Últimas

Segunda-Feira, 02 de Junho de 2008, 15h:42 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:20

ARTICULAÇÃO

Abicalil quer aliança com o PR; Gilney é contra

Gilney Viana, ex-deputado e militante histórico do PT  Os petistas divergem opiniões sobre a composição PT-PR visando as eleições da Capital, enquanto os republicanos já se mostram convictos de que o PT desistirá de lançar candidatura própria encabeçada por José Afonso Portocarrero e assumirá o posto de vice do empresário Mauro Mendes (PR), na disputa à sucessão municipal. O ex-deputado estadual e ex-secretário de Desenvolvimento Sustentável do Ministério do Meio Ambiente, Gilney Viana (PT), por exemplo, defende com "unhas e dentes" que a sigla petista tenha candidatura própria.

  "Somos candidatos a prefeito. Qualquer discussão fora disso é secundário. O PT tem que ter candidatura própria independente de coligarmos com o PR", assegura Gilney, em entrevista ao RDNews nesta segunda (2), durante o congresso sobre reforma tributária. Pondera, porém, que respeita Mendes. "Respeito ele (Mendes), mas meu candidato é Portocarrero". Enfatiza que o "prefeiturável" é competitivo. Já o deputado Carlos Abicalil, que preside o PT regional, se mostra favorável ao acordo. Para ele, já há uma aliança consolidada entre PSB, PR e PT, então não há porque haver resistência.

   Por sua vez, Portocarrero conta que numa conversa com Mendes, o republicano disse que abriria mão de ser candidato para ser seu vice. Por isso, não vê razão para não fazer o mesmo. "Sou filiado ao PT e vou atender a posição partidária. Se o partido decidir vou acatar".  A definição oficial deve acontecer no próximo domingo (8), quando será feita uma eleição com vistas a chegar num consenso para a disputa eleitoral deste ano. (Pollyana Araújo)

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • Paulo Mattos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O PT não tem um projeto político próprio para o futuro de Mato Grosso e a prova mais concreta dessa afirmação assenta-se no fato de que nas eleições municipais vindouras, para gáudio maior de seus Deputados e senadora adesistas, não concorrerá`à Prefeitura mais importante do Estado, a de Cuiabá. Politicamente é um retrocesso inominável essa postura apolítica do PT, mesmo porque, ao proceder dessa forma, desmistifica o dircuso tradicional de que a legenda possuísse um projeto de Poder mais elástico, com a formulação de políticas públicas que consolidassem o crescimento e o bem estar da população brasileira, no geral, e de Mato Grosso em particular. Desmitificando suas origens, renegando o seu passado histórico de lutas, dissociando-se de sua militância, os atuais poderosos petistas do Estado (Serys Marly, Abicalil, Alexandre César, Ságuas Moraes, Verinha Araujo ) comprovam publicamente o apego que passaram a ter pelo poder e pelos poderosos, a eles somente interessando as composições políticas que lhes aufiram sempre os benefícios pessoais a que se acostumaram com as mordomias proporcionadas pelo mando, pelo poder. Para onde foi a vibrante e aguerrida Verinha do PT ? O que tem feito Abicalil pelo Partido, que não contribuir para a sua iminente cisão ? E Alexandre César, o inebriado e traidor das aspirações dos municipes cuiabanos ? E Ságuas, o ex-petista de carteirinha. Francamente, O PT, com esses donatários desfigurou-se, cindiu-se, humilhou seus bravos militantes (aqueles mesmos que nunca compartilharam com as benesses dos poderosos) e está proporcionando o exemplo mais recente de que política só é boa quando se está na oposição; mudando de lado as coisas ficam muito bem mais confortávei$$$. A ideologia partidária que se dane, afinal você é tão pobre ...

  • Alvaro Neves | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Uéééé´! O Gilney ainda mora em Mato Grosso?
    VÔTE!!

  • SILVIO ARRUDA | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    - ha tentai pois toda via o porto tem tradiçao.e gente nossa.ele representa a divisao da cuiabania.juizo PT.

Com certidão pra disputar 1ª suplência

dito lucas 400 curtinha   Filiado ao Podemos, Dito Lucas (foto), que entrou de última hora como primeiro-suplente da chapa ao Senado encabeçada por José Medeiros, assegura que vai apresentar novamente sua certidão junto à Justiça Eleitoral, de modo a provar que sua candidatura é legítima....

Um novo embate entre Diane x Adair

diane alves 400 curtinha   Adair José Alves Moreira, que vinha atuando na assessoria do vice-governador Otaviano Pivetta, decidiu mesmo concorrer de novo à Prefeitura de Alto Paraguai. Ele já foi prefeito por duas vezes. Adair será o principal nome da oposição à prefeita democrata Diane Alves (foto),...

Taques ofuscado e sob mira do MPE

pedro taques 400 curtinha   Pedro Taques (foto) achou que o recall dos tempos de senador e governador, ajudando-o a se posicionar de forma razoável nas pesquisas, bem antes do início da campanha, o manteria como favorito na corrida ao Senado. Ledo engano. Não levou em consideração o alto índice de...

2 caciques não disputam Alto Garças

roland trentini 400 curtinha   Após décadas de rixas, de campanhas ostentadoras, rachas e brigas eleitorais intermináveis em Alto Garças, os ex-prefeitos Rolando Trentini (foto) e Júnior Pitucha resolveram não mais concorrer ao Executivo. Mas, um deles segue se movimentando nos bastidores. Pela...

Um ex-prefeito inelegível em Poconé

clovis martins 400   Dificilmente o ex-prefeito petebista Clovis Damião Martins (foto) terá registro de candidatura a prefeito de Poconé deferido pela Justiça Eleitoral. O promotor de Justiça, Mário Anthero, já pediu impugnação do registro do petebista por inelegibilidades. Clovis, que...

Briga em Sinop entre Juarez e Dorner

juarez costa 400 curtinha   Em Sinop, a briga eleitoral caminha para tensão e acirramento entre o emedebista Juarez Costa (foto) e Roberto Dorner (Republicanos). Hoje, o ex-prefeito seria eleito, mas Dorner vem crescendo nas adesões, com ajuda do vice de sua chapa, ex-vereador Dalton Martini (Patriota). O apoio da prefeita Rosana...