Últimas

Domingo, 30 de Setembro de 2007, 11h:00 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:16

CONFRONTO

Abicalil define candidatura e critica gestão Serys

Deputado disputará presidência do PT/MT, defende retomada das raízes e diz que a atual direção não sabe, sequer, o quadro de vereadores 

    O deputado federal Carlos Abicalil decidiu oficialmente disputar a presidência estadual do PT e aponta falhas na atual gestão, conduzida pela senadora Serys Marly. A definição por candidatura saiu neste sábado, durante encontro da corrente Unidade na Luta no colégio Nilo Póvoas, em Cuiabá. Agora, o ex-Campo Majoritário, que congrega lideranças como os deputados estaduais Alexandre Cesar e Ságuas Moraes, que hoje responde pela secretaria de Estado de Educação, vão se unir contra o grupo da senadora Serys, que também será candidata a novo mandato. A eleição concomitante para os diretórios municipais, estadual e nacional acontece em 2 de dezembro.

   "Assumi o compromisso de candidatura para resgatarmos a história do PT. Estamos agora trabalhando a composição da chapa", diz Abicalil, em entrevista neste domingo ao RDNews. A chapa, com 60 membros para o diretório regional, deverá ser registrada dentro do prazo de inscrição, que vai até 9 de outubro. Na avaliação de Abicalil, o PT precisa ter o pragmatismo e a capacidade de iniciativas para uma relação íntima com a sociedade.

   O candidato à presidência estadual da legenda petista criticou à atual gestão, sob Serys, para quem não promove reuniões da militância, mesmo o partido estando presente em 54 administrações municipais. "É inacreditável que em 54 administrações o PT esteja presente e nunca se discutiu isso". Abicalil observa que em 2004 o partido elegeu 105 vereadores e hoje o comando regional não sabe, de fato, quantos compõem o quadro e nem promove encontro entre os parlamentares. "A vida partidária precisa ser retomada".

     Críticas

     Perguntado sobre como avalia o mandato de Serys, sua concorrente na disputa interna, o deputado Abicalil disse que a senadora fez uma gestão de trânsito". "Ela (Serys) ganhou num momento de crise e não deu conta de cumprir o que prometeu e o PT precisa retomar as raízes, ter unidade de ação e respeito a todas as decisões majoritárias e que dê mais atenção à militância".

   Abicalil entende que o PT precisa se fortalecer para o pleito do próximo ano e também para 2010, quando o partido enfrentará a primeira eleição sem Lula. "O PT precisa ter o pragmatismo político e isso deve ser adquirido nos Estados, como Mato Grosso, para serem puxadores de votos".

    O deputado diz esperar que ocorra uma campanha de alto nível. Sobre política de alianças, observa que, dentro das características da corrente Unidade na Luta, propõe a busca do crescimento, preservando o pragmatismo e as alianças em torno do governo do presidente Lula. O ex-Campo Majoritário, pertencente a Abicalil, teve o comando partidário interrompido por Serys. Até então, vinha "abocanhando" todas as eleições. Nas últimas, ganhou com Nelson Borges, Girlene Ramos e Alexandre Cesar.

    Estrutura

   O deputado contesta a matéria do RDNews, intitulada "Abicalil convoca grupo para discutir candidatura", em que aponta uso político do Sintep no seu trabalho de mobilização dos militantes para este final de semana. Segundo o deputado, jamais recorreu a entidade que representa os profissionais da educação da rede estadual com interesse político-eleitoreiro e muito menos a estrutura do Sintep. Abicalil assegura que o calendário do Sintep para encontro em Cuiabá já estava agendado há 60 dias e não foi em função da reunião dos simpatizantes da tese Construindo um Novo Brasil. "A matéria foi injusta também para com o Sintep".

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • professora Cida | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Deputado Federal Carlos Abiclil, o mais votado da história de Mato Grosso, é o melhor nome para admnistrar qualquer instituição. Como Diretor de Escola, eleito no primeiro processo democrático para as direções de escola, fez a melhor gestão escolar que já tive a oportunidade de trabalhar. Merece nosso respeito. Além disso, ABICALIL é nome reconhecido internacionamente pela sua capacidade e sabedoria. O PT irá ganhar em qualidade e certamente irá crescer como cresceu o SINTEP, que mesmo sem recurso, vale lembrar que o governo Jaime havia retido os recursos financeiros da entidade sindical, mesmo assim o SINTEP passou a ser referência sindical na América Latina e até internacional. Como petista agradeço a disposição do Deputado em trabalhar pelo meu querido PT.

  • gilmar | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Este grupo protege a turma do dossiê e tem membros do caixa dois. Cuidado Maggi.

  • José Augusto Alexandria Alves | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O grupo do deputado Carlos Abicalil, jogou pra trás a história do PT, de oposição ferrenha a gestão do governador Blairo Maggi, que é a pessoa q mais desmata a floresta amazônica, que deixou na mão o estado, e principalmente a capital, por esses motivos vou votar na senadora, para que ela continue na presidência do PT de Mato Grosso.

  • fernando botelho | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Esse abicalil so fala besteira em cuiaba.....em brasilia não trabaçlha por mt e so para abafar escandalos

  • silvio arruda | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    ja a muito tempo o pt dexou de ser um partido.dos cuiabanos agora e equiparados a dos coruptos como esses que estao ai.

Emanuel no PTB e reeleição do filho

emanuelzinho 400   O PTB está sendo preparado para receber a filiação do prefeito Emanuel Pinheiro, que iniciou o segundo mandato em Cuiabá. Sem ambiente para seguir no MDB, onde passou a enfrentar resistência de toda a bancada do partido na Câmara Federal e na Assembleia, Emanuel recebeu convite de...

Ex-deputado "detona" Aliança por MT

victorio galli 400 curtinha   As deputadas federais Carla Zambelli e Bia Kicis, que estão na linha de frente pela criação do Aliança pelo Brasil, partido idealizado por Bolsonaro e ainda na fase de coleta de assinaturas para ser formalizado, foram informadas de que o ex-deputado federal Victório Galli...

Saúde em MT sob iminente colapso

Os números da pandemia da Covid-19 em MT são alarmantes. Entre sexta e este sábado foram registrados 1.050 novos casos de pessoas infectadas com o vírus e mais 21 mortes. Desde o início da pandemia, quase 5 mil mato-grossenses já morreram da doença. Em Cuiabá, o índice de ocupação de UTIs chega a 69%, superando o pior período da pandemia, registrado em agosto do ano passado. Em outras regiões do Estado, a...

Prefeito já teve 2 aliados executados

ze do patio 400 curtinha   O prefeito de terceiro mandato Zé do Pátio (foto), de Rondonópolis, já teve dois assessores próximos e de extrema confiança assassinados. Em setembro de 2012, João César Domingos, que era muito próximo de Pátio, havia atuado no Instituto de Pesquisa e...

Pascoal entre preferidos para o TCE

pascoal santullo 400   Assim como a Assembleia, que tem vários deputados de olho no cargo vitalício no TCE, o Palácio Paiaguás vai brigar pelo direito à indicação à cadeira de conselheiro, caso seja homologado e autorizado o pedido de aposentadoria já feito por Waldir Teis, que...

Governo vai ter consultoria hospitalar

gilberto figueiredo 400 curtinha   O governo estadual terá consultoria em assistência hospitalar. O processo de contratação é tocado pela secretaria de Saúde, sob Gilberto Figueiredo (foto). A ideia é buscar melhorar o atendimento à população e os índices de...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT optou pela implantação do BRT em Cuiabá-VG em detrimento do VLT. O que você acha disso?

Estou de acordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.