio oficial à pré-candidatura da empresária Eliene Liberato à sucessão em Cáceres. Em público, o prefeito faz mistério para não contrariar outros pretensos candidatos do grupo e que têm esperanças de receber...

Preparando um dos aliados a federal

mauro carvalho 400 curtinha   Embora não comente publicamente, o governador Mauro Mendes está "costurando" acordos políticos com líderes mais próximos, visando não só o pleito de 2020, mas também às eleições gerais de 2022. Em época de busca de projetos e de...

Salvando 1º ano de mandato no cargo

selma arruda 400 curtinha   Embora "sangrando" e com a imagem arranhada, a juíza aposentada e senadora cassada pelo TRE-MT Selma Arruda, que trocou o PSL pelo Podemos, consegue concluir este primeiro de oito anos de mandato. E vai se licenciar nos próximos dias para ceder espaço aquele que financiou a sua campanha,...

Barbudo é menos empreguista de MT

nelson barbudo 400 curtinha   Dos oito deputados federais de MT, o estreante Nelson Barbudo (foto) é o menos "empreguista". Nestes 10 primeiros meses de mandato, ele nomeou no gabinete em Brasília e no escritório político em Cuiabá apenas 15 assessores. Cada gabinete pode ter até 25 secretários...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Como você avalia a decisão do Supremo de suspender prisão imediata após julgamento em segunda instância?

Concordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.