Últimas

Segunda-Feira, 15 de Outubro de 2007, 08h:00 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

Artigo

A revolução silenciosa da educação

     Uma revolução silenciosa está tomando conta da educação na capital mato-grossense. Uma concepção nova de gestão, com planejamento e foco na qualidade do ensino e valorização do educador.

    A primeira conquista diz respeito ao enfoque dado para a educação. Antes, era clara a preocupação apenas com a "estrutura" das instituições de ensino, em detrimento do aspecto mais importante: o pedagógico. Esta relação é muito tênue, e cabe ao gestor identificar de forma eficiente onde devem ser os investimentos na estrutura, porém dando prioridade para a melhoria da qualidade de ensino e da aprendizagem.

      Em Cuiabá, a primazia está no aperfeiçoamento do profissional da educação, com desenvolvimento de programas que dão suporte para o trabalho dos professores em sala de aula. A preocupação é com as dificuldades de ensino dos instrutores e em como melhorar e ampliar tecnologias para trabalhar com a diversidade em sala de aula.

     Um aspecto que merece ser ressaltado é o investimento para a inclusão de alunos portadores de necessidades especiais. Por meio do Programa "Educação na Diversidade", estão sendo montadas 13 salas multifuncionais com tecnologia que possibilita a atender aos alunos surdos, com deficiência visual, Síndrome de Down e até mesmo com paralisia cerebral.

      E a revolução não pára por aí: Cuiabá tem hoje 100% das suas crianças em sala de aula; duplicou o número de crianças em creches, saindo de 2.000 para 4.000; e também dobrou o contingente de alunos na pré-escola passando para 8.000. Existe um esforço para impedir a evasão escolar, num sistema de monitoramente que após três ausências consecutivas, profissionais vão até à casa do aluno para saber o motivo das faltas.

     A questão salarial, apesar de não resolver o problema da educação, é um grande incentivo na valorização do professor. A Secretaria Municipal de Educação de Cuiabá tem um dos melhores salários do país. Na capital, paga-se R$ 1.001,00 para 20h de trabalho sendo que o Estado paga R$ 648,77 na mesma carga horária. No Brasil, o piso para 40 h é de R$ 950,00.  

      Na quinta-feira passada, todos os professores da rede municipal receberam um computador completo numa parceria entre a Prefeitura de Cuiabá e os profissionais. Cada professor terá a contrapartida de 33% do valor do equipamento, dividido em 12 vezes. Além disso, por meio de pregão eletrônico, conseguiu-se reduzir o valor unitário de R$ 2.898,42 para R$ 1.221,00. Uma demonstração clara de eficiência na utilização e investimento dos recursos públicos. 

     Entendo que é importante para um Estado investir em estradas. Mas, entendo ainda que a educação precisa e deve ser prioridade para qualquer gestor público. Temos que agir para que tenhamos em Mato Grosso altos índices educacionais. Exemplos como a Escola Estadual Leovegildo de Mello, que pelo Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), obteve um dos piores resultados no país apresentando um índice 0,6 numa avaliação de 0 a 10, mostra a distorção no foco da educação pelo Estado.

      Portanto, parabéns ao prefeito Wilson Santos, à vice-prefeita Jacy Proença, ao secretário Carlão Nascimento e sua equipe pelo belíssimo trabalho na educação, pelo comprometimento e planejamento. Eles prometeram em campanha que teriam "mania de educação" e estão cumprindo o seu papel.

      Porém, meus parabéns especiais vão a todos os professores de Mato Grosso. Sem dúvida, são as nossas melhores conquistas.

     Carlos Avalone é deputado estadual, líder da bancada do PSDB na Assembléia Legislativa e vice-presidente da Federação das Indústrias do Estado de Mato Grosso

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Romoaldo, prescrição e elegibilidade

romoaldo junior 400 curtinha   Assim como Wilson Santos, o deputado Romoaldo Júnior (foto) assegura que hoje também está elegível porque uma condenação de dois anos e três meses de prisão, inclusive com perda do mandato, acabou prescrita. Ele disse que ainda não sabe se disputará...

Juca quer ex-deputado no Gabinete

roberto nunes 400   O presidente do Legislativo cuiabano, vereador Juca do Guaraná, disse que irá convidar o ex-vereador, ex-vice-prefeito e ex-deputado estadual Roberto Nunes (foto) para assumir a Chefia de Gabinete da Presidência. Enfatiza que Roberto é bem articulado politicamente, tem habilidade e experiência e,...

Governo "desmama" senador do Dnit

wellington fagundes 400   O Governo Bolsonaro conseguiu, enfim, "desmamar" Wellington Fagundes (foto) do Dnit. Há décadas, entra e sai governo e o ex-deputado federal por seis mandatos (24 anos) e no cargo de senador desde 2015 vinha indicando apadrinhados no cargo de superintendente regional do Dnit em MT. O último foi Orlando...

Ex-deputado demitido de assessoria

luiz soares 400   O ex-deputado Luiz Soares (foto), hoje com 63 anos, foi exonerado do cargo de assessor parlamentar do contemporâneo Wilson Santos. Ganhava quase R$ 10 mil brutos. Estava lotado no gabinete do deputado tucano havia quase dois anos. Soares é pensionista do extinto Fundo de Assistência Parlamentar, ganhando...

Arsec concede reajuste; prefeito veta

alexandro adriano arsec 400   No último dia 22, a diretoria-executiva colegiada da Agência Municipal de Regulação de Serviços Públicos Delegados de Cuiabá (Arsec), presidida por Alexandro Adriano Lisandro (foto), aprovou índice de reajuste de 2,21% nas tarifas de água e esgoto. E...

Novo ensaio do privilegiado Neurilan

neurilan fraga 400   Neurilan Fraga (foto) transformou mesmo a AMM não apenas num cabide de emprego, mas numa entidade para, em alguns casos, atender a seus interesses pessoais. Ali, investido no cargo de presidente, inclusive já pelo quarto mandato, mesmo não sendo mais prefeito, ele se articula politicamente o tempo todo....

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT optou pela implantação do BRT em Cuiabá-VG em detrimento do VLT. O que você acha disso?

Estou de acordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.